Balbi retorna ao Brasil para a disputa do Supercross

Antes de competir no Motocross das Nações, piloto investe na conquista do título nacional

O mineiro Antônio Jorge Balbi Júnior retornou ao Brasil para um compromisso importante: a disputa do Campeonato Brasileiro de Supercross, que tem início neste sábado (6), em Casimiro de Abreu (RJ). Depois de passar a temporada nos Estados Unidos participando de competições como o AMA Supercross e o AMA Motocross, Balbi resolveu colocar em prática no país toda a experiência adquirida nas pistas internacionais. O piloto entra com toda a força na briga pelo título da categoria SX1. Depois da primeira etapa, Balbi irá se dedicar à disputa do Motocross das Nações, que será disputado na Inglaterra, no final de setembro.

Desde o ano passado, o mineiro não participa de uma competição nacional. A última disputa foi justamente uma etapa do Supercross, na qual subiu ao lugar mais alto d o pódio. Desta vez, o piloto já marcou na agenda as cinco fases do campeonato para faturar o título de campeão. “A minha expectativa para essa prova é grande. Espero matar a saudade do público brasileiro e me divertir bastante. Estou trabalhando muito duro lá fora e espero fazer uma boa competição aqui também.”

Acostumado com as melhores pistas dos Estados Unidos, Balbi aguarda um bom nível da competição no Brasil. “Espero que o nível técnico das pistas seja bom, o que favorece tanto o público quanto os pilotos. Terei grandes adversários, como o Leandro Silva, João “Marronzinho” e o norte-americano Scott Simon”, disse o piloto patrocinado pela FOX.

Depois da primeira etapa do Supercross, Balbi volta a investir nos treinamentos para o Motocross das Nações, marcado para os dias 27 e 28 de setembro, na Inglaterra. “Estou mais do que preparado par a o Nações. Fiz uma boa temporada nos Estados Unidos, em pistas semelhantes a que encontraremos na Inglaterra. Como disputei mais de 36 provas até agora, estou um pouco cansado. Terei mais uma semana para me dedicar ao treinos em uma semana para descansar. É importante ter a cabeça fresca para competir. O segredo é estar bem disposto”, completou.