Chumbinho participa da abertura do Catarinense de Motocross - foto de Maurício Arruda

Chumbinho Becker disputa abertura do Catarinense de Motocross

Chumbinho participa da abertura do Catarinense de Motocross - foto de Maurício Arruda

Chumbinho participa da abertura do Catarinense de Motocross - foto de Maurício Arruda

Um dos principais nomes do motocross no país é presença confirmada no evento, que acontece dias 22 e 23, em São José (SC). Milton “Chumbinho” Becker promete tornar a abertura do Campeonato Catarinense de Motocross 2014 ainda mais emocionante. O piloto disputará a categoria MX3 no evento que acontece neste fim de semana no Motódromo Marronzinho.

Focado na preparação para o Brasileiro, que terá início no mês de abril, o piloto espera aproveitar a prova para avaliar seu desempenho e fazer os últimos acertos na motocicleta. “A pista integra o calendário nacional, então, não há lugar melhor para eu ter noção de como estou para encarar o desafio”, explica.

Chumbinho vem se dedicando bastante aos treinos na cidade de Joinville. O objetivo da sua equipe é que ele chegue ao seu 21° título brasileiro neste ano. Vale lembrar que o atleta de 46 anos é o atual recordista em conquistas no motociclismo.

Fonte: Imprensa Pro Tork

GUSTAVO HENN VOLTA ÀS PISTAS NO CATARINENSE DE MOTOCROSS
Após longo período de recuperação, piloto retorna às competições

Gustavo Henn está de volta às competições

Gustavo Henn está de volta às competições - foto de divulgação

Outro piloto que marcará presença no Catarinense de Motocross ser Gustavo Henn. Chegou a hora! No próximo final de semana, dias 22 e 23 de março, finalmente, ele fará seu retorno às pistas. O piloto está afastado das competições desde junho de 2012, por conta de uma lesão e agora está animado para iniciar uma nova fase em sua carreira.

O atleta está ansioso para acelerar novamente. Ainda em fase final de tratamento, tudo que ele quer é conseguir imprimir um ritmo bom na pista e terminar a prova: ” Estou muito feliz por poder voltar a fazer o que eu gosto. Sei que terei de controlar o impulso, já que ainda não estou 100%, mas espero conseguir terminar a prova em São José. Estou um pouco fora de ritmo, mas a vontade de acelerar e voltar à antiga forma é grande e se depender do meu empenho e dedicação chegarei lá”, revelou o piloto.

Fonte: MotoPress