Foto: M rio Bock

A praga da gasolina adulterada

Foto: M rio Bock

Foto: M rio Bock

O problema da gasolina adulterada est  ganhando propor‡äes epidˆmicas. Em todo Brasil tornou-se comum encontrar gasolina “batizada” e os notici rios nÆo param de divulgar a prisÆo de quadrilhas deste tipo de manipula‡Æo. Segundo um ex-dono de posto de gasolina, o lucro com a venda de gasolina adulterada ‚ at‚ 10 vezes maior do que na venda da gasolina oficial.

Recentemente foi presa no interior de SÆo Paulo uma quadrilha que adulterava milhäes de litros de gasolina por mˆs. Essa gasolina era distribu¡da para todo o Brasil por caminhäes identificados pelas marcas oficiais, sem despertar suspeitas. Qualquer caminhoneiro pode pintar os logotipos de uma companhia e sair por a¡ oferecendo gasolina adulterada. Os atuais escƒndalos envolvendo verdadeiros mafiosos travestidos de pol¡ticos leva-nos a crer que estamos num pa¡s sem leis. Estamos desprotegidos e a £nica forma de nos defender a atuarmos individualmente. Recebi de um leitor a mensagem abaixo. Sugiro que anotem esses telefones e estejam sempre atentos aos sinais estranhos em sua moto. Se suspeitar de gasolina adulterada, ligue e denuncie. De preferˆncia pe‡a sempre a nota fiscal para facilitar a identifica‡Æo do posto.

A praga da gasolina adulteradaA gasolina “batizada” pode destruir o motor da sua moto, e o pior ningu‚m denuncia! quem abastece nesses postos est  alimentando uma m fia que s¢ tende a crescer. O problema maior ‚ nas estradas, onde o motociclista ‚ praticamente obrigado a abastecer em certos posto devido …s distƒncias entre os postos, diga-se de passagem, de gasolina de p‚ssima qualidade e muitos deles nem tem gasolina aditivada e os pre‡os sempre sÆo maiores. J  est  na hora de dar (ou tentar) um basta nisso.

Denuncie os postos que vocˆs suspeitam, e o mais importante denuncie nesses telefones:

Agˆncia Nacional do Petr¢leo (ANP)
Reclama‡äes e queixas sobre combust¡veis
Tel: 0800-900267

Funda‡Æo de Prote‡Æo e Defesa do Consumidor (Procon)
Den£ncias e reclama‡äes contra postos
Tels: 0800-171233 ou (11) 1512 (SÆo Paulo)

Instituto de Pesos e Medidas (Ipem)
Fiscaliza‡Æo de bombas de combust¡veis
Tel: 0800-130522

DISTRIBUIDORAS DE COMBUSTÖVEIS:
Reclama‡äes e atendimento ao consumidor
Petrobras (BR) – Tel: 0800-789001 -www.br-petrobras.com.br

Ipiranga – Tel: 0800-253805 ww.ipiranga.com.br

Shell – Tel: 0800-781616 – www.shell.com.br

Texaco – Tel: 0800-212233 – www.texaco.com.br