Foto: A Yamaha aposta em Pipo Castro

Arena Cross – Competição de ser marcada por disputas entre pilotos e marcas

Foto: A Yamaha aposta em Pipo Castro

Foto: A Yamaha aposta em Pipo Castro

Algumas equipes se refor‡aram e outras apostam na continuidade do trabalho para se dar bem na temporada

A primeira etapa da temporada 2008 do Arena Cross, que vai ser realizada no dia 1§ de mar‡o, em SÆo Manuel/SP (255 km da capital), deve ser marcada nÆo s¢ pelas disputadas entre pilotos, mas tamb‚m pela concorrˆncia entre as f bricas de motos. Quando cair o gate de largada os pilotos levam consigo nÆo s¢ a torcida de seus fÆs e torcedores, mas tamb‚m a expectativa das marcas que vÆo representar durante as oito etapas da competi‡Æo.

A Honda, que na temporada 2007 faturou os t¡tulos das categorias MX1, MX2 e 85cc, entra na disputa da MX1 com o atual campeÆo do Arena Cross, Leandro Silva (PR), e Wellington Garcia (GO), campeÆo no ano passado na MX2 e que estr‚ia na categoria principal. A Honda tamb‚m estar  apoiando a equipe dos pilotos Denis Cordeiro e F bio Correa.

J  a Yamaha, mant‚m Pipo Castro (SC), bi-campeÆo da MX1 (2005/2006), como seu principal trunfo. Comenta-se tamb‚m nos bastidores que a equipe poder  contar com o refor‡o do piloto americano Scott Simon. A KTM vai disputar a competi‡Æo com dois pilotos bastante experientes: Rafael Ramos (SP), campeÆo em 2001, e Massud Nassar (MG), 7§ colocado no ano passado. A Suzuki vem como uma estrat‚gia um pouco diferente e aposta em jovens revela‡äes. A equipe vai contar com Ari Paschoal (SP), que disputou a MX2 no ano passado e Felipe Grimberg (SP), que far  sua segunda temporada na MX1.

Quem tamb‚m promete entrar com for‡a e nÆo deixar a disputa do t¡tulo somente entre os pilotos das f bricas ‚ a Pro Tork. O “team” privado que participa do Arena Cross h  v rios anos, joga suas fichas em Roosevelt Assun‡Æo (SP), vice-campeÆo em 2006.

Na MX2 a “briga” das f bricas tamb‚m promete ser intensa. A Honda vem com um time recheado de “feras”, come‡ando pelo paranaense Jean Carlos Ramos, que volta a disputar a MX2 depois de ser o terceiro colocado na MX1 em 2007, e pelos paulistas Thales Vilardi (3§ na MX2 em 2007), Marcelo Lima “Ratinho” (5§ na MX2 em 2007) e Dudu Lima (7§ na MX2 em 2007). A Yamaha nÆo deixa por menos e vai competir com Davis Guimaraes e Lucas Moraes. Na Suzuki, a aposta ‚ em C‚sar Augusto Popinhak. A KTM mant‚m o carioca Swian Zanoni, vice-campeÆo no ano passado.