Indi Munoz, de Brasilia garantiu a vitória na Copa Kawasaki Ninja 300 em Londrina - divulgação

Copa Kawasaki Ninja dá show em Londrina

Domingo (22) de tempo firme e temperatura quente na pista do Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Londrina (PR), na 7ª etapa da Copa Kawasaki Ninja 2015, inserida no Superbike Brasil. Logo no início da manhã os competidores entraram na pista para a disputa das provas finais. A primeira categoria a entrar na pista foi a Ninja 300, que apresentou ao público uma disputa de alto nível.

Copa Kawasaki Ninja 300

Indi Munoz, de Brasilia garantiu a vitória na Copa Kawasaki Ninja 300 em Londrina - divulgação

Indy Munoz, de Brasilia garantiu a vitória na Copa Kawasaki Ninja 300 em Londrina – divulgação

Bruno Cesar Borges (#51) largou na frente, com Fabiano Cândido (#13) em segundo, Victor Perrucho (#226) em terceiro e Indy Muñoz (#199) em quarto. Ainda nas voltas iniciais Indy impôs um ritmo forte, ganhou duas posições, assumiu o segundo lugar e iniciou forte pressão ao primeiro colocado. Ela e Bruno chegaram a trocar de posição na ponta, enquanto Victor Perrucho brigava pelo terceiro lugar.

Faltando apenas cinco voltas para o final Victor Perrucho assume o terceiro posto e Niko Ramos (#822), vice-líder do campeonato, ganha posições para ocupar o quinto lugar. A disputa fica intensa nas voltas finais: Niko, Bruno e Perrucho aceleram forte e Indy Muñoz assume a ponta, abrindo vantagem na primeira colocação. Na última volta Fábio Roberto (#10) e Victor Perrucho sofrem uma queda e Indy confirma a vitória, com Bruno Cesar Borges em segundo, Niko Ramos em terceiro, Sandro Paganelli (#64) em quarto e Josué Araújo “Bochecha” (#404) em quinto.

Entre os competidores da categoria Light Fernando Santos (#234) levou a melhor, seguido por Fabiano Cândido (#13), Bruno Ribeiro (#169) em terceiro, correndo pela primeira vez na competição, Kaynan Freire (#36) em quarto e Sarah Conessa (#5) em quinto.

“Fiquei sem pontuar na etapa de Santa Cruz por conta de uma lesão e vencer aqui em Londrina foi um resultado incrível para o campeonato. Fiz uma prova muito boa, me mantive nas primeiras posições durante todo o tempo e estou feliz por estar viva na briga pelo título depois de descontar o prejuízo de não ter pontuado em uma das etapas”, contou a revelação da classe, Indy Muñoz.

Copa Kawasaki Ninja 600

Logo após a prova da Ninja 300, os pilotos da Ninja 600 entraram na pista para mais uma corrida da classe. Diego Viveiros (#23) não deu chance para seus adversários, largou na frente e dominou a prova, abrindo boa vantagem para seus concorrentes. O piloto, que chegou a abrir 7 segundos de vantagem para o segundo colocado, cravou ainda a volta mais rápida da corrida (1:24.427) e, de quebra, garantiu o título da categoria com uma rodada de antecedência na temporada.

Com o resultado ele sagrou-se bicampeão paulista da classe depois de mostrar muita consistência e regularidade em todas as etapas. O segundo colocado na Ninja 600 foi Jefferson Valcézia (#99), com Douglas Tomé (#67) em terceiro, Raphael Arcari (#600) em quarto e, fechando o pódio, Bruno Monteiro (#70). Luis Ferraz (#13), que ocupava a terceira colocação, levou uma queda nos momentos finais e perdeu a posição, mas voltou para a prova, terminando em nono lugar.

“Esse ano eu treinei duro e me empenhei bastante. Estudei as pistas, conversei com os pilotos mais experientes e acredito que toda essa dedicação me fizeram chegar à conquista de mais um título. Estou muito feliz”, comemorou o campeão Diego Viveiros.

Edvaldo José Martinati (#113), que disputa a categoria Ninja 600 Master, também fez ótima largada, saindo na segunda posição e se deu bem conquistando o título antecipado da categoria. Ele foi o primeiro colocado, com Marcelo Kitadai (#36) em segundo.

Resultados – 7ª etapa em Londrina

Ninja 300 – 1ª prova – sábado 21/11
1. #51 Bruno Cesar Borges
2. #199 Indiana Muñoz
3. #822 Niko Ramos
4. #226 Victor Perrucho
5. #10 Fábio Roberto Ferreira

Ninja 300 Light – 1ª prova – sábado 21/11
1. #13 Fabiano Cândido
2. #169 Bruno Ribeiro
3. #234 Fernando Santos
4. #707 Jeferson de Souza
5. #36 Kaynan Freire

Ninja 300 – 2ª prova – domingo 22/11
1. #199 Indiana Muñoz
2. # 51 Bruno Cesar Borges
3. #822 Niko Ramos
4. #64 Sandro Paganelli
5. #404 Josué Araújo “Bochecha”

Ninja 300 Light – 2ª prova  – domingo 22/11
1. #234 Fernando Santos
2. #13 Fabiano Cândido
3. # 169 Bruno Ribeiro
4. #36 Kaynan Freire
5. #5 Sarah Conessa

Ninja 600 – domingo 22/11
1. #23 Diego Viveiros – Campeão antecipado
2. #99 Jefferson Valcézia
3. #67 Douglas Tomé
4. #96 Raphael Arcari
5. #70 Bruno Monteiro

Ninja 600 Master – domingo 22/11
1. #113 Edvaldo Martinati – campeão antecipado
2. #36 Marcelo Kitadai

A 8ª e última etapa da Copa Kawasaki Ninja vai agitar a cidade de Cascavel, no Paraná, no dia 13 de dezembro.

Separador_motos