Resumo dos requisitos para motofrete e mototaxi

Acessórios de segurança ajudam na redução de mortes de motociclistas

No fim de 2012 a CET – Companhia de Engenharia de Tráfego de São Paulo – divulgou dados que apontam a redução de 16,2% de mortes no trânsito envolvendo motociclistas. De acordo com o SindimotoSP – Sindicato dos Mensageiros, Motociclistas, Ciclistas e Mototaxistas do Estado de São Paulo, essa diminuição se deve em sua maior parte pela presença dos radares, fiscalização da própria CET e campanhas educativas que alertam para procedimentos básicos de segurança, bem como a utilização de equipamentos de proteção por pilotos e garupas de motos, tais como capacetes, jaquetas especiais para motociclistas, luvas, botas, antena corta-linha, protetor de pernas, etc.

A Nova lei para motofretista, em vigor desde fevereiro, pretende, entre outros objetivos, regular a profissão e contribuir ainda mais para a conscientização dos condutores de motocicletas. Além do curso de pilotagem, o profissional deverá usar uma série de equipamentos de segurança que passaram a ser obrigatórios.

Resumo dos requisitos para motofrete e mototaxi

Resumo dos requisitos para motofrete e mototaxi