Asfalto ruim: CUIDADO!

Asfalto ruim: CUIDADO!

Asfalto ruim: CUIDADO!

Amigos, neste último fim de semana fui vítima num desses inúmeros buracos da cidade de São Paulo. Estava andando tranquilamente como faço de hábito todo final de semana, quando no retorno do passeio fui vítima. O buraco está na Marginal do Tietê, aproximadamente uns 300 metros após a ponte da Anhanguera na pista expressa do sentido Marginal de Pinheiros. Gostaria de deixar meu protesto, pois eu poderia ter caído de minha moto e me ferido seriamente. As motos menores devem tomar muito cuidado neste trecho, pois só não sofri maiores conseqüências por estar com uma moto mais pesada. O ocorrido foi de dia, porém devo frisar sobre o perigo de se cair neste buraco durante a noite. Resumindo, minha moto está com a roda empenada, não sei se será necessário a troca da roda e/ou do pneu. Perdi meu tempo no domingo retornando ao local para tirar as fotos e agora estou alertando aos outros motoristas e motociclistas cumprindo meu dever de cidadão. Na ocasião não parei por motivo de segurança (outros carros e medo de ser assaltado!).Cumpro rigorosamente o pagamento dos impostos (IPVA, IPTU, Imposto de Renda, etc..), que não são poucos e o que o estado oferece é essa qualidade nos serviços (vias públicas, transporte público, saúde, entre outros). Deixo aqui meu sinal de indignação e desta vez irei atrás dos meus direitos. Para minha felicidade o dano foi apenas material. Porém não tenho como descrever minha frustração como contribuinte e cidadão. Resumindo, nesta épocas de chuvas devemos redobrar a atenção para não sermos vítimas desses vilões calados. Aproveito para saber qual órgão devo recorrer para conseguir meus direitos. Abraços, Flávio Nemoto -São Paulo – SP

R: Flávio obrigado por nos informar. Realmente, você tem direitos e pode exigi-los administrativamente ou judicialmente. Administrativamente, entre em contato com a Procuradoria do Município de São Paulo no e-mail: pergunte_pgm@prefeitura.sp.gov.br para saber se o Município de São Paulo pode ressarci-lo sem a necessidade do litígio judicial. Sei da existência desse atendimento na Procuradoria do Estado de São Paulo, mas não é esse o órgão.
Se não obtiver êxito, vá ao Fórum mais próximo da sua residência e ajuíze uma ação de ressarcimento ou indenização, no Juizado Especial Cível – JEC. Nas ações até 20 salários mínimos não é necessário a contratação de advogado. Superando 20 salários mínimos é obrigatória sua representação por advogado. Lembre-se que é necessário você fazer prova do prejuízo, com fotos e notas fiscais para o conserto da motocicleta.

Boa tarde a todos! Que todos tenham tido um ótimo natal e vos
desejo um feliz 2009! Gostaria de recomendar a todos que moram na cidade de Campo Grande – MS e vão seguir destino para o estado de São Paulo, que tomem cuidado com o trecho entre a cidade Nova Alvorada – MS e Bataguassu – MS, são mais ou menos 250Km. Esse trecho esta com a
pavimentação péssima, muitos buracos e rachaduras, parecendo erosão.
Estive por la com minha CG 150 e nesse trecho não há condições. Cuidado redobrado também por ser uma via com muito fluxo de caminhões. Gostaria de saber onde eu posso comprar uma “bolha” para colocar na minha moto, ou como que se chama essa peça de acrilico que se coloca para proteger do vento e se existe como por na minha CG 150, pois esse vento é muito chato! Mas enfim, consegui rodar 454Km com minha moto em 5 Horas, parando apenas para colocar a capa de chuva e abastecer. Abraço e vida longa! Rafael Tambosi -Campo Grande – MS

R: Rafael obrigado pela dica. Quanto a bolha, já que você virá para São Paulo passe na Rua General Osório no Centro de São Paulo. Trata-se de um verdadeiro shopping Center para motos.

Grande abraço e lembre-se: A razão se perde diante da lesão. Ande sempre equipado.