Após 4 anos o Rio de Janeiro volta a sediar uma etapa do Brasileiro de Motocross

Brasileiro de MX: Rio de Janeiro volta a receber o campeonato

Quase tudo pronto para a 6ª etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross, que será realizada neste fim de semana, 20 e 21, em Paty do Alferes (RJ), localizada a cerca de 100 quilômetros do Rio de Janeiro. A competição, organizada pela Confederação Brasileira de Motociclismo, é considerada a mais importante da América Latina na modalidade. As disputas serão no Horto de Avelar e a entrada será gratuita.

Após 4 anos o Rio de Janeiro volta a sediar uma etapa do Brasileiro de Motocross

Após 4 anos o Rio de Janeiro volta a sediar uma etapa do Brasileiro de Motocross

Por enquanto, as únicas máquinas na pista são as que estão fazendo os ajustes finais do traçado. A pista de 1.500 metros possui vários obstáculos, mesas, costelas e duplo. A expectativa da organização local é de que cerca de 20 mil pessoas assistam ao show dos pilotos. O diferencial da pista é o local onde foi construída, aproveitando o declive natural do terreno o que dará uma visão privilegiada para o público que ficará em uma arquibancada natural, de onde é possível ver toda a pista. Entre morros e uma área preservada, o ambiente é bem tradicional do Motocross.

A rodada deste fim de semana marcará a volta do Campeonato ao Rio de Janeiro após quatro anos. A última vez foi em 2010, em Nova Friburgo. Na etapa estarão em disputa as quatro principais categorias: MX1 (motos até 450cc, pilotos de 17 a 55 anos), MX2 (motos até 250cc, pilotos de 14 a 23 anos), MX3 (motos até 450cc, pilotos homens com idade a partir de 35 anos e mulheres a partir de 17 anos), Junior (motos até 150cc, pilotos homens de 11 a 15 anos e mulheres até 17 anos). A 2ª bateria da categoria MX2, da Etapa de Pedra Bonita (MG) também será realizada em Paty do Alferes.

MX1 – Após cinco etapas realizadas, a principal categoria, MX1, é liderada pelo equatoriano Jetro Salazar, seguido pelos brasileiros Balbi Jr, Wellington Garcia e Jean Ramos. O espanhol Carlos Campano que saiu na frente no Campeonato  está na quinta colocação. O piloto sofreu uma lesão no tornozelo e não correu em Canelinha (SC) e somou apenas alguns pontos em Campo Grande (MS). Já na última etapa realizada dias 13 e 14 deste mês em Limeira (SP), o piloto voltou a subir no lugar mais alto do pódio. Já o atual campeão da MX1, o inglês Adam Chatfield voltou a ter bom rendimento após a lesão no ombro e segue na sexta posição.

MX2/MX3/JÚNIOR – , o português Paulo Alberto era o líder até a etapa paulista, quando Thales Vilardi assumiu a ponta e abriu boa vantagem. Na MX3, Davis Guimarães permanece na liderança, seguido por Milton Becker, o Chumbinho. Já na categoria Junior, Enzo Lopes lidera a classe com cinco vitórias até agora.

PROGRAMAÇÃO

Sábado 20/9
08h00 – Vistoria técnica
09h00 às 11h10 – Treinos livres
12h50 às 15h00 – Treinos cronometrados
15:30 – Prova MX2 – 30min + 2 voltas (*)
16h20 – Prova MX3 – 20min + 2 voltas
16h50 – Pódio MX2 e MX3
(*) –  2ª bateria de Pedra Bonita)

Domingo 21/9
09h00 às 10h05 – Warm up
10:40 – Prova Junior – 20min + 2 voltas
12:00 – Prova MX2/ 1ª Bateria – 30min + 2 voltas
12:40 – Prova MX1/ 1ª Bateria – 30min + 2 voltas
13:20 – Cerimonial
14:00 – Prova MX2/ 2ª Bateria – 30min + 2 voltas
15:00 – Prova MX1/ 2ª Bateria – 30min + 2 voltas