Foto: Divulga‡Æo

Alex Barros sobe ao pódio nas duas provas em Phillip Island

Foto: Divulga‡Æo

Foto: Divulga‡Æo

Phillip Island, Austr lia – como era esperado, os pilotos da casa venceram as duas provas em Phillip Island.

Na primeira corrida da segunda etapa do Mundial de Superbike deu Troy Corser (Suzuki), que percorreu as 22 voltas em 34m33s545 enquanto o segundo colocado, o brasileiro Alex Barros – Klaffi Honda, ficou logo atr s, na segunda posi‡Æo, subindo ao p¢dio e na classifica‡Æo geral. Barros ocupa o quarto lugar da tabela com 55 pontos. O britƒnico James Toseland – Honda, completou o p¢dio da primeira corrida e ficou em segundo lugar na corrida 2.

Troy Bayliss – Ducati largou bem e manteve a lideran‡a da prova at‚ a 16a passagem quando teve problemas de aderˆncia no pneus e foi ultrapassado por seu compatriota Troy Corser -Suzuki, vencedor da primeira corrida.

Barros, que largou na segunda fila, quinto colocado, fechou a primeira volta em sexto, na passagem seguinte assumia a 5a posi‡Æo, passou dez voltas em terceiro lugar e faltando quatro voltas para a bandeirada passou por Bayliss e cruzou a linha de chegada em segundo lugar.

Na segunda corrida, o pole position Bayliss cruzou a linha de chegada com boa vantagem para o segundo colocado, James Toseland. Em terceiro, o piloto da equipe Klaffi Honda, Alex Barros, fez uma boa prova e recebeu a bandeirada em terceiro. Com esse resultado o brasileiro somou mais 16 pontos e est  na quarta posi‡Æo no campeonato. Bayliss assume a ponta do campeonato com 75 pontos e Toseland est  a apenas 1 ponto do l¡der. O vencedor da primeira corrida, Troy Corser -Suzuki caiu na quarta volta da segunda corrida e nÆo marcou pontos, ficando agora com 63, em terceiro na tabela.

“Estou muito feliz pelos dois p¢dios de hoje e gostaria de agradecer a minha equipe pelo ¢timo trabalho que fizeram durante o final e semana aqui em Phillip Island. Depois da queda de Corser eu perdi um pouco de concentra‡Æo porque fiquei com medo de ter machucado o australiano, eu tentei ao m ximo nÆo cair junto com ele, mas o toque foi inevit vel. Fora isso me diverti muito com o Haga tamb‚m”, conclui Barros.

A pr¢xima etapa acontece no domingo, dia 23 de abril, no circuito de Valencia, na Espanha.

Classifica‡Æo da 1a corrida – top 15 – 2a etapa -GP Austr lia
1- Corser (AUS/Suzuki) – 25 pontos
2- Barros (BRA/Klaffi Honda) – 20
3- Toseland (GBR/Honda) – 16
4- Haga (JAP/Yamaha) – 13
5- Rolfo (ITA/Ducati) – 11
6- Bayliss (AUS/Ducati) – 10
7- Xaus (ESP/Ducati) – 9
8- Nieto (ESP/Kawasaki) – 8
9- Pitt (AUS/Yamaha) – 7
10-Walker (GBR/Kawasaki) – 6
11-Lanzi (ITA/Ducati) – 5
12-Kagayama (JAP/Suzuki) – 4
13-Laconi (FRA/Kawasaki) – 3
14-Martin (AUS/Petronas) – 2
15-Fabrizio (ITA/Honda) – 1

Classifica‡Æo da 2a corrida – top 15 – 2a etapa -GP Austr lia
1- Bayliss (AUS/Ducati) – 25 pontos
2- Toseland (GBR/Honda) – 20
3- Barros (BRA/Klaffi Honda) – 16
4- Haga (JAP/Yamaha) – 13
5- Pitt (AUS/Yamaha) – 11
6- Kagayama (JAP/Suzuki) – 10
7- Rolfo (ITA/Ducati) – 9
8- Xaus (ESP/Ducati) – 8
9- Nieto (ESP/Kawasaki) – 7
10-Walker (GBR/Kawasaki) – 6
11-Fabrizio (ITA/Honda) – 5
12-Abe (JAP/Yamaha) – 4
13-Neukirchner (ALE/Ducati) – 3
14-Chili (ITA/Honda) – 2
15-Martin (AUS/Petronas) – 1

Classifica‡Æo do Mundial ap¢s 2 etapas (quatro corridas)
1- T. Bayliss (Ducati) – 75 pontos
2- J. Toseland (Honda) – 74
3- T. Corser (Suzuki) – 63
4- A. Barros (Honda) – 55
5- A Pitt (Yamaha) – 45
6- N. Haga (Yamaha) – 42
7- R. Rolfo (Ducati) – 32
8- M. Fabrizzio (Honda) – 25
9- R. Xaus (Ducati) – 24
10-F. Nieto (Kawasaki) – 19
11-L. Lanzi (Ducati) – 15
12-Y. Kagayama (Suzuki) – 14
13-N. Abe (Yamaha) – 14
14-C. Walker (GBR/Kawasaki) – 12
15-K. Muggeridge (Honda) – 11
16-P. Chili (Honda) – 10
17-M. Borciani (Ducati) – 9
18-M. Neukirchner (GER) – 9
19-R. Laconi (Kawasaki) – 6
20-S. Martin (AUS/Petronas) – 3
21-S. Gimbert (Yamaha) – 3

Construtores:
Honda – 78 pontos
Ducati – 76
Suzuki – 73
Yamaha – 58
Kawasaki – 22
Petronas – 3