20140213_a_ilustração

A armadilha nossa de cada dia nos dai hoje…

Abro este tópico na intenção de trocarmos nossas experiências motociclísticas do dia a dia.

Por vezes assemelho nossa vida motociclística a um vídeo game, que conforme vamos sobrevivendo no dia, no próximo a dificuldade aumenta. Este espaço é para relatarmos essas armadilhas, para que possamos aprender e detectá-las a partir da experiências dos outros.

Começarei relatando duas que consegui escapar hoje.

A primeira foi numa via de pista dupla e mão única e trânsito rápido, onde dois motoristas pararam do nada para deixarem uma família atravessar a pista num local onde não havia nenhum tipo de sinalização de travessia, não havia sinal de trânsito nem faixa de pedestre, ao contrário existe placa alertando para o risco de travessia no local. Eu que vinha atrás desses veículos, fui obrigado a desviar da freada brusca desses motoristas para o corredor entre eles, e ainda desviar da família que estava atravessando, atenta só aos carros e confiando na boa intenção dos motoristas que na verdade não passou de uma grande imprudência, colocando várias vidas em risco.

A segunda foi também numa via de pista dupla e mão única, quando o veículo que estava a minha frente na pista da esquerda, chegou um pouco mais para esquerda, abrindo um bom espaço para que eu passasse entre os veículos que transitavam a uns 40 km/hora. Confiando na boa vontade do motorista fui, e quando estava ao seu lado, ele raspou com as lateral do carro no meio fio do BRT e assustado voltou com tudo encima de mim, me jogando para a direita, que por sorte não havia carro, pois só ultrapasso tendo área de escape contando com essas guinadas. Ao olhar para o motorista, pude ver que era uma menina e que estava digitando no celular, e que apesar dela ter raspado o carro, quase me derrubado, não parou de digitar no aparelho.

Então senhores, essas são apenas duas das muitas armadilhas do dia a dia, ainda relatarei outras, pois todos os dias passo por estas e outras novas.

Espero ter contribuído um pouco mais para nossa segurança e que os senhores possam estar, também, atentos para essas situações.
Um bom dia para todos nós.