A evolução dos sistemas de freio em motocicletas foi tema que despertou especial interesse durante o seminário

CESVI prova que ABS deveria ser obrigatório

Catracas no disco de freio mostra que a moto está equipada com ABS

Uma pesquisa minuciosa feita pelo CESVI – Centro de Experimentação e Segurança Viária – mostra a eficiência do sistema de freio antitravamento das rodas- ABS em motos de pequenas cilindradas. A intenção do CESVI é chamar a atenção na segurança nas frenagens não somente em motos de grande porte, mas de menor potência e torque, como as 125 cc.

Embora não exista uma estatística oficial e eficiente em relação às verdadeiras causas dos acidentes entre os motociclistas no Brasil, sabe-se que não se ensina a frear de modo seguro na maioria das CFCs (Centro de Formação de Condutores) e, aliado a este problema de instrução, muitos vendedores de concessionárias de motos não conseguem (ou não querem) explicar a maneira correta de se usar os freios de uma moto aos seus clientes compradores.

O piloto novato fica na eterna dúvida se pode ou não usar o freio dianteiro, qual a dosagem correta no pedal de freio, como fazer a moto não derrapar no momento de uma frenagem emergencial. Dessa forma o sistema eletrônico de frenagem veio para ajudar e isto foi provado no evento ocorrido neste último dia 16 de Julho de 2013, onde Almir Fernandes, diretor do CESVI  introduziu o tema e o gerente técnico, Emerson Feliciano, explicou o conteúdo da pesquisa com o complemento da demonstração prática usando uma Yamaha XTZ 125, moto que teve um sistema ABS instalado pela Bosch pois a moto não vem com ABS de fábrica.

As derrapagens por causa da frenagem são um dos motivos de quedas e o ABS evitaria esse tipo de acidente

Nesta demonstração deixou claro que muitos acidentes seriam evitados se todas as motos saíssem de fábrica equipadas com este módulo. Mas é preciso saber usar e mesmo com este equipamento eletrônico instalado nas motos ainda a educação técnica e comportamental do trânsito seria a melhor forma para evitar os acidentes.

Mesmo assim, a pesquisa feita pelo CESVI mostra que a tecnologia veio para neutralizar os erros do condutor, principalmente em relação ao uso dos freios, já que na minha opinião, frear uma moto é a parte mais difícil na pilotagem.

Obs.: Esta análise está relacionada ao sistema ABS ELETRÔNICO e não ao ABS MECÂNICO de frenagens.

 

Texto de Carlos Amaral – Instrutor de pilotagem defensiva, instrutor de trânsito do Detran-SP na especialidade Direção Defensiva, palestrante da Porto Seguro Cia de Seguros Gerais, blogueiro e diretor operacional da Carlos Amaral & Zuliani Motorcycle Training

Fotos de Geórgia Zuliani, em curso de pilotagem defensiva da Carlos Amaral & Zuliani Motorcycle Training.



Carlos Amaral

Carlos Amaral - Instrutor de pilotagem defensiva certificado pela Honda, instrutor de trânsito do Detran-SP na especialidade Direção Defensiva, palestrante da Porto Seguro Cia de Seguros Gerais, blogueiro e diretor operacional da Carlos Amaral Motorcycle Training