Bicicletas auxiliam fiscalização do lixo nas ruas

RIO – A partir de agora, agentes de limpeza e encarregados da Comlurb passam a utilizar 30 bicicletas na fiscaliza‡Æo do lixo jogado nas vias p£blicas das zonas Sul e Oeste.

A novidade vai dinamizar o servi‡o nos hor rios diurno e noturno. O lan‡amento ser  na Zona Oeste.

Na Zona Sul, a principal  rea de atua‡Æo dos fiscais sobre rodas ser  a orla mar¡tima.

A fiscaliza‡Æo poder  advertir e multar infratores, mas o objetivo principal ‚ ajudar a popula‡Æo a criar o h bito de respeitar as  reas p£blicas, deixando-as limpas.

SÆo recolhidas diariamente 8.900 toneladas de lixo na cidade e 40% desses res¡duos vˆm das ruas. Na Zona Oeste, o volume chega a 21 mil toneladas mensais. De acordo com a Comlurb, a coleta deste tipo de lixo custa aos cofres municipais R$ 150 por tonelada. Se este material for depositado em locais adequados, sua remo‡Æo nÆo ultrapassa R$ 40.