chumbinho

Chumbinho confirma favoritismo e vence MX3 do Brasileiro

Chumbinho lidera a categoria: experiência

Chumbinho lidera a categoria: experiência

Milton “Chumbinho” Becker confirmou o favoritismo na segunda etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross, que aconteceu ontem, sábado, dia 28, em Canelinha (SC). O piloto que reside em Joinville, mas é natural de Itapiranga, carimbou mais uma vitória e segue invicto na liderança da categoria MX3.

Representando a Pro Tork 2B Kawasaki Racing, Chumbinho enfrentou dificuldades na disputa realizada no Motódromo Arthur Jachowicz, um dos mais tradicionais do país. Sob chuva e com um traçado muito pesado, o atleta largou mal e partiu para uma prova de recuperação.

“Fui fechado na hora que caiu o gate e fiquei entre os últimos. Na primeira curva já tinham alguns adversários no chão e tive que ter muito cuidado para desviar. Enquanto a maioria arriscava, apostei em uma pilotagem menos agressiva e deu certo. Fui ganhando posições até chegar a ponta. Estou muito feliz”, afirma.

Com o resultado, Chumbinho soma 50 pontos na classificação e parte tranqüilo para a próxima etapa. Amanhã o evento segue com mais desafios para a equipe, representada também pelo mineiro Antonio Jorge Balbi Júnior, na MX1, e pelo catarinense Gustavo Henn, na MX2. A previsão de sol anima os participantes e a torcida, que promete lotar as arquibancadas.

Confira o resultado da etapa na categoria MX3

1) Milton “Chumbinho” Becker (Pro Tork 2B Kawasaki Racing)

2) Richard Gabriel Berois
3) Ademir Antonio Todeschini
4) Mariana Balbi
5) Francisco Luiz Velasco Filho

Confira a classificação na categoria MX3

1) Milton “Chumbinho” Becker (Pro Tork 2B Kawasaki Racing) – 50 pontos

2) Mariana Balbi – 38 pontos
3) Ademir Antonio  Todeschini – 34 pontos
4) Richard Gabriel Berois – 33 pontos
5) Eder Antoniazzi – 31 pontos

A Pro Tork 2B Kawasaki Racing tem o patrocínio de Mobil, Pirelli e Mart Plus e apoio de Dash Industries.