Andar de carro ficou 3,79% mais caro em 2006

O IMC – Öndice de Manuten‡Æo do Carro (Infla‡Æo do Carro) -, pesquisado pela Agˆncia AutoInforme, fecha o ano 48% acima da infla‡Æo oficial.

O custo para usar e manter o carro subiu 3,79% em 2006, conforme apurou pesquisa da Agˆncia AutoInforme que mede o IMC – Öndice de Manuten‡Æo do Carro. Tamb‚m conhecido como Infla‡Æo do Carro, o IMC apura mˆs a mˆs os pre‡os dos produtos e servi‡os (al‚m de impostos e seguros) que o motorista precisa pagar para rodar no dia-a-dia a fazer a manuten‡Æo correta do seu ve¡culo.

O ¡ndice de aumento da Infla‡Æo do Carro ficou bem acima da infla‡Æo oficial (IPC da FIPE = 2,55%), gra‡as ao comportamento dos pre‡os dos combust¡veis, que representam cerca de 50% dos gastos que o motorista tem com o carro.

A cesta de produtos (pe‡as, ¢leos etc) teve uma alta de 4,70%, enquanto a de servi‡os apresentou queda de pre‡o no ano: – 2.16%. Individualmente, no entanto, o item que mais subiu foi a mÆo-de-obra de revisÆo, com alta de 23,32% em 2006. A lavagem do carro foi outro item com grande alta de pre‡o no ano passado: o servi‡o subiu 21,28%, enquanto a pastilha de freio teve um aumento de 15,51%.

Na outra ponta, os itens que mais ca¡ram de pre‡o foram os relativos aos servi‡os automobil¡sticos. Caso do balanceamento de rodas, que ficou 24,05% mais barato durante o ano passado. O estacionamento avulso tamb‚m teve queda expressiva: -16,92%.

Os seguros de ve¡culos tiveram alta de 7,5% em 2006. Veja nas tabelas abaixo as maiores altas e as maiores quedas de pre‡o, em 2006, dos itens que compäem a cesta de produtos e servi‡os da Infla‡Æo do Carro. Acompanhe no gr fico a evolu‡Æo da Infla‡Æo do Carro mˆs a mˆs durante o ano passado.