Vencer "em casa" tem sabor especial

Arena Cross: catarinenses querem vencer “em casa”

O Arena Cross 2013 chega neste sábado, 17 de agosto, a Penha (SC), no Beto Carrero World, com os pilotos “pratas da casa” motivados em conquistar um lugar entre os futuros vencedores da segunda etapa. Anderson Cidade, na MX2; Arthur Todeschini, na Júnior; e Victor Fronza, na 50cc; são algumas das feras de Santa Catarina que contarão com apoio da torcida local.

Vencer "em casa" tem sabor especial

Vencer "em casa" tem sabor especial

De São José, cidade localizada na Grande Florianópolis, Anderson Cidade, 23 anos, aumentou a intensidade dos treinos nas últimas semanas com o intuito de chegar forte na disputa da prova. “Neste ano tenho disputado o Brasileiro de Motocross e o Arena Cross, que são duas competições difíceis, mas diferentes. Por isso, sempre que há uma corrida destes dois campeonatos procuro me adaptar anteriormente. Estou bem fisicamente e numa boa fase. Espero melhorar o meu resultado na competição”, coloca.

Quando se fala no público catarinense, que deve lotar a arena montada no maior parque temático da América Latina, Anderson Cidade só tem elogios. “Correr em casa é muito bom. O fato de não ter uma viagem longa e desgastante ajuda bastante. Além disso, a vibração do público nas arquibancadas contagia os pilotos dentro da pista. É muito legal”, destaca o quarto colocado na classificação geral da MX2.

Bicampeão da competição nas categorias 50cc (2010) e 65cc (2011), o chapecoense Arthur Todeschini, “Thui” como é conhecido, já venceu em seu estado natal. Em 2012, conquistou a vitória em Balneário Camboriú. Aos 10 anos, o competidor está em fase de transição de categoria. Ele disputa pela primeira vez a Júnior, classe com motos de 150 cilindradas. “É o meu primeiro ano na Júnior e estou me adaptando à nova moto. Sei que é complicado lutar pela vitória, mas estou confiante e pronto. Estou tranquilo. Meu objetivo neste ano é aprender e ganhar experiência”, comenta o sexto colocado na classificação geral.

Na categoria 50cc, o novato Victor Fronza, de Rio do Sul, está em seu primeiro ano no Arena Cross. Feliz com o resultado obtido na primeira etapa – foi quarto colocado em Jundiaí (SP) – , o catarinense almeja o pódio em Penha. “Gostei de correr o Arena Cross. É uma competição bem legal. Tem uma boa estrutura e organização. O público fica próximo da pista da gente e isso é bem legal. Estou treinando e espero chegar entre os três primeiros”, revela.

Os ingressos para a etapa seguem disponíveis. As entradas são limitadas e os alimentos arrecadados serão doados às instituições beneficentes da cidade em parceria com Prefeitura de Penha. Os ingressos adquiridos para etapa que ocorreria na cidade, no mês de junho, mas que foi adiada em razão das fortes chuvas no local, também serão válidos para as corridas do dia 17 de agosto.