Caros companheiros motociclistas e triciclistas(I)

Caros companheiros motociclistas e triciclistas(I)

Caros companheiros motociclistas e triciclistas(I)

Parte desta história já foi contada sem versos e prosas. História daquele pobre sujeito, que se propõe a organizar um churrasco, que corre atrás do carvão, da carne, da bebida gelada, do lugar pro churrasco, dos apetrechos e todo o resto. Que dias antes já está nesta peregrinação pra que tudo esteja perfeito. E depois do ato consumado, do churrasco realizado e barrigas cheias, ainda tem que ouvir de alguém que a carne estava dura, que a picanha foi só pra diretoria, que ele fez tudo isso porque tem algum interesse por trás (???) e outros escalavros. Pra quem passa por este calvário isso não importa, importa somente que ele realizou o que tinha se proposto realizar, que fez o melhor que pôde e que a grande maioria reconhece isso. E agradece.

Toda esta conversa quase fiada, serve pra testemunharmos que no final de semana passado participamos de um grandioso evento, e que na sua peregrinação seguiu a cartilha de tudo que defendemos, com relação a como deve ser uma iniciativa no motociclismo voltada aos motociclistas, triciclistas e comunidade local. Este foi o resumo do Ostras Cycle 2011.

Guardada as devidas proporções na comparação com a simples organização de um churrasco, já que estas iniciativas no motociclismo são de uma complexidade enorme, haverão ainda corneteiros de plantão, que definem um copo com água até a metade como quase vazio, nós preferimos defini-lo como quase cheio, pois é uma forma muito mais otimista e positiva de ver a mesma coisa.

A proposta de estruturar um evento, com todos os recursos necessários para atender e prover oportunidades de participação a motociclistas e triciclistas de todas as classes socioeconômicas, foi perseguida em toda esta peregrinação.

Os visitantes, sejam motociclistas, triciclistas, munícipes ou turistas, tiveram ao seu dispor uma excelente infra-estrutura com praça de alimentação, barracas de acessórios e indumentárias, grande quantidade de banheiros, ponto de informação, apoio e inscrição e uma programação de quatro dias de apresentação de algumas das melhores bandas do circuito motociclista e independentes no cenário do rock nacional.
Bandas do naipe de Faixa Etária, Velhas Virgens, Segredo de Estado, Sanctuarium, Made in Rock, Titânia, Cilindrada, PDA, Eclipse, Analfa, Route 69, Caravelas, Primícia, Farenheight 300, The Gunners, The Riders, Little Rock, Katrina e Rock4Ever, que se dividiram em apresentações nos palcos principal, praça de alimentação e área de camping. Realmente sensacional.

Com relação a recente, justa e forte discussão no grupo Yahoo Antena Ligada, e outros fóruns, em relação à constante e crítica situação de exploração dos preços nas diárias da rede hoteleira e aluguel de imóveis, em localidades que são palcos de eventos motociclista, houve uma excelente iniciativa da organização do Ostras Cycle 2011, com a indicação de uma lista de estabelecimentos que se comprometeram a cobrar os preços comumente praticados, e na abertura de um canal para prestação de queixa com relação ao abuso de preços.

Cremos que o grande diferencial nesse evento, com relação ao cuidado com motociclistas e triciclistas, foi o de prover uma área de camping de excelente qualidade e recursos, para quem, por desejo ou necessidade, se utilizasse desse tipo de estadia.
A área de camping estava localizada dentro do Parque da Cidade, com segurança, área coberta, áreas arborizadas, banheiros, almoço e café da manhã à R$ 8,00 e R$ 5,00, respectivamente, e apresentação de bandas. Excelente recurso à disposição dos motociclistas e triciclistas.
Este recurso foi perseguido e alcançado a apenas alguns dias do início do evento, e com toda sinceridade, se não tivéssemos nos apressado em ter reservado uma pousadinha, de modo que não dava pra abandonar o adiantamento, teríamos acampado neste local.

Certo que esta área de camping não estava ao lado do evento, o que seria uma dádiva, mas a prioridade de disponibilizar um local com todos os recursos mencionados, e com o objetivo de prestar todos os serviços essenciais aos motociclistas e triciclistas, está acima de tudo.

Vale lembrar que todo este circo do motociclismo estava num lugar paradisíaco, que com a benção da natureza e das condições meteorológicas, permitiu a festa rolar durante quatro noites e três dias de muito sol e céu estrelado. Salve o mar, as praias e a cidade de Rio das Ostras.

Lembramos vos que o site Riders Of Freedom é independente, não tem nenhum caráter comercial, não recebe incentivo de qualquer fonte e espécie e paga todos os gastos de viagens, alimentação e hospedagem com recursos dos seus proprietários, que são motociclistas integrantes de moto clube e amantes de motocicleta e estradas a mais de 30 anos. Condição que nos dá total isenção e propriedade pra colocar a nossa opinião sobre todos assuntos à cerca do motociclismo e suas iniciativas, mantendo uma linha mais equilibrada, seguindo na direção que se traduz em gerar benefícios para os motociclistas, triciclistas e sociedade.

Em tempo, deixamos registrado que, como -amadores profissionais- de imagens e sonhos, fomos -beneficiados- sim, no sábado à noite, durante a tentativa de realização do nosso trabalho, e por intervenção oportuna do querido amigo Paulo Roberto (jornalista e empresário da banda Faixa Etária), devido à perturbação e riscos proveniente de uma -roda- de roqueiros não motociclistas, sem noção, que insistiam em se gladiar em vez de curtir o som. Momento, no palco, que aproveitamos pra capturar belas imagens da banda e do público, e darmos um abraço no Xandão, Fernando e amigos do Jaguar do Asfalto MC e Ostradeiros MC.

Que os sons dos roncos das motocicletas e do rock and roll sobrepujam o ruído dos corneteiros de plantão, e que toda esta energia junta, seja direcionada somente ao engrandecimento do motociclismo que pregamos e às suas críticas construtivas, quando se fizerem necessárias.

Parabéns à organização do Ostras Cycle 2011, estamos ávidos por reprise em 2012. Que venham tantos outros bons eventos, escolha o seu.