Foto: Adam Chatfield gostou da pista de Canelinha/SC

Adam Chatfield domina os treinos na etapa de Canelinha/SC

Foto: Adam Chatfield gostou da pista de Canelinha/SC

Foto: Adam Chatfield gostou da pista de Canelinha/SC

O inglês Adam Chatfield, da equipe 2B Duracell Racing, foi o grande nome deste sábado, durante os treinos para a 5ª etapa do Pro Tork Brasileiro de Motocross, que está sendo realizada no motódromo Arthur Jachowicz, em Canelinha/SC.

Mostrando bastante intimidade com a pista de nível internacional construída para a etapa brasileira do Mundial de 2009, Chatfield cravou os melhores tempos nos treinos livres das categorias MX1 e MX2, pela manhã, e depois voltou a ser o mais rápido, marcando o melhor tempo dos treinos classificatórios das duas categorias à tarde.

– Foi muito bom. Voltei à Inglaterra depois da etapa de “Foz Gazoo” (Disse o piloto, sorrindo, sem conseguir pronunciar “Foz do Iguaçu”, palco da 4ª etapa do Brasileiro) e andei de moto apenas uma vez em três semanas. Continuei fazendo meus treinos físicos na academia, mas não estava andando de moto. Gostei muito dessa pista, fui bem e estou relaxado. As pistas aqui no Brasil são bem rápidas, mas essa é mais o meu estilo, bem técnica e com bons saltos – declarou Chatfield, após o treino.

Na MX1, o americano Scott Simon, da equipe Pro Tork, foi o segundo mais rápido nos treinos cronometrados, logo à frente do paulista Thales Vilardi, da equipe KTM. Thales e Scott também andaram forte na MX2, mas com o brasileiro em segundo e o americano em terceiro.

Uma briga que deve chamar atenção neste domingo é a disputa entre Marcello “Ratinho” Lima (Vaz/Kawasaki/Rinaldi) e Duda Parise (Sananduva/BSC/Brasil Racing) pela vice-liderança na classificação geral da categoria MX2. Ratinho é o segundo colocado, atrás de Scott Simon, e soma 62 pontos, enquanto Duda é o terceiro com 60. Neste sábado os dois não andaram entre os primeiros, mas podem estar se guardando para corrida.

– No primeiro treino acabei tomando um tombo, que foi bem ruim. Mas apesar de ter sido um tombo feio, estou bem, vou para a corrida e não vou desistir de nada não. Agora estou com um pouco de dor do tombo, mas nada como uma noite bem dormida para acordar bem e ir para a prova. No classificatório consegui treinar melhor do que eu esperava e agora vou com tudo – garante Ratinho.

– Gostei da pista e me adaptei bem. Ainda preciso ajustar algumas coisas, mas acho que estou bem. Meu preparo-físico está legal e a pista foi uma das melhores que eu já andei. Amanhã se eu fizer o meu trabalho, se não ficar nervoso e tal, acho que posso ir bem. Serão 30 minutos, portanto acho que essa prova vai cansar bem os pilotos. Como estou com o preparo bem trabalhado, acho que isso pode ser uma vantagem – afirmou Duda.

Na MX3, Davis Guimarães (Pro Tork), líder do campeonato, foi o mais rápido, seguido por Nico Rocha (Pro Tork) e William Guimarães (Pro Tork). Na 230cc, mais uma vez Carlos Eduardo Franco (Pro Tork) mostrou excelente desempenho e fez o melhor tempo, com Germano Vandresen (Brasil Racing/Mega Motos) em segundo, e Nivaldo Viana (2B Duracell) em terceiro.

Entre a garotada, na 65cc, Djalma Brito (Transbritto/Brasil Racing) cravou a melhor volta, com Kioman Munhoz (Rinaldi/ProEsporte) em segundo, e José Brayana Soares (Kaiani Malhas) em terceiro. Na 85cc, o líder invicto, Anderson Amaral (2B Duracell) foi o mais rápido, com Rodrigo Riffel (TBT/Moto Shop/Tholokko) em segundo, e João Pedro Ribeiro (Brasil Racing/Fly/Dragon) em terceiro.

Neste domingo, a programação em Canelinha/SC começa às 8h30m com o warm up da categoria 230cc. A cerimônia de abertura acontece às 11h, com a primeira prova (da MX3), às 11h30m. A última categoria a entrar na pista será a MX1, às 15h50m.

da_1408.jpg) – O gaúcho Duda Parise está buscando a vice-liderança da categoria MX2 – Foto de Bolívar Trindade/Divulgação CBM