Foto: Daniel Marcus / Victor Feltz comema vitória na 1ª etapa

Brasileiro de Motocross Júnior será em Boa Esperança neste final de semana

Foto: Daniel Marcus / Victor Feltz comema vitória na 1ª etapa

Foto: Daniel Marcus / Victor Feltz comema vitória na 1ª etapa

A cidade de Boa Esperança (PR) é uma das mais tradicionais quando se trata do Campeonato Paranaense de Motocross. Sede de uma das etapas da competição há dez anos, Boa Esperança agora também receberá as feras do Campeonato Brasileiro de Motocross Júnior, criado este ano pela Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM) para as categorias MXF (feminina), MXJr e 50cc.

A prova, válida pelos dois campeonatos, será disputada nos dias 22 e 23 de maio, e, segundo o presidente da Federação Paranaense de Motociclismo (FPRM), Gilberto Rosa, o “Juba”, é certa a grande presença de público, lotando as arquibancadas do circuito. “Esse é um grande diferencial de Boa Esperança. A cidade tem cerca de dez mil habitantes, mas há dez anos sempre colocamos entre 20 e 25 mil pessoas nas arquibancadas”, afirma Juba, ressaltando também a boa estrutura da pista. “Será nosso 11º ano consecutivo em Boa Esperança. É uma pista grande, de média alta, com área pavimentada de box, água, luz, enfim, uma estrutura muito boa. Tudo que os pilotos e suas equipes precisam nós temos lá”, completa Juba.

Vencedor da primeira etapa, em Nova Friburgo/RJ, e consequentemente líder da categoria MXJr, Victor Feltz não quer saber de conservadorismo em Boa Esperança. O piloto catarinense promete empenho na briga por sua segunda vitória na competição em 2010.
“Estou bem fisicamente e tenho treinado bastante. Infelizmente não conheço a pista, mas minha expectativa é a melhor possível para esta prova. Quero a vitória mais uma vez para que no fim do campeonato eu possa ficar mais aliviado”, declara Feltz.

Uma grata novidade para a etapa paranaense é o retorno de Rodrigo Lama a uma prova de Campeonato Brasileiro. O piloto sergipano, agora na equipe 2B Duracell Racing, sofreu uma fratura do escafóide (um dos ossos da mão) em novembro de 2009, e passou um longo tempo afastado das pistas.

“Ainda não estou 100% recuperado, pois sinto dor no local da fratura, mas tenho me dedicado ao máximo à fisioterapia e para ajudar não tenho treinado com tanta intensidade. Acho que até o meio do ano estarei recuperando bem o meu ritmo e poderei voltar a brigar pelas vitórias”, diz Rodrigo. Entre as mulheres, a disputa promete ser acirradíssima. Apesar da ausência da mineira Mariana Balbi, vencedora da primeira etapa e que está nos Estados Unidos desde o início de abril para participar do Campeonato Americano Feminino, a expectativa é de bons duelos, principalmente entre a paranaense Bruna Bartz, a paulista Stefany Serrão e a catarinense Janaína Todeschini.

“Sei que vai ser difícil. Tem grandes concorrentes, como a Bruna e a Janaína, mas estou indo para tentar vencer. Venho treinando bem com a minha moto, não estou com nenhuma lesão e espero conseguir superá-las na pista”, diz Stefany, terceira colocada na prova de abertura, logo atrás de Bruna. A 2ª etapa do Campeonato Paranaense e a 2ª etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross Júnior são uma realização da Federação Paranaense de Motociclismo (FPRM), com apoio da Pro Tork e Prefeitura Municipal de Boa Esperança. A supervisão é da FPRM e da Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM).