Foto: Pódio da categoria 65cc no Arena Cross

Com muita raça Swian Zanoni vence em São Sebastião

Foto: Pódio da categoria 65cc no Arena Cross

Foto: Pódio da categoria 65cc no Arena Cross

O piloto foi o destaque da terceira etapa da competição e assumiu a vice-liderança do ranking rumo ao título da temporada 2009

A terceira etapa do Arena Cross 2009 foi um verdadeiro espetáculo para o público. O piloto Swian Zanoni, da equipe Honda/ASW, deu um show em cima da moto e venceu a competição, realizada neste sábado (20), na cidade de São Sebastião, litoral norte de São Paulo, na Rua da Praia, Centro, que contou com cerca de oito mil pessoas. Com o resultado o piloto pulou da sétima para a segunda colocação no ranking. E além do troféu levou quatro mil reais para casa. Os vencedores das outras categorias foram Hector Assunção – Honda (categoria Júnior), Cezar Zamboni – Honda (categoria 85cc), Gustavo Pessoa – ASW (categoria 65cc) e Enzo Lopes – Freeday (categoria 50cc).

-Conquistei pontos preciosos e estou muito feliz com a vitória. Agora vou treinar ainda mais para as próximas etapas e se Deus quiser vou chegar à conquista da temporada-, disse Swian. -O Wellington Garcia (ex-líder do ranking) não estava bem e eu acabei fazendo uma boa prova-, acrescenta.

Os melhores pilotos do motocross nacional que disputam a categoria Pro (fusão da MX1 e MX2), uma das novidades desta temporada, impressionaram o público presente que conferiu uma bela corrida cheia de emoções. A locução dos profissionais renomados Chicão e Zezito completou a grande festa que a terceira etapa proporcionou na cidade mais antiga do litoral norte.

Na primeira bateria da categoria Pro Swian Zanoni e Marcelo Ratinho protagonizaram uma corrida eletrizante. Ratinho largou na frente e manteve a liderança uma boa parte da prova, mas acabou sendo ultrapassado por Swian que conseguiu manter a dianteira até a linha de chegada. “A disputa com o Marcelo foi muito acirrada. Ele é um piloto muito técnico. Mas quando o passei consegui manter até o final”, disse Swian logo após a bateria.

Já na segunda e decisiva bateria, os motores roncaram mais forte levantando o público da arquibancada. Quem sa iu na frente foi Roosevelt Assunção, mas não conseguiu manter a ponta e foi ultrapassado por Swian Zanoni e Marcelo Ratinho, que como na primeira bateria ficaram na frente. Mas Swian estava inspirado e conseguiu assumir a liderança para faturar a terceira etapa. Marcelo Lima ficou em segundo. “Conquistei um bom resultado e estou sem palavras”, disse o atleta. Na terceira colocação ficou Pipo Castro ao lado de Jean Ramos, que empataram na soma das duas baterias com 26 pontos, mas Pipo subiu no pódio porque ficou na frente na segunda bateria. “Estou feliz, mas vou me preparar ainda mais para a próxima etapa”, revela o piloto.

Conforme informou neste sábado a direção de prova da competição, a segunda bateria da categoria Pro que não foi realizada na segunda etapa, em São José, Santa Catarina, por causa da dificuldade de pilotagem após muita chuva, não será realizada novamente, mantendo a soma dos pontos no ranking sem essa bateria.

Carlinhos Romagnolli, diretor da Carlinhos Romagnolli Promoções e Eventos, empresa que realiza o Arena Cross ficou satisfeito com o que viu na arena durante a terceira etapa. “Foi um grande espetáculo. Não poderia ter sido melhor”, disse. “Agradeço ao público que mais uma vez encheu as arquibancadas com as famílias. Isso é muito gratificante”, completou.

Ernane Primazzi, prefeito de São Sebastião, fez as honras na solenidade de abertura do evento ao lado da primeira dama Roseli. “É com grande prazer que recebemos o Arena Cross em São Sebastião. Ainda mais com essa ação de solidariedade na troca de alimentos por ingressos. Estou muito satisfeito”, disse o prefeito. “Os alimentos arrecadados já foram distribuídos pelo Fundo Social de Solidariedade de São Sebastião”, ressalta.

Júnior – Em um exempl o de superação, Hector Assunção faturou a etapa no finalzinho. O piloto não largou bem e ficou um bom tempo na sexta colocação, mas a garra prevaleceu e conseguiu sua terceira vitória na competição. “Foi espetacular. Tive muita fé e acreditei até o final. Graças a Deus conquistei a vitória e estou muito feliz”, disse o piloto. Quem largou na frente desta bateria foi Rodrigo Rodrigues que seguiu na liderança por um bom tempo, mas no final não conseguiu manter e ficou na segunda colocação. Em terceiro ficou Gabriel Gentil, que mesmo com uma queda conseguiu fazer boas ultrapassagens garantindo seu lugar no pódio.

85cc – Largando em primeiro e com muita personalidade César Zamboni acelerou forte e faturou sua primeira vitória na temporada. “Consegui largar bem e manter até o final. A equipe me ajudou muito e quero agradecer o apoio do meu patrocinador”, disse Zamboni que comemorou muito sua pri meira vitória. Em segundo ficou Matheus Corginha, seguido de Kaio Miranda.

Os pilotos desta categoria entraram na pista com muito apetite. Eles não correram na segunda etapa, em São José, Santa Catarina, também por causa da dificuldade de pilotagem após muita chuva. Mas, correram a bateria válida para a referida etapa neste sábado. Mantendo a ordem de entrada no gate pelo treino cronometrado já realizado em São José (SC), só participaram da disputa os pilotos que correram o treino classificatório da segunda etapa. E quem se saiu melhor foi o piloto Everaldo Lima Filho, que fez uma excelente prova. “Estou muito feliz. O trabalho está dando certo e agradeço meus patrocinadores e minha família“, disse o piloto. Na segunda colocação ficou Endrews Armstrong, seguido de Anderson Amaral.

65cc – Gustavo Pessoa entrou na pista com muit a vontade e levou o troféu para casa. Mas o jovem piloto quer mais e não vai dar moleza nas próximas etapas da competição. “Vou melhorar ainda mais. Eu treinei muito para essa etapa e mereci a vitória”, conta. Na segunda colocação ficou Pepê Bueno e na terceira Wilgner Francisco, conhecido como Guigão.

50cc -. Enzo Lopes sobrou na pista mais uma vez e venceu a terceira da competição. O jovem deu um show de pilotagem e não deu chances aos seus adversários. “Estou muito feliz. Treinei muito para essa etapa”, releva o piloto que segue na liderança do ranking com 40 pontos. Em segundo ficou Guilherme Grasse, seguido de Carlinhos Evangelista.

Essa foi a terceira vitória de Enzo nas três primeiras etapas do ano (São Manuel-SP, São José-SC e São Sebastião). A direção de prova informou neste sábado, que a corrida da categoria 50cc da segunda etapa realizada em São José, Santa Catarina, foi cancelada devido à paralisação da prova ter sido efetuada antes do tempo mínimo válido e a impossibilidade de uma nova largada, de acordo com art. 8 do regulamento da competição. Mesmo assim não tira o mérito do jovem talento.