cbm_vx1_1710

Basso vence mais uma e segue líder no Brasileiro de Velocross

A cidade de Capão do Leão, no Rio Grande do Sul, tremeu nos últimos dias. Foram disputadas neste fim de semana (15 e 16/10), a 5ª etapa do Campeonato Brasileiro e a 6ª etapa do Rinaldi Gaúcho de Velocross. Cerca de cinco mil pessoas assistiram às provas no Parque de Eventos Vila Carvalho, com mais de 150 pilotos em ação dentro da pista.

Correndo em casa e empurrado pelo público local, o gaúcho Matheus “Tatu” Basso assumiu a liderança logo na largada, seguido pelo paranaense Paulo Stedile. Aos poucos os dois foram abrindo vantagem sobre os demais. Após um erro do gaúcho na terceira volta, Stedile roubou a primeira posição e ficou por ali até a última volta, quando Matheus pressionou, forçando o erro do adversário, que escapou na curva de chegada, errando a marcha e terminando em segundo. Mais uma vitória de Basso, que se mantém na ponta na classificação geral do campeonato com 113 pontos, contra 107 do paranaense Paulo Stedile. Lucas Basso fechou a prova na terceira posição, mesma colocação que ocupa na classificação geral.

Na VX2, Leonardo Sebben pulou na frente assim que caiu o gate. Stedile e Lucas Basso disputavam a segunda posição. Sebben corria contra o relógio, baixando o tempo a cada volta, e no fim da prova tinha dez segundos de vantagem sobre os demais. Stedile foi o segundo e Lucas terminou em terceiro. A liderança da categoria segue com Matheus Basso, que foi o quinto, e soma agora 116 pontos. Lucas tem 82 e Lui Fietz 78.

Entre os mais experientes, Fabiano Guimarães venceu com tranqüilidade na VX3 Importada, à frente do uruguaio Pablo Florín, em segundo, e de Rodrigo Volcan, em terceiro. A gaúcha Maiara Basso foi a quarta colocada. Na VX3 Nacional,  vitória de Cesar Silva, seguido por João Francener e Elder Pirolli. Nas demais categorias as vitórias foram de Felipe Deloss (Nacional Força Livre) e Cassio Rossi (230cc).

A 5ª etapa do Campeonato Brasileiro e 6ª etapa do Rinaldi Gaúcho de Velocross foi uma realização da Federação Gaúcha de Motociclismo (FGM). O patrocínio foi de Siverst, Rinaldi e Mobil, com apoio de Bergman, DeWalt, Stihl e da Prefeitura de Capão do Leão. A supervisão foi da própria FGM e da Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM).
Resultado da 5ª etapa do Brasileiro
VX1 = 1º – Mateus Basso
2º – Paulo Stedile
3º – Lucas Basso
4º – Pablo Florin
5º – Daniel Florin

VX2 = 1º – Leonardo Sebben
2º – Paulo Stedile
3º – Lucas Basso
4º – Daniel Florin
5º – Mateus Basso

VX3 Importada = 1º – Fabiano Ribeiro
2º – Pablo Florin
3º – Rodrigo Volcan
4º – João Francener
5º – Maiara Basso

VX3 Nacional = 1º – Cesar Silva
2º – João Francener
3º – Elder Pirolli
4º – Moises Folha
5º – Marcos Onzi

Nacional Força Livre = 1º – Felipe Deloss
2º – Diovane Anselmi
3º – Jeferson Nunes
4º – Ricardo Batista
5º – Maicon Galiotto

230cc = 1º – Cassio Oliveira
2º – Sergio Moraes
3º – Guilherme Aa Silva
4º – Moises Folha
5º – Luciano Perez

Classificação do Campeonato Brasileiro:
VX1 = 1º – Mateus Basso – 113 pontos
2º – Paulo Stedile – 107
3º – Lucas Basso – 92

VX2 = 1º – Mateus Basso – 116 pontos
2º – Lucas Basso – 82
3º – Lui Fietz – 78

VX3 Importada = 1º – Fabiano Ribeiro – 120 pontos
2º – Nasri Sarkis – 66
3º – João Francener – 57

VX3 Nacional = 1º – João Francener – 90 pontos
2º – Marcelo Marques – 44
3º – Braulio Andrade – 36

Força Livre Nacional = 1º – Wolney de Lima – 50 pontos
2º – Jacson Keil – 47
3º – Marcos Wudarski – 47

230cc = 1º – Wolney de Lima – 50 pontos
2º – Jacson Keil – 50
3º – Preslei de Carli – 47