Yamaha XTZ 250 X

Yamaha XTZ 250 X

95%

dos usuários recomendam esta moto

Satisfação Geral 4.35715
Visual 4.61905
Conforto 3.8095
Performance 3.90475
Dirigibilidade 4.64285
Consumo 4.4524
Custo x Benefício 4.33335


Ficha Técnica


Cilindrada: 249.00 cc

Tipo de Motor: 4 tempos

Arrefecimento: Ar

Combustível: Gasolina

Potência Máxima: 21.00 cv a 7500 rpm

Torque Máximo: 2.10 kgf a 6500 rpm

Transmissão: 5 marchas

Injeção: Eletrônica

Partida: Elétrica

Chassi: Aço

Suspensão dianteira: Convencional

Ajuste da suspensão dianteira:

Suspensão traseira:

Ajuste da suspensão traseira:

Balança: Convencional
DIMENSÕES

Peso (seco): 0 kg

Peso em movimento: 143.00 kg (MVOM)

Comprimento: mm

Largura: 830 mm

Altura: 1163 mm

Altura do Banco: 870 mm

Distância entre Eixos: 1390 mm

Pneu Dianteiro: 110/70-17M/C (54S)

Pneu Traseiro: 130/70-17M/C (62S)

Capacidade do tanque:

Outras Versões

XTZ 250 X

2017, 2010, 2009, 2008
(ver todas)

Principais avaliações

Não recomendo!

Contras: Fui obrigado a desistir desta moto devido às constantes quebras de placa, do suporte de placa e do quadro na parte onde é fixado o suporte da placa. Em apenas 1 ano e 5 meses com esta moto, fui obr...
2.5
Iran Ferreira De Macedo - 18/08/2012

Recomendo!

Pros: Estilo único. Adoro o estilo SM. Uma moto que faz muita, mas muiiiiita curva. Nunca tive um brinquedo tão divertido! Resistente, confortável, muito fácil de guiar, leve, ágil. Não há palavras para ...
4.5
Flávio Makoto Nemoto - 07/11/2012

Recomendo!

Pros: A X, assim como a Lander, é uma moto leve. Seu peso aliado aos aros 17" e pneus street lhe conferem uma dirigibilidade e agilidade muito boa no trânsito. Curvas fechadas rápidas, mudanças repentina...
4
Allan Saito - 03/12/2012

Recomendo!

Pros: Leveza e agilidade no trânsito, mecânica simples e resistente, única no seu estilo, consumo baixo, bom torque.
5
José Luiz - 19/06/2012
Ver todas as avaliações


Veja motos deste modelo à venda (ver todas)

De R$ 6800 a R$ 8950 entre 7 ofertas disponíveis

Modelos similares a Yamaha XTZ 250 X


Outros Modelos Yamaha



Todas as avaliações desta moto

Avaliação de Iran Ferreira De Macedo em 18/08/2012

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2009

Comentários:
Esta moto foi uma decepção para mim. Andei de YS 250 Fazer por 3 anos e a troquei pela Lander X por querer uma moto mais alta, com melhor suspensão, mais bonita e, principalmente, mais robusta. A Fazer durante 3 anos só deu manutenção nas revisões, o que já era esperado. Ao passar para a Lander X o problema de quebra da placa e do suporte da placa mostrou que a moto não era mais robusta que a Fazer. Quebrava de 2 em 2 meses. Após 1 anos e 5 meses cansado de gastar dinheiro re-emplacando a moto e comprando novos e alternativos suportes de placa, fui obrigado a trocar de moto novamente. Tirando o problema da vibração e quebra do suporte da placa, da placa e do quadro, esta moto tem um ótimo conjunto para o que foi projetada. Uma decepção para mim. Lander X nunca mais!
Pros:
Moto linda. Uma das mais bonitas motards que tivemos. Baixo consumo de combustível. Na estrada: 27/1. Na cidade: 31/1. Valor baixo das revisões periódicas. Valor baixo das peças de reposição (pneus, relação, caixa de direção). Ótima dirigibilidade. Faz curvas fechadas como nenhuma outra que tive. Moto muito pouco visada para roubo. Valor de seguro muito baixo. Moto muito leve e suave para pilotar. Melhor ciclistica que já tive. Boa suspensão.
Contras:
Fui obrigado a desistir desta moto devido às constantes quebras de placa, do suporte de placa e do quadro na parte onde é fixado o suporte da placa. Em apenas 1 ano e 5 meses com esta moto, fui obrigado a colocar 3 placas devido à quebra. Depois da placa reforçada com uma chapa, a vibração que a moto oferece ao suporte começou a quebrar as chapas do próprio suporte. E, já próximo de trocar a moto, a chapa de metal soldada ao quadro da moto rachou por duas vezes. Todas as manutenções do suporte e do quadro foram feitas na autorizada da minha cidade. Os mecânicos disseram que nunca tiveram problemas do tipo, mas basta ver no fórum desta moto que o problema de quebra devido às vibrações são constantes. Após 1 ano e 5 meses, decidi não mais me aborrecer com este problema de quebras constantes e fui, andando na moto e com a placa dentro da minha mochila, até a concessionária para trocar a X por uma XT 660R. Tanque muito pequeno. Apenas 11 litros. Autonomia muito pequena, chegando a 180 km rodados para entrar na reserva. Por ser motard e, por isso contar com pneus para estrada, não é a melhor moto para Off-Roads. Ela até encara um Off leve, mas já passei alguns sustos andando em estradas de chão batido com garupa devido aos pneus sairem muito, quase tomando alguns tombos. Banco muito duro, tanto para o piloto quanto para o garupa. Motor bem barulhento quando em altos giros.

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Terra, Estrada
Quilometragem
24500
Manutenção
Dentro do esperado
Custo de Mantenção
Normal
2.5
4.5
3
4.5
4.5
4.5
3.5
Esta análise foi útil para você? Sim (16) Não (2)

Avaliação de Flávio Makoto Nemoto em 07/11/2012

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2008

Comentários:
Uma pena a Yamaha ter tirado ela de linha. Deveria ter mantido a Lander X e a Teneréé. Fui um dos felizes proprietários desta maravilhosa moto. Vai deixar muitas saudades. Parabéns a Yamaha por este ótimo produto!
Pros:
Estilo único. Adoro o estilo SM. Uma moto que faz muita, mas muiiiiita curva. Nunca tive um brinquedo tão divertido! Resistente, confortável, muito fácil de guiar, leve, ágil. Não há palavras para tanto elogio. Faz cerca de 30Km/L na cidade. Motor extremamente resistente e durável! A minha está indo pra casa de 50.000Km. Uso para ir trabalhar, e ela cumpre com maestria o dia a dia! Foi a melhor 250cc que tive até hoje! Valeu cada centavo investido! É um produto de qualidade! Comprei ela no lugar de minha Yamaha Fazer, que foi roubada com 100.000Km. Resumo da ópera, o motor da Yamaha deve ser o mais resistente do mercado neste segmento! Não consigo sentir a diferença de uma moto 0Km e o da minha que está com 50.000Km. Se toda moto fosse assim! Pela qualidade pra mim justifica a Yamaha ter as peças um pouco mais caras. Porém a frequencia com que as peças são trocadas são mínimas. Minha relação foi trocada com 40.000Km. Acho sensacional! Tenho esta moto a 2 anos e meio!
Contras:
Apenas os plásticos, que por sinal, são de péssima qualidade! Quando comprei mandei envelopar a moto. Melhorou muito o efeito contra os riscos!

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Terra, Estrada
Quilometragem
0
Manutenção
Dentro do esperado
Custo de Mantenção
Normal
4.5
4.5
4
4.5
5
5
5
Esta análise foi útil para você? Sim (11) Não (0)

Avaliação de Allan Saito em 03/12/2012

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2009

Comentários:
Acredito que a XTZ250 X seja uma boa opção para os que gostam do visual Supermotard, mas não ligam muito para performance. Ela tem boas características que a deixam bastante competitivas com suas rivais de mercado, entretanto, como qualquer outra moto no Brasil ela não vale (ou não valia) a fortuna que pediam por ela 0km (mas se for pensar assim vamos ficar sem moto, sem carro e até sem bicicleta).
Pros:
A X, assim como a Lander, é uma moto leve. Seu peso aliado aos aros 17" e pneus street lhe conferem uma dirigibilidade e agilidade muito boa no trânsito. Curvas fechadas rápidas, mudanças repentinas de direção e frenagens fortes são bem legais de se fazer nessa "supermotard". O visual, mesmo totalmente original, é um forte atrativo e por várias vezes fui questionado na rua se ela era assim de fábrica etc. O conforto é discutível. Depende do tamanho do piloto e de sua postura, mas o banco é duro e bem cansativo se pilotada por algumas horas seguidas. Sobre o consumo de combustível eu a considero na média ou ligeiramente melhor que outras 250cc. Fazendo alguns testes em várias situações distintas obtive dados razoáveis. O consumo variou da seguinte forma: - Andando leve com acelerações bem graduais (até lentas, digamos assim), desligando o motor em semáforos mais demorados e engatando o neutro quando avistava um sinal vermelho: 34,6km/l; - Andando normal sem pensar em economia, seguindo o fluxo do trânsito e mantendo uma rotação média: 29km/l; - Andando forte com acelerações e frenagens bruscas, curvas "com emoção" e rpm sempre "da metade pra cima": 24 a 25km/l; - Andando na pista (duplicada e tentando ao máximo acompanhar uma Z750 e uma V-Strom) com acelerador totalmente aberto quase 100% do tempo: 19km/l. Outro ponto positivo é a facilidade de encontrar peças de reposição e seus valores. Faço as revisões em casa e o custo da manutenção é realmente baixo. Algo que também acho interessante e digno de comentário é o painel da moto. Bem completo para uma moto pequena, com contagiros, medidor de combustível, dois odômetros parciais e um terceiro que começa a marcar assim que a moto entra na reserva. Dessa forma você sabe exatamente o quanto rodou depois que o marcador começou a piscar.
Contras:
Como tudo na vida, nem tudo são flores. A X também tem seus pontos negativos e que devem ser considerados antes da compra. Comecemos pelo acabamento dado às peças plásticas pela Yamaha. Tais peças (aletas, rabeta, farol) não possuem pintura e nem mesmo uma camada de verniz. É plástico puro mesmo e por causa disso eles riscam com uma facilidade assustadora. Dificilmente você encontrará uma Lander usada sem pequenos arranhões. O motor poderia ter um fôlego a mais, mas a Yamaha optou por priorizar a durabilidade e a economia. Isso deixou a moto um pouco "xôxa" principalmente se levarmos em consideração o visual de supermoto. Os freios são pouca coisa mais fracos do que deveriam. Acho que por não ser uma moto que anda forte a fabricante os deixou um pouco subdimensionados para economizar uns trocados. Resolve-se facilmente trocando as pastilhas por umas melhores e trocando os flexíveis pelos revestidos com malha de aço. Há alguns defeitos crônicos compartilhados com sua irmã (Lander), mas que até agora não me causaram nenhum problema.

Condições do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Estrada
Quilometragem
12500
Manutenção
Custo de Mantenção
4
4.5
4
1.5
4.5
3.5
3.5
Esta análise foi útil para você? Sim (11) Não (0)

Avaliação de José Luiz em 19/06/2012

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2010

Pros:
Leveza e agilidade no trânsito, mecânica simples e resistente, única no seu estilo, consumo baixo, bom torque.
Contras:
Banco duro, cansa um pouco em trajetos longos.

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Estrada
Quilometragem
10000
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Mantenção
Baixo
5
4.5
3.5
4
5
4.5
5
Esta análise foi útil para você? Sim (9) Não (0)

Avaliação de Diogo Bernardo em 28/07/2012

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2009

Pros:
Mecânica robusta, nos 30mil km da minha moto, troquei uma vela e a corrente (por erro meu pois ressequei os anéis o'rings da mesma com o uso de querosene), além de óleo, filtros e uma pastilha traseira. A versão X ainda é atual e tem um bom desempenho dinâmico na cidade. É muito econômica para uma 250 e um desempenho condizente com a cilindrada. Quem espera desempenho de 500 cilindradas em uma 250 não vai gostar da moto. Moto simples e funcional e atende em cheio quem precisa de uma moto pra cidade confiável, econômica e bonita. A minha uso em viagens longas de 1500km e nunca me deixou na mão. Nem pneu fura. Mantendo até 95km/h vai bem e é econômica. É muito divertida brincar com ela na pista de kart da minha cidade. Por enquanto a melhor moto que tive.
Contras:
Carenagens quase descartáveis, riscam fácil e perde o brilho mesmo abrigada ao sol. O painel é feio, parece frágil e o conta giros é uma piada, pequeno e difícil de visualizar. No asfalto não deve ter pressa, afinal não tem folego pra manter mais que 105, 110km/h sem esgoelar comprometendo durabilidade e consumo de gasolina. Os pneus Pirelli do modelo motard assustam na terra/areia, mas como são pra asfalto algo normal, apenas exigem atenção. A placa original de alumínio não dura nem 1 mês e deve ser substituída por uma de aço, que dura pra sempre hehe.

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Terra, Estrada, Pista
Quilometragem
30000
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Mantenção
Baixo
3
3
2.5
3
3.5
4
4
Esta análise foi útil para você? Sim (9) Não (0)

Avaliação de Rharlei Dias em 20/07/2012

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2009

Comentários:
Uma ótima moto, excelente acabamento, fácil manutenção!
Pros:
Visual chama a atenção, tem uma excelente conjunto de suspensões, o consumo é ótimo para uma 250cc fica por volta de 30km isso com o 'cabo enrolado'! Mobilidade fácil no transito. E um bom torque.
Contras:
Banco é duro. O motor não tem muito final. mas nada que seja de mais!

Condições do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Estrada
Quilometragem
11689
Manutenção
Custo de Mantenção
5
5
4
4.5
5
5
5
Esta análise foi útil para você? Sim (6) Não (0)

Avaliação de Marcel Biedacha em 06/08/2012

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2010

Pros:
consumo baixo em media de 26km a 30km por litro, mecânica simples, moto muito estilosa, tenho a 2 anos nunca tive problema ...
Contras:
Banco duro ( viajar mais de 300km com ele não tem como) Sistema de freio deixa a desejar, plásticos arranhão muito fácil. Saiu de linha muito cedo !

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Estrada
Quilometragem
0
Manutenção
Dentro do esperado
Custo de Mantenção
Normal
5
5
3
4
5
5
5
Esta análise foi útil para você? Sim (6) Não (0)

Avaliação de Joniel Mozer em 07/08/2012

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2008

Pros:
Ciclistica muito boa, economica de comparada as outras 250 do mercado, ja tenho uma a 4 anos, o assento é desconfortavel para viagens longas, coloquei um ERÊ na minha ficou muito linda, anos passado rodei 11 mil Km com ela entre Brasil, Peru e Bolivia, sem problemas so abastecendo e trocando óleo... pena ter saido de linha...
Contras:
banco muito fino e duro, pneus originais ruins fora de estrada mais coloquei pneus para udo misto ficou boa...

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Lazer
Terreno Testado
Urbano, Terra, Estrada, Pista
Quilometragem
40000
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Mantenção
Normal
4.5
4
3
4
5
4
4.5
Esta análise foi útil para você? Sim (6) Não (0)

Avaliação de Cristiano Mollica em 12/07/2014

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2008

Comentários:
Comprei uma tem 6 meses ano 2008 com 28mil km , cumpre o que promete, o motor já se consagrou com um bom tempo de mercado (desde 2005) .É muito fácil deitar nas curvas e possui bom torque para retomadas na cidade , seu câmbio de engate preciso e embreagem macia garantem prazer ao pilotar. Novamente o cÂmbio , como tem "somente" 5 marchas o motor trabalha em alta, por outro lado possui boas retomadas para uso urbano.Uso para o dia-a-dia onde possui bom consumo e facilidade na pilotagem. Andando sempre em alta faz 22km/litro comigo (105 kg) em baixa consegue chegar perto dos 30km/litro. Para viagens eu pularia para a tenerezinha 250 pela capacidade do tanque e pelo banco de dois níveis para viagens com garupa. Tomei um rola com ela e precisei trocar o protetor de escapamento aquele dianteiro "uma gradinha" que na concessionária custa uma bagatela de R$220,00. Todas as motos que compro testo na terra e no asfalto e digo: mesmo com os pneus on originais ela não fez feio em terrenos bem acidentados(exceto barro, lama). Eu recomendo !!!!
Pros:
Motor já consagrado desde 2005 Moto elástica , dribla qualquer trânsito na cidade Boas retomadas na cidade devido ao seu câmbio somente de 5 marchas Boas suspensões desde que não seja um cavalo de 105 kg igual a mim *rs
Contras:
Câmbio de 5 marchas - o motor , comigo, sempre trabalha em alta Banco duro - causa incomodo em longas viagens Tanque pequeno- pouca autonomia , reserva entra com 130 km aproximadamente Reserva do tanque desproporcional- entra na reserva com 130 km rodados e a reserva roda quase 100km ????!!!! Algumas peças absurdamente caras

Condições do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Terra, Estrada
Quilometragem
34000
Manutenção
Custo de Mantenção
4.5
5
3.5
4
4.5
4
3.5
Esta análise foi útil para você? Sim (6) Não (0)

Avaliação de Alberto Morgado em 24/09/2013

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2008

Comentários:
Uma moto fantástica, um segmento que não deu muito certo no Brasil (motard) e vendeu por apenas 2 anos. é uma moto muito bonita e ótima para uso urbano... possui um ciclistica incrivel, e é possivel fazer milagres com essa moto... Poderia receber um upgrade no motor, alguns cavalos a mais, seriam muito bem vindos! O suporte de placa é algo que da problema em todas, mas existe a solução
Pros:
Design - Mesmo já tendo saido de linha o paralama e protetor de bengala é somummente utilizado nas lander normal, por ser muito mai bonito... Agilidade - apenas pilotando uma para saber, muito mais ágil no transito que a fazer... Moto leve - boa para pilotos que estão começando e não tem costume e nem habilitade em segurar uma moto. Mais baixa que a Lander normal - ideal para quem é consideirado baixo como eu (tenho 1,70) Motor indestrutivel
Contras:
Vibração do suporte de placa - Nada que não possa ser resolvido com uma camara velha, e um protetor de placa daqueles de 5 reais Qualidade dos plásticos da "carenagem" - riscam muito fácil Por ser mais baixa, o guidão, pega nos retrovisores no corredor Motor poderia ser mais potente Cambio as vezes da umas enroscadas Freio poderia ser melhor - se torna meio borrachudo em dias muito quentes (persiste na lander normal)

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Estrada
Quilometragem
30000
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Mantenção
Baixo
5
5
4.5
4
5
4.5
4.5
Esta análise foi útil para você? Sim (5) Não (0)

Avaliação de Rodrigo Faustino em 25/11/2012

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2010

Pros:
Dirigibilidade fácil e leve, responde bem em baixa rotação. Melhor visual da categoria!
Contras:
Necessita up no freio dianteiro, tanque de combustível pequeno, pouca velociadade final, merecia sexta marcha.

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Estrada
Quilometragem
40000
Manutenção
Custo de Mantenção
4
5
4
3
4
4.5
4
Esta análise foi útil para você? Sim (3) Não (0)

Avaliação de Rodrigo Domingues em 16/04/2013

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2008

Comentários:
COMPRARIA OUTRA, COM CERTEZA!
Pros:
CONSUMO AGILIDADE ROBUSTEZ - falaram algumas bobagens ai embaixo, sobre suporte de placa!!!
Contras:
COMEÇOU A APARECER SINAIS DE FERRUGEM NOS AROS

Condições do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Terra, Estrada
Quilometragem
15000
Manutenção
Custo de Mantenção
4
4
4
4
4.5
5
4.5
Esta análise foi útil para você? Sim (3) Não (0)

Avaliação de Ricardo Andrade Leite em 13/09/2013

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2008

Comentários:
Visual esportivo e conforto de trail. Uma pena não ser mais fabricada. Adoro essa moto, mas como está ficando muito rodada penso em trocar, se tivesse fabricando pegaria uma zero ou 2013. A idéia de lançar uma lander modificada foi excelente. Tenho 1,76m e fico quase na ponta do pé quando paro, minha esposa tem 1,65m e consegue andar sem problemas. (Depois de alguns problemas com a rabeta, o amor pela moto não é mais o mesmo. Bonitinha, mas ordinária!)
Pros:
- Visual diferenciado. - Confortável. - Potente. - Leve para curvas. - Consumo relativamente baixo.
Contras:
- Tanque pequeno (11L). - Cambio um pouco duro. - Descanso alto (da lander original). - Indica tanque na reserva muito cedo (ainda teria 4L) mas acredito que seja para preservar a injeção eletronica ou a bomba de combustível. - A rabeta dessa moto é um caso sério, se não der uma atenção especial o prejuízo é grande. Troquei uma placa com 4 meses de uso e com 8 meses vi que o suporte de alumínio tá rachado e um novo custa uma grana.

Condições do Teste

Tempo de Uso
Menos de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Estrada
Quilometragem
31500
Manutenção
Custo de Mantenção
4
4.5
4.5
4
4.5
4
3.5
Esta análise foi útil para você? Sim (3) Não (0)

Avaliação de Rafael Isolani Ferezin em 14/09/2013

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2008

Comentários:
Apesar de escrever mais no "Contras" do que no "Prós", recomendo muito essa moto.
Pros:
Moto bonita com visual robusto. Sempre perguntam quantas cilindraras e se assustam por ser "apenas" uma 250cc. Tem mecânica confiável, porém eu particularmente tive problemas com a relação que não estava durando muito. A manutenção não é cara, a despeito da opinião de muitos sobre Yamahas em geral. Sempre levei na autorizada e prestaram bons serviços. Moto muito ágil na cidade, MUITO ágil.
Contras:
A moto é cara, em relação a irmã Lander, o que deixa a relação Custo x Benefício em cima do muro. Além disso, em alguns lugares, como a minha cidade, a Yamaha simplesmente não tem mercado. Isso torna a moto muito difícil de se revender. O consumidor em geral não sabe que moto é essa, só quer saber de Falcon e Tornado, o mesmo ocorre com a XJ6n em relação a Hornet. Chega ser irritante! Considero que um apaixonado não deve pensar nesse ponto ao comprar sua moto, mas tive dor de cabeça pra passar a moto à frente por um preço razoável e subir de categoria. Além disso ela não é versátil. A proposta motard é meio "indecisa": Suspensão boa pra todo terreno, mas pneus bons pra pegar uma estrada. No fim a suspensão/relação não ajudam na estrada, e os pneus inviabilizam o uso da X na terra. Uso somente urbano e em viagens até 150km senão judia.

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Estrada
Quilometragem
27000
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Mantenção
Baixo
4.5
5
3.5
4
5
4.5
4
Esta análise foi útil para você? Sim (3) Não (1)

Avaliação de Fabricio Andrade Oliveira em 31/07/2012

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2009

Pros:
Agilidade, dirigibilidade, designe, baixo índice de manutenção, consumo .
Contras:
Fragilidade das carenagens dianteiras, a placa sem reforço não dura uma semana,banco duro e meio barulhenta mas depois acostuma.

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Terra, Estrada
Quilometragem
20200
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Mantenção
Baixo
4.5
5
3.5
4.5
5
4.5
5
Esta análise foi útil para você? Sim (2) Não (0)

Avaliação de Andre Magalhaes em 13/08/2012

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2008

Pros:
Conforto, economia e praticidade..."ESTILO"
Contras:
Revenda

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Lazer
Terreno Testado
Urbano, Estrada, Pista
Quilometragem
17000
Manutenção
Dentro do esperado
Custo de Mantenção
Normal
5
5
5
5
5
5
3.5
Esta análise foi útil para você? Sim (2) Não (0)

Avaliação de Marcos Meguro em 19/08/2012

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2008

Pros:
economica e ágil para cidade
Contras:
motor barulhento

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Estrada
Quilometragem
13000
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Mantenção
Baixo
4.5
4.5
4
4
4.5
5
5
Esta análise foi útil para você? Sim (2) Não (1)

Avaliação de Elismar Santos em 15/04/2013

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2008

Comentários:
Bem que poderia voltar a ser fabricada, sacanagem a ténéré ser colocada no lugar dela.
Pros:
Realmente uma Moto espetacular, principalmente para o uso urbano, não há problemas com lombada e irregularidades nas ruas ela tira isso de letra por ser alta e ter uma suspensão ótima. Uso para ir ao trabalho e uso cotidiano. fiz poucas viagens de longa distancia, mesmo assim gostei muito da dirigibilidade na pista. Manutenção realmente baixíssima tenho a minha a 1 ano e meio já passou dos 50 mil, uma penas ter saído de linha, vejo em outros canais como são lançadas motos do segmento e nenhuma marca lança aqui. Mas recomendo muito Design fora de serie!
Contras:
Vamos la, primeiro por ter saído de linha, só isso já contribui para o aumento do R$ das peças, que quando se trata de Yamaha já é sempre mais alto. carenagens caríssimas que não valem a metade do preço que é cobrado, pois como já sabemos é de um plastico de péssima qualidade que risca e desbota facilmente. Poderia ter um pouco de velocidade final, vibra muito na pista, mas mesmo assim recomendo pelo beneficio.

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Pista
Quilometragem
55000
Manutenção
Difícil de encontrar
Custo de Mantenção
Alto
4.5
5
4
4.5
4.5
4.5
4.5
Esta análise foi útil para você? Sim (2) Não (0)

Avaliação de Alessandro Mota em 23/07/2013

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2008

Comentários:
Excelente moto, só saio dela para um xt660
Pros:
Excelente Design, para mim dá show em outras da mesma categoria, lanterna traseira de led, bom farol dianteiro, excelente posição de pilotagem, consumo está na faixa dos 25 km/l, troquei a vela por uma de iridium e senti uma melhora grande nas arrancadas e retomadas, a moto chama atenção, já está com 64.000 nunca precisou de reparos no motor, tenho a moto a 2 anos e só troquei o retentor da suspensão dianteira.
Contras:
os plásticos são de péssima qualidade, falta um pouco de potência ao motor

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano
Quilometragem
64000
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Mantenção
Baixo
4.5
5
4.5
4
4.5
4.5
5
Esta análise foi útil para você? Sim (2) Não (0)

Avaliação de daniel ramos regis em 02/10/2013

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2009

Comentários:
A moto é quase perfeita. Espero ansioso pela próximo Lander.
Pros:
?Moto fácil de pilotar devido a sua excelente ciclística. ?Cola bem nas curvas e tem fácil mudança de trajetória. ?O motor de extrema qualidade no requisito durabilidade, economia de combustível e tecnologias empregadas em sua concepção. ?Posso colocar como qualidade a sua beleza que agrada muito o meu gosto. ?Moto apesar do estilo trail é confortável para o garupa. Para o piloto é muito confortável se comparado com a Tornado e a XTZ125.
Contras:
?Poderia ser um pouco mais potente. ?Posição do cabo de freio por baixo da balança é equivocado na minha opinião. ?Paralama dianteiro é lindo, mas peca na proteção do piloto. ?Muita trepidação no suporte de placa levando os parafusos a caírem. ?Peças em falta na cc quase sempre. ?Valor absurdo cobrado nas CCs.

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Terra, Estrada
Quilometragem
40000
Manutenção
Dentro do esperado
Custo de Mantenção
Normal
5
5
5
4
5
5
4.5
Esta análise foi útil para você? Sim (2) Não (0)

Avaliação de Douglas Galiotto em 17/10/2016

Avaliou moto Yamaha XTZ 250 X 2009

Pros:
Excelente moto, a proposta motard traz uma excelente dirigibilidade no asfalto, proporcionando também uma brincadeira na terra/areia pela sua altura. Moto forte, aguenta o tranco ágil e fácil de pilotar. O modelo da minha 250X laranja com preto é lindo da gosto de olhar a moto todo dia.
Contras:
O banco não é dos mais confortáveis, em viagens você aguenta no máximo uma hora, uma hora e meia sem parar.

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano, Terra, Estrada, Pista
Quilometragem
56000
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Mantenção
Baixo
4
4
3
3
4
3
4
Esta análise foi útil para você? Sim (0) Não (0)