27 de julho – Dia do Motociclista

27 de julho – Dia do Motociclista

27 de julho – Dia do Motociclista

Viver a vida sobre “duas rodas” em um trânsito como o que encontramos nas grandes cidades hoje em dia, não deve ser fácil. O ar puro e o frescor do vento no rosto, nas ruas das metrópoles é praticamente impossível…e mesmo nas estradas, muitas vezes ainda sobra uma ou outra baforada de carro ou ônibus poluidores.

Com a inovação da injeção eletrônica nas motos também, esperar que o ar das cidades melhore passa a ser apenas uma questão de tempo e conscientização agora.

A manutenção preventiva, tão falada para carros a gasolina e diesel, se aplica também a veículos em geral. Segundo dados do DENATRAN (Departamento Nacional de Trânsito), até fevereiro deste ano, estavam registradas em São Paulo mais de 3 milhões e 330 mil motos. No Brasil, mais de 13 milhões!!!…Dá para imaginar o que isso representa de poluição para o ar que respiramos diariamente?

Há quem culpe apenas os ônibus e caminhões, mas isso deveria ser uma preocupação geral. Os motociclistas são teoricamente as pessoas mais “expostas” a poluição, pois andam ao “ar livre” (o que não significa “ao ar despoluído”. Muito pelo contrário, ao andar no meio do trânsito de outros veículos, estão diretamente expostos. Não deve ser nada fácil e nem agradável.

Por isso, nesse dia do motociclista, cabe a cada pessoa tentar fazer um pouco da sua parte para contribuir com o bem-estar de todos. Avaliar sempre o sistema de emissões de seu veículo já é um excelente começo para que nosso ar volte a ser realmente “livre” e os motociclistas possam voltar a ter o prazer de sentir a leve brisa ao pilotar a sua máquina.

Parabéns a todos os motociclistas do Brasil!
É o que deseja a MTE-THOMSON!