A equipe brasileira  está em sétimo lugar, com 177 pontos

BMW GS Trophy: equipe brasileira sobe para o 7º lugar

A ansiedade e o nervosismo inicial da equipe brasileira deram lugar ao comprometimento e adaptação ao torneio – resultado é o atual sétimo lugar com 177 pontos na 5ª edição do BMW Motorrad GS Trophy International, realizado em Chiang Mai, na Tailândia. A equipe da África do Sul (214 pontos) mantém a dianteira, seguida pela Alemanha (200), Reino Unido (194), equipe da América Latina (190), China (187) e Equipe da Comunidade Europeia (178).

A equipe brasileira  está em sétimo lugar, com 177 pontos

A equipe brasileira está em sétimo lugar, com 177 pontos – divulgação

Nos últimos dias de competição, as equipes realizaram provas com as motos e contra o relógio, sempre nas mais fantásticas paisagens do território tailandês. A equipe brasileira teve bom rendimento no período e alcançou o sétimo lugar, com 177 pontos.

As primeiras tarefas do terceiro dia exigiram menos das motocicletas BMW R 1200 GS e mais dos competidores, que tiveram que escalar árvores e responder questões sobre altitude e o ecossistema local. Uma prova de arrancadas, na qual os pilotos deveriam parar em um perímetro demarcado, foi realizada logo na sequência. A equipe brasileira terminou o dia na quarta colocação.

No dia seguinte, provas de equilíbrio, trilhas por montanhas e vilarejos rochosos foram realizadas pelos integrantes do GS Trophy, além de desafios contra o tempo e tarefas na água. A prova consistia em descer por um pequeno rio com pedras e procurar por imagens da BMW durante o trajeto. Na sequência, os integrantes da equipe tiveram que carregar a BMW R 1200 GS por cima de dois troncos de árvores até que a moto ficasse equilibrada e apoiada no descanso lateral.

Na última prova do quarto dia, realizada na fronteira entre Tailândia e Myanmar e repleta de casas sob palafitas, típico na região, as equipes tiveram que controlar a motocicleta e, ainda sobre ela, pegar um item um barril e encaixar em outro barril.

No quinto dia, após um período de acampamento em Mae Sariang, as equipes voltaram para a estrada e puderam explorar ainda mais a remota região de Myanmar e suas características únicas e repleta de cães, galinhas, patos, porcos e até búfalos. Após 85 quilômetros, os participantes realizaram a primeira tarefa de revezamento e agilidade com as motos entre as equipes.

O objetivo era realizar uma curva acentuada em velocidade e retornar para a marca dos outros integrantes do grupo. A segunda tarefa, contra o relógio, consistia em uma disputa de velocidade para encontrar letras no trajeto informado pelo GPS no menor tempo possível. Já na segunda fase da disputa de fotografia, a China acabou vencedora e recebeu os pontos pelo primeiro lugar com mais de 7.600 votos de fãs realizados pelo site oficial.

Esta edição do BMW GS Trophy International reúne 57 clientes da marca, representantes de 25 países, divididos em 19 equipes. O Brasil está representado por Fernando Deneka, Sandro Ceratti, Felipe Limonta e pelo jornalista Lucas Paschoalin.

Sobre o BMW Motorrad GS Trophy

O GS Trophy é uma competição voltada a pilotos amadores que são clientes e entusiastas da BMW Motorrad e que agrega provas de aptidão e agilidade sobre motocicletas enduro da marca e habilidades individuais e em grupo. O GS Trophy já passou por países como Tunísia (2008), África do Sul/Moçambique/Suazilândia (2010), Argentina/Chile (2012) e Canadá (2014), e neste ano é realizado pela primeira vez no continente asiático. A equipe brasileira ganhou direito de participar da final mundial em Chiang Mai, na Tailândia, após vencer a etapa classificatória brasileira realizada em agosto do ano passado em Brotas, no interior do Estado de São Paulo.

Separador_motos



Mário Sérgio Figueredo

Motociclista apaixonado por motos há 42 anos, começou a escrever sobre motos como hobby em um blog para tentar transmitir à nova geração a experiência acumulada durante esses tantos anos. Sua primeira moto foi a primeira fabricada no Brasil, a Yamaha RD 50.