7a Etapa do Brasileiro de Motovelocidade em Curitiba

O Campeonato Brasileiro de Motovelocidade entra na fase decisiva com a disputa da s‚tima etapa no pr¢ximo fim de semana, 11 e 12 de outubro, no Aut¢dromo Internacional de Pinhais, regiÆo metropolitana de Curitiba/PR.

Por enquanto, apenas a categoria 125 Junior est  definida. Nas demais, 125 4T, 250, 500 e Supersport, os t¡tulos podem ser decididos a partir das corridas no Paran .

Na 125 4T desde da primeira etapa a categoria tem apresentado excelentes disputas. O “veterano” JoÆo Nivaldo GirÆo venceu trˆs vezes e aparece na lideran‡a, com 114 pontos, dois acima do brasiliense Alexandre Louza Peres, com 112. Para GirÆo, que compete h  mais de 20 anos, esta ‚ a oportunidade de conquistar seu primeiro t¡tulo. “Preciso de uma vit¢ria para chegar mais pr¢ximo do meu maior sonho”, revela o piloto.

J  Alexandre Louza pretende frustrar o sonho de GirÆo. Na terceira posi‡Æo aparece Willian Pontes, atual campeÆo da categoria, com 105 pontos. O paranaense Fabio Peason ‚ o quinto colocado, com 73 pontos.

Criada a partir da segunda etapa, o p£blico paranaense ter  a oportunidade de acompanhar a acirrada briga da 250. Nesta categoria trˆs pilotos da regiÆo centro-oeste tˆm chances de ser o campeÆo. A lideran‡a ‚ do brasiliense Luiz Gustavo de Mendon‡a, que ap¢s vencer duas vezes soma 86 pontos. A segunda coloca‡Æo est  dividida entre o goiano Frederico In cio e o brasiliense L zaro Junior, empatados em 61 pontos.

O goiano Edson Morales come‡ou a temporada 2003 com vit¢ria em Curitiba, mas sua campanha rumo ao t¡tulo foi interrompida pelo atual campeÆo da categoria, o paulista Paulo Santos ap¢s duas vit¢rias. Por‚m, na £ltima etapa Morales voltou a ocupar o primeiro lugar na classifica‡Æo geral, somando 107 pontos.

Ser campeÆo numa categoria j  ‚ dif¡cil, imagine lutar pelo bicampeonato. Para o paulista Gilson Scudeler esta batalha tem sido  rdua e penosa. Sobretudo considerando os problemas enfrentados pelo piloto. Na primeira etapa teve problemas mecƒnicos, na quinta faltou combust¡vel e na sexta etapa um pneu murcho comprometeu seriamente o trabalho do piloto.

Gra‡as a trˆs vit¢rias, Gilson alimenta esperan‡as de conquistar o t¡tulo da categoria Supersport. J  para C‚sar Barros, que lidera a categoria com 123 pontos, a principal meta ‚ manter a vantagem obtida na £ltima etapa.

Na Supersport B a primeira coloca‡Æo ‚ do paulista Marcelo Mistrorigo, com 118 pontos, seguido pelo conterrƒneo Pierre Chofard, com 104.

O Campeonato Brasileiro de Motovelocidade tem patroc¡nio da Honda, Mobil. Co-patroc¡nio da Riffel, Pirelli e Ladro.