enduro fim copa efx brasil

Conheça os vencedores do Brasileiro de Enduro FIM

Rômulo Brottel conquistou mais dois importantes títulos para sua carreira de piloto: ele é o campeão da Copa EFX Brasil de Enduro FIM de 2016 nas categorias Geral e Elite. A etapa final aconteceu no último final de semana, na Granja Nagao, em Mogi das Cruzes (SP). Com a vitória, Rômulo devolveu o cinturão de campeão ao Brasil, uma vez que os dois últimos vencedores da Copa eram estrangeiros (o francês Adrien Metge em 2015, e o português Luis Oliveira, em 2014).

Final da Copa EFX Brasil de Enduro aconteceu em Mogi das Cruzes (SP)

Final da Copa EFX Brasil de Enduro aconteceu em Mogi das Cruzes (SP)

“Esse ano consegui ganhar somando o máximo de pontos possível”, disse Rômulo, também campeão da EFX em 2013. “Não ganhei a primeira etapa, mas da segunda em diante, sim. Tinha certeza que seria bem disputado, mas também estava confiante. Fiquei muito satisfeito, é bom terminar o ano com mais um ótimo resultado. Essa etapa estava muito boa, o terreno mais macio criou muita canaleta. Foi bem divertido, as três especiais estavam muito boas”, completou Bottrel.

Rômulo Bottrel e Júlio César Ferreira, campeão e vice na categoria Elite da Copa EFX Brasil

Rômulo Bottrel e Júlio César Ferreira, campeão e vice na categoria Elite da Copa EFX Brasil

No total foram definidas 15 categorias no evento que teve pontuação dobrada, ou seja, a corrida final somou pontos pela quinta e sexta etapas do campeonato. O desempenho do mineiro no Enduro, integrante da equipe Honda ASW Rinaldi Zanol, também contribuiu para que a Honda faturasse o título entre as fábricas. Além de ser a marca campeã, a Honda também faturou a categoria E1, com Bruno Martins; a E4, com Wanderson Andrade; e a Junior, com o piloto Vinicius Musa. Além deles, Júlio Ferreira ficou em segundo na Geral e na Elite, enquanto Tunico Miranda foi vice na E2.

Pódio das equipes ao final da Copa EFX

Pódio das equipes ao final da Copa EFX

“Este foi um fim de semana no qual tivemos muito trabalho,e que chegamos muito perto de atingir a perfeição. Conquistamos quase todos os títulos que tínhamos possibilidade. Quero agradecer muito o empenho e o comprometimento de todos os integrantes da equipe”, afirmou Felipe Zanol, diretor da equipe Honda ASW Rinaldi Zanol.

 

Janaína Souza é bicampeã no brasileiro de Enduro e tetra da Copa EFX

Janaína Souza venceu a disputa da Copa EFX de Enduro na categoria Feminina, obtendo o bicampeonato do Brasileiro, e o quarto título consecutivo da Copa. “Foi o bicampeonato brasileiro e o tetra da Copa EFX. Encerrei a temporada com chave de ouro”, comentou Janaína. “Tive tranquilidade nas finais e administrei a vantagem de pontos que adquiri no decorrer do ano, sem errar. Estou muito satisfeita com a temporada, conquistei quatro títulos em todos os campeonatos que participei, o que é fruto de muito trabalho e dedicação. Estou pronta para 2017”, avisou a atleta, deixando nas entrelinhas que vem novos títulos por aí. Neste ano, ela ganhou também o Enduro da Independência (onde é tricampeã) e a CACC (Copa Adrenatrilha de Cross Country), pela quarta vez seguida.

Janaína Souza guardará para sempre o ano de 2016: bicampeã brasileira; tetra da Copa EFX, tricampeã do Enduro da Independência e tetra também da Copa Adrenatrilha de Cross Country

Janaína Souza guardará para sempre o ano de 2016: bicampeã brasileira; tetra da Copa EFX, tricampeã do Enduro da Independência e tetra também da Copa Adrenatrilha de Cross Country

Resultados da Copa EFX de Enduro FIM

Por categorias

Elite
1. Rômulo Bottrel, 39:20.85
2. Julio César Ferreira Eliziário, 39:57.51
Junior
1. Vinicius Luis Lopes da Silva, 40:22.95
2. Vinicius Calafati Ribeiro, 40:23.23
3. Tunico Maciel, 40:29.64
4. Gabriel Lucas Soares, 41:03.54
5. Washington Pereira Silva, 41:12.26

Enduro 01
1. Bruno Batista Martins, 40:40.51
2. Sthenio Pessanha da Silva, 41:57.80

Enduro 02
1. Cauê Paulini Aguiar, 42:07.83
2. Antonio de Miranda Junior, 42:39.46
3. Bruno Navas de Araujo, 44:32.07
4. Alexandre B. Pejon, 46:12.80

Enduro 03
1. Rafael Pasqua Silvestre, 44:28.48
2. Bruno Jose Rodrigues da Silva, 45:11.44
3. Leonardo Matuno Malagutti, 46:42.58
4. Flavio Yatsugafu, 48:52.44
5. Clodoaldo Shoji Uemura, 49:13.72

Enduro 04
1. Victor Camargo Miranda, 42:06.37
2. Wanderson Andrade, 42:12.18
3. Júlio César Zavatti, 42:57.30
4. Fabrício Lasmar Silva, 43:33.41
5. Vitor Martins Menino, 44:15.88

Over 35
1. Nielsen Bueno, 41:11.58
2. Rodolfo Ripamonti, 43:38.91
3. Fernando Teixeira de Carvalho, 45:04.91
4. Dario Julio, 45:34.86
5. Clericson Alan, 46:30.91

Over 45
1. José Roberto Polaz, 45:56.64
2. Evandro Bozetti, 47:09.92
3. Fabio Bizarria, 47:26.90

Over50
1. Washington Caipira, 45:55.01
2. José Alexandre Tommaso, 47:05.92
3. Jeferson Colantonio, 49:44.08
4. Valvissir Aguilar, 51:01.10
5. Edmilson Elias de Freitas, 51:10.51

Enduro 05
1. Guilherme Ambrosio Medeiros, 45:07.96
2. Rodrigo Matavelli Pagano, 45:08.73
3. Marcos de Ulhoa Canto Gebhardt, 45:38.45
4. Francis Felipe Tonon da Silva, 48:08.93
5. Mauro Marques Figueira Filho, 48:44.31

Enduro 06
1. Yuri de Menezes Alves Magalaes, 44:49.12
2. Reinaldo Muniz de Almeida, 47:16.80
3. Gilmar da Silva Júnior, 49:02.16
4. Marco Fredigotto Mendes, 52:58.55
5. Thyago Barletta Azevedo, 55:17.16

Enduro 08
1. Guilherme da Silva Bittencourt, 45:34.21
2. Felipe Manduca Nunes, 45:46.75
3. Yan Bueno Proque, 45:52.62
4. Junior Leandro Nunes, 47:35.33
5. Murilo Silveira Rodrigues, 48:08.55

Feminina
1. Janaina Souza, 46:07.28
2. Tainá Aguiar, 48:42.69
3. Bárbara Neves Gonzaga, 50:37.60
4. Jéssica Sâmia, 55:53.92
5. Alessandra Horita, 59:21.88

Taça Cidade
1. Paulo Cesar Mimoto, 52:19.27
2. Henrique Harano, 53:29.50
3. Amauri Guida Bittencourt, 56:40.66
4. Aluizio Donizete de Jesus, 1:01:15.48
5. Richard Peach, 1:02:11.91

Resultado por Equipes

1. Honda/Asw/Rinaldi Zanol Team 1:59:58,87
1. Rômulo Bottrel
2. Julio César Ferreira Eliziário
10. Bruno Batista Martins

2. Sacramento Racing 2:02:47,07
4. Vinicius Calafati Ribeiro
31. Nielsen Bueno
7. Washington Pereira Silva

3. Honda/Asw/Rinaldi Zanol Team 2 2:05:14,59
5. Vinicius Luis Lopes da Silva
26. Wanderson Andrade
13. Antonio de Miranda Junior

4. Honda Motofield 2:10:52,09
30 Júlio César Zavatti
33 Rodolfo Ripamonti
27 Vitor Martins Menino

5. CTC 2:10:58,35
11. Sthenio Pessanha da Silva
22. Rafael Pasqua Silvestre
14. Bruno Navas de Araujo

Separador_motos

 

Fontes: Vipcomm; Mundo Press; Publix



Jornalista gaúcho convicto de que um passeio de moto em um dia de sol é a cura para praticamente todos os males da vida. Fã de motoaventurismo, competições de moto, café, praia e de rock n roll.