Foto: Pódio da categoria Júnior no Arena Cross

Arena Cross – Etapa de Indaiatuba brinda público com muita emoção

Foto: Pódio da categoria Júnior no Arena Cross

Foto: Pódio da categoria Júnior no Arena Cross

Indaiatuba (SP)- Mesmo com a chuva, a torcida compareceu em peso neste sábado (8) em Indaiatuba, interior de São Paulo,para a segunda etapa do Arena Cross. Com a participação dos principais pilotos do país, a prova foi repleta de incríveis ultrapassagens e saltos espetaculares.

Pró – A primeira bateria da principal categoria do Arena Cross começou com o piloto Gustavo Takahashi na liderança da corrida. Poucas voltas depois, Swian Zanoni ultrapassou Takahashi e venceu a prova com grande vantagem. Na segunda bateria, a briga ficou entre os pilotos Leandro Silva, Swian Zanoni e Jean Ramos. Silva, que largou na frente, conseguiu liderar a corrida, mas foi ultrapassado por Zanoni e passou a disputar o segundo lugar com Ramos. A partir daí, Swian Zanoni abriu considerável distância até cruzar a linha de chegada em primeiro lugar. Na véspera do dia das mães, Zanoni dedicou o resultado àsua mãe. “Este foi um excelente final de semana. A corrida foi perfeita. Conquistei pontos preciosos para o campeonato. Esta vitória é para minha mãe, que sempre me acompanha e me apoia”, falou o piloto. Com o resultado das duas baterias, Swian Zanoni ficou com o primeiro lugar e conquistou um prêmio de R$ 4 mil. Em segundo ficou Jean Ramos, que levou R$ 2 mil. E em terceiro chegou Leandro Silva, que ficou com R$ 1.500.

Júnior – Em uma corrida muito disputada do começo ao fim, o piloto Rafael Faria travou duelo com Hector Assunção. Apenas do meio para o final, Faria conseguiu impor um ritmo mais forte, mas Hector continuou pressionando. Na última volta a disputa entre Rafael Faria e Hector Assunção recebeu a presença de Thales Vilardi, que chegaram praticamente juntos. Apesar disso, a vitória ficou mesmo com Rafael Faria. “Precisei de muita concentração para conquistar esta vitória. Agradeço a Deus pelo ótimo resultado”, afirmou Faria.

85cc – Com uma ótima largada, o piloto paranaense Endrews Armstrong liderou a prova de ponta a ponta. Mesmo sofrendo forte pressão, Armstrong não deu chances aos adversários e venceu a corrida. “Agradeço a Deus pelo ótimo resultado. Apesar de ter cometido pequenos erros, consegui manter a tranquilidade e vencer”, explicou o piloto.

65cc – Após fazer boa largada, o piloto gaúcho Enzo Lopes saiu na frente e manteve a primeira colocação durante o início da prova. Com a pressão dos adversários, Lopes perdeu a posição para Djalma Brito e passou a ser ameaçado por Kioman Munoz e Hugo Erthal. Porém, a moto de Brito apagou e o piloto gaúcho voltar a liderar a corrida. Depois de alguns acidentes provocados pela pista molhada, a prova foi encerrada faltando poucas voltas para o final com a vitória de Enzo Lopes. “Mesmo se a corrida não tivesse sido encerrada, acredito que eu venceria”, avaliou Lopes.

50cc – Depois de largar na terceira posição, o piloto Arthur Todeschini travou uma intensa batalha com Guilherme Torres e Lucas Erthal para alcançar o primeiro lugar. Após muita insistência, Todeschini conseguiu ultrapassar Erthal e Torres e cruzou a linha de chegada em primeiro lugar. “Administrei a liderança para não cair e perder a vitoria. Estou muito feliz com o resultado”, contou o piloto.

Classificação dos três melhores em cada categoria :

Pró-1-Swian Zanoni
2 – Jean Ramos
3 – Leandro Silva

Júnior – 1-Rafael Faria
2 – Hector Assunção
3 – Thales Vilardi

85cc – 1 – Endrews Armstrong
2 – Anderson Amaral
3 – Filipe Ribeiro

65cc – 1 – Enzo Lopes
2 – Kioman Munoz
3 – Hugo Erthal

50cc – 1- Arthur Todeschini
2 – Lucas Erthal
3 – Guilherme Torres

Confira a próxima etapa: 12 de junho = Ribeirão Preto/SP