4ª etapa da Copa Minas Gerais de MX já tem 20 garotas inscritas

Copa MG de MX: record de garotas inscritas

A 4ª etapa da Copa Minas Gerais de Motocross vai ser a mais charmosa de todos os tempos. Isso porque, a categoria feminina bateu recorde de inscrições antes mesmo do período de cadastro ser encerrado. No dia 20 de setembro, a partir das 8h, a pista do Córrego do Bação, em Itabirito, receberá cerca de 20 “pilotas” que vão acelerar ao máximo para conquistar os 2.300 reais em prêmios, que serão distribuídos entre as cinco primeiras da MXF.

4ª etapa da Copa Minas Gerais de MX já tem 20 garotas inscritas

4ª etapa da Copa Minas Gerais de MX já tem 20 garotas inscritas

Dentre essas garotas está a líder do campeonato Stefany Serrão. Atualmente a piloto está com 69 pontos. Atrás da paulista vem as mineiras Mariana Balbi, com 50, e Ana Paula Ferreira, com 47. Como haverá etapa do Campeonato Brasileiro no mesmo fim de semana da Copa Minas Gerais de Motocross, Mariana cumprirá o contrato que sua equipe possui com a competição e não participará das provas que acontecerão sábado, em Itabirito, situação que aumenta ainda mais a expectativa das concorrentes.

Stefany, por exemplo, se diz entusiasmada porque pode chegar à final, em Sarzedo, com uma boa diferença de pontos. “Estou muito animada para essa etapa. Vou dar o meu máximo na corrida para levar o título comigo. Estou muito confiante”, conta. Já Ana Paula diz que seu objetivo é conquistar uma boa colocação no pódio. “A minha expectativa em relação a essa etapa, é tentar chegar entre as cinco primeiras, para manter a minha colocação ou até ficar em segundo no campeonato. Sei que vai ser difícil, pois o nível está muito alto e todas vão brigar pelo pódio. O importante, além de estar competindo, é acreditar que tenho capacidade para estar entre as primeiras colocadas desse GP. Com foco, força e fé eu chego lá”, afirma.

Além da MXF, algumas mulheres também competem de igual para igual com os homens na MX3, categoria para motos dois tempos de 125 até 250 cilindradas ou quatro tempos de 175 a 450 cilindradas, homens a partir de 35 anos e mulheres acima de 17 anos. Até o momento, a liderança do campeonato é de Mariana Balbi. Ela está em primeiro lugar com 50 pontos, Stefany Serrão em segundo com 40 e Geraldo Filho em terceiro também com 40.

Para tentar segurar a ponta e o título, Mariana garante que ao terminar a prova do nacional em Paty de Alferes (RJ), irá direto para Itabirito para disputar a MX3. “Vou correr no domingo e minha expectativa é boa. Tenho treinado bastante, porque estão acontecendo muitas provas. Estou muito feliz por correr em Itabirito, que é bem próximo de casa, e gostaria de convidar o público para comparecer”.