Clássicas, qual, sesamóide, bé, CRF 230 etc

Clássicas, qual, sesamóide, bé, CRF 230 etc

Clássicas, qual, sesamóide, bé, CRF 230 etc

Muito legal vc colocar no site os testes com motos do passado, como a RD350, CBX750 e Sahara. Sabe o que seria mais legal? Ir mais pro passado ainda postar alguns testes com CB400/500 Four. Lindas m quinas que ainda rodam por a¡ encantando a todos.
Rogerio – Rio Branco, AC
Roger, eu s¢ posso republicar testes feitos por mim pra nÆo ser flagrado pela lei de direito autoral. Mas nosso colunista JoÆo Boccolo ‚ especialista nestas velha, ops, digo, cl ssicas! Eu tive uma CB 400Four e morro de saudades dela.

Qual
Tite, eu sei que a sua pol¡tica de comparativos entre motos depende do prop¢sito que cada pessoa quer com a moto, mas vocˆ testou a Hornet e (acho que) testou a Bandit 650 nova. Em sua opiniÆo e seu gosto, com qual das duas vocˆ escolheria e porque? Apenas como nota, eu mandei uma carta pra Honda do Brasil sugerindo que eles colocassem uma moto de m‚dia cilindrada. Eles me responderam muito educadamente que a minha opiniÆo ‚ importante e que ser  levada em considera‡Æo. Fiquei contente, ainda mais porque estava esperando essa suposta 400 nova. Agora que vocˆ disse que “o sonho acabou” sinto que a Honda nÆo esta nem um pouco preocupada com esse segmento e seus respectivos consumidores. Com certeza quando trocar de moto vou pensar duas vezes antes de comprar Honda.
Franz – Bras¡lia, DF
Como vc mesmo explicou, “depende de cada um”. Eu gosto mais da Hornet porque gosto de motores mais esportivos. Por outro lado, a Bandit 650 ‚ menos visada pela ladronagem. Realmente nÆo sei.

Sesam¢ide
Tite, finalmente comprei minha moto (usada)! Uma Strada! E com uma semana levei meu primeiro capote! No caso, uma rua mal iluminada (¤ podia usar farol alto pq vinha carro do outro lado), sem placa avisando do quebra-molas, q estava apagado (sem as faixas amarelas), al‚m d desn¡ves d recapeamento! Qd v¡ s¢ deu tempo d frear d uma vez e o recapeamento fazendo eu passar pelo em Shimmy! Conheci o famoso Kick-back! Ca¡ mergulhando de kb‡a, mas rolei antes de bater com ela (¤ me pergunte como)! Mas Sà qbrei um ossinho do dedÆo do p‚ chamado sesam¢ide! O q fazer qt a isso? Sem chance do detran ou governo pagar o estrago na moto, pelas condi‡äes da pista,n‚? E outra, tem algum guidon mais baixo d outra moto, q eu possa usar na strada (o antigo dono colocou um bem mais alto), mas gostaria de um mais baixo q o original? E um mais esportivo, como o “morcego”? Ir  influenciar mt na estabilidade?
Rodrigo – Bras¡lia – DF
Gostei do nome do osso! Imagine a mÆe berrando “Sezam¢ide, j  pra dentro, menino da peste!”. Aqui, primeiro: o seu farol alto ‚ menos ofuscante que o de carro.  melhor ofuscar o motorista e ser xingado por alguns segundos do que se estabacar no buraco. Se tiver fotos do local e fizer um exame de corpo de delito pode entrar com a‡Æo contra a administra‡Æo (j  que BSB num tem prefeitura). O guidÆo original ‚ a melhor op‡Æo, o tipo morcego ‚ ruim demais.

B‚
Caro Tite, Ap¢s ler a mensagem de nosso amigo Vitor sobre troca de marchas e respectivamente sua resposta fui “praticar” o que li e “interpretei” pela onomatop‚ia. Eu costumo trocar as machas comos vcs descreveram, por isso tentei dar aquele “b‚” a mais nas trocas e achei um desastre, por‚m nas redu‡äes eu at‚ que gostei. Qdo reduzo minha TW (2800 km) ela parece que for‡a mais o motor e faz um barulho mais fino (nÆo sou tÆo bom nas onomatop‚ias) bem r pido como se fosse algo patinando, por‚m com um leve, mas bem leve mesmo (s¢ pra nÆo deixar o giro cair), toque no acelerador a marcha parece entrar mais f cil e for‡ando menos o motor. Esque‡o isso e continuo a fazer como vocˆs, nada de “b‚ (leve)” nas redu‡äes (hahaha t  parecendo uma cabra)?
Thiago – Campinas, SP
Na carta do Vitor – Itanha‚m sobre como trocar de marchas, vc diz que ‚ errado, inclusive nas redu‡äes de marcha, dar aquela aceleradinha enquanto se est  com a embreagem acionada. Pois bem, eu nÆo fazia isso, AT ler no teste da Honda Biz 125 uma explica‡Æo sua que deu a entender que vc estava fazendo isso. Eis o trecho do teste: “sistema de embreagem autom tica, mas eu me acostumei tÆo bem, que chego at‚ a fazer dupla debreagem nas reduzidas. Na redu‡Æo, as marchas engatam mais facilmente se o motor subir de giro segundos antes da troca” Depois de ler isso, eu passei a acionar a embreagem, dar uma aceleradinha e reduzir a marcha. A d£vida ‚: Eu entendi errado sua explica‡Æo no teste, ou vc que estava fazendo na Biz algo que vc mesmo diz ser errado?
Rodolfo – Guarulhos – SP
Vcs leram direito a resposta? “mas hoje em dia a embreagem das motos esportivas j  prevˆ essa redu‡Æo e contam com sistemas de al¡vio”. Sacaram o detalhe do “Esportiva”? E, Primo, a Biz nÆo tem embreagem manual, lembra?  preciso acertar o tempo pra acelerar e a marcha entrar mais f cil. E, por favor, escreva seu e-mail correto pq suas mensagens estÆo voltando e nÆo vou responder mais!

CRF230
Tite, o site est  bombando. Sou totalmente viciado, j  que acesso com voracidade. Parab‚ns pelas novidades: forum, colunas, informa‡äes e not¡cias quentes. A que mais gostei foi saber que finalmente em Lisarb vamos ter uma moto off-road de f brica. Se nÆo tiver um pre‡o europeu, vai fazer sucesso.
Reinaldo – Rio, RJ
O Lisarb j  teve outras off-road antes: Yamaha DT 180 e Agrale Explorer, WTX 125 e 200.

Carenada
Sauda‡äes grande Tite e amigos motonliners! Outro dia fui a uma concession ria Honda aqui no DF pagar o cons¢rcio da minha tÆo sonhada Tornado e quase tive um treco. Avistei l  no fundo da loja, por tr s de um emaranhando de CGs, uma moto enorme e com bolha, pensei ser algo tipo uma nova big trail, sei l ! Qual nÆo foi a minha decep‡Æo ao me aproximar e ver que era uma Twister carenada em cima de um pedestal! O povo gosta mesmo em sacanear a Twister com essas carenagens toscas, e parece que algu‚m na Honda, ou pelo menos nas concession rias, come‡ou a perceber isso.
Wagner – Santa Maria df
Tem gente que gosta!

Habilitado
Ol  Tio Tite! Oia eu a¡ outra vez! Quero proclamar que, consegui tirar minha carteira de motoca. Depois de 3 tentantivas, na 4 eu consegui! Tomei quase 2 litr de suco de maracuja antes de sair de casa. O resultado foi uma tremenda vontade de fazer xixi, no caminho da pista de teste. Mas pra mim valeu apena, pq eu q ficava nervosa‡o, consegui ficar tranquilo na hora do teste. Gra‡as a Deus! Agora posso pilotar minha motoca sussegadin de maiss.
Edison – Belo Horizonte – MG
Uai, parab‚ns, s“!

Tradu‡Æo
Tio Tite nÆo pude deixar de expressar minha profunda gratidÆo com suas respostas aos meus emails. Vou fazer a medi‡Æo conforme vc me indicou. E tb aproveito para resumir o TIO TITE: TIO TITE se resume nos tra‡os Ogros, no jeitinho Ork de ser, na forma Talibƒnica de pensar, nos m‚todos totalmente Shiita de ser. Podem perceber pelas leves “patas” que podem acariciar seu corpo moribundo jogado ao chÆo, depois que vc erroneamente arrisca ir contra uma opniÆo dele e ele argumenta com a delicadeza de um javal¡ raivozo. Ou seja, uma pessoa tÆo carinhosa quanto uma leoa defendendo sua cria.
Thiago – sao carlos sp
Puxa vida, Thi, que lindo! Quase fui …s l grimas!