Humberto Cadori Filho garantiu o título antecipado da E1 na Copa Pakato de Enduro

Copa Pakato de Enduro: campeões serão definidos em Suzano (SP)

Muitas disputas são esperadas para a final da edição 2011 da Copa Pakato de Enduro FIM, marcada para o último domingo de outubro, dia 30.

Humberto Cadori Filho garantiu o título antecipado da E1 na Copa Pakato de Enduro

Humberto Cadori Filho garantiu o título antecipado da E1 na Copa Pakato de Enduro

Na frente da classificação geral e da classe Elite, considerando o descarte de pontos obrigatório, aparece o mineiro Felipe Zanol terá que fazer um sacrifício extra para se livrar dos principais oponentes. Com uma operação recente no polegar direito, devido a uma lesão adquirida na disputa do Rally dos Sertões, ele segue em recuperação avançada. Após um período de fisioterapia, o mineiro volta aos treinos esse fim de semana para estar bem preparado para a etapa.

Até agora, ele soma 137 pontos, 11 a mais que o segundo colocado, Nielsen Bueno. O terceiro é o paulista Júlio César Zavatti, o Bissinho, com 118 pontos.

A E1 tem a liderança disparada de Humberto Cadori Filho, com 140 pontos (já com o descarte), que já conquistou de forma antecipada o título da categoria. O vice-campeonato também já foi definido, Dimas Nogueira Rosa, com 111 pontos, já não pode ser alcançado por Marcelo Molognoni, que conta com 75.

A prova será realizada em um sítio na região de Suzano e, com isso, terá um trecho menor de deslocamento no asfalto. Um Extreme Test especial já está programado, assim, a promessa de boas batalhas é ainda maior.

Mais informações podem ser obtidas pelos telefones: (11) 4513-5421, Cel. (11) 9956-8006 ou Nextel: (11) 7815-7217 – ID 55*1*13244 com Fabio Simões (Fabião) ou pelos e-mails adrenatrilha@adrenatrilha.com.br e simões_fabio@uol.com.br.

Serviço:  Copa Pakato de Enduro FIM
7ª etapa (final)  – 30 de outubro de 2011
Local: Sítio Zé Cardoso – estrada do Viaduro, atura do 4300 – Suzano (SP)

Classificação da Copa Pakato de Enduro após seis etapas (pontuação já com descarte)
Elite – 1. Felipe Zanol – 137
2. Nielsen Bueno – 126
3. Júlio César Zavatti – 118
4. Carlo Monaco – 90
5. Thiago Carnio – 88

E1 – 1. Humberto Cadori Filho – 140
2. Dimas Rosa – 111
3. Marcelo Molognoni – 75
4. Peterson Rebechi – 67
5. Fernando Teixeira de Carvalho – 64

E2 – 1. Romulo Bottrel – 130
2. Vinícius Calafati – 128
3. Felipe Lagarrea – 120
4. Samuel Furlan – 96
5. Clericson Alan – 76

E3 – 1. José Roberto Polaz – 127
2. Deividy de Zorzi – 105
3. Orivaldo Palatin Júnior – 77
4. Giovanni Galzerano – 75
5. Fábio Rufato – 69

E4 – 1. Eduardo Tadashi Shiga – 116
2. Gustavo Marabello Varsone – 115
3. Thiago Christofoletti – 110
4. Bruno Martins – 102
5. Eurico Borgonovi – 94

E5 – 1. Antonio Diogo Biasetto – 127
2. Luciano de Menezes – 116
3. Leonardo da Graça Ribeiro – 84
4. Bruno Marafao – 80
5. Veraldo Lima Júnior – 80

E6 – 1. David Rampazzo – 124
2. Jean Pierre Butazzi Júnior – 102
3. Clodoaldo Shoji Uemura – 99
4. Alvaro Guerra – 64
5. Júlio César Pereira – 59

E7 – 1. Adalberto Gerez – 134
2. Washington Silva – 114
3. Carlos Alberto de Sessa – 107
4. Jefferson Colantonio – 84
5. Jesus Rodrigues Fernandes – 69

E8 – 1. Lucas Yoshio Ohara – 137
2. Valdir de Toledo – 131
3. Leandro José Cassaro – 84
4. Marcel Vieira de Araújo – 78
5. Claber Alvarez – 78

E9 – 1. Fábio Henrique Cardoso – 137
2. Oswaldo Almeida Viana Filho – 128
3. Francisco Pereria Júnior – 109
4. Claudio Gotardo – 80

Equipes – 1. Gas Gas Racing Team, 135
2. Jet Fio / Ims / Estopa Joanita, 134
3. Os Aloprados/Pro Mundial, 131
4. Terremotos, 92
5. Mult Racing, 88

Clubes – 1. Jet Fio / Ims / Estopa Joanita, 137
2. Super Enduro, 124
3. Os Aloprados/Pro Mundial, 117
4. Adrenatrilha, 87
5. Terremotos, 81