Crucifixo e religião

Fala pro cara da Traxx trail procurar pe‡as na Honda, j  que a Traxx usa essa motoriza‡Æo. E at‚ agora ningu‚m teve coragem de mandar a foto do crucifixo que tem no chicote da 150? Pq vcs do Motonline nÆo promovem “sessäes” pra derrubar essa macumba? Cuidado que t  amarrado!
Victor – Petrolina-PE
e a¡ gente boa.como vejo muita essa p gina na internet, outro dia li sobre o crucifixo de ponta cabe‡a na titan 150 e um amigo tem uma e fomos averiguar, abrimos o farol e tava l  de ponta cabe‡a, colocado no chicote de fios com fita isolante, quem tiver uma titan pode conferir.
OSWALDO – SANTA BARABARA DàESTE SP
Um conterrƒneo! Salve Evandro, blz? Tite, moro bem longe desse Sade a¡ que falou sobre a cruz invertida da titan, do pacto e dos acidentes e tbm j  tinha ouvido falar a respeito. Mas acho que os acidentes sÆo questÆo de propor‡Æo: A Titan vende muito, logo ela sofre muitos acidentes. Mas o pq da cruz ainda naum entendi. E quanto a XT 250, j  t  nakele per¡odo de pr‚-lan‡amento. O kra que mandou a foto da Fazer anonimamente nÆo vai mandar uma da XT? NÆo custa nada, pois ele deve ter acesso a ela.
Rodrigo – Santar‚m, PA
Tirando os coment rio da internet, me digam qual a real necessidade daquela cruz dentro do bloco do farol da titan 150 ?
Paulo – Americana, SP
Ol  Tite tudo bem? entÆo essa hist¢ria de cruz de cabe‡a pr  baixo no chicote do farol da titan ‚ com‚dia heim,e o pior que muita gente vai deixar de comprar a moto por causa disso,achando que ‚ macumba ou coisa parecida. E que teste ‚ esse que um leitor comentou que vocˆ comparou a Fz e a Tw.
Ricardo – Maring  PR
Tite tenho uma duvida nada a ver com o site, por isso nem poste, pode me responder se quizeres no e-mail. Ai vai:eu li em duas respostas o seguinte “Gerson – SÆo Lu¡s, MA. Deveria orar por mim todas as noites” e na outra “Priscila – Limeira/SP. Mas esse crucifixo ‚ com ou sem o magrÆo junto?”. O que vocˆ quis dizer sobre isso? Afinal vocˆ tem uma cren‡a em Jesus ou foi um deboche por nÆo acreditar?
Alexandre – SÆo Paulo
Vou come‡ar pelo fim: eu sou muito mais religioso do que vocˆs imaginam. Mas como um intelectual que passou por cursos de filosofia e teosofia devo fazer alguns esclarecimentos. ReligiÆo ‚ muito mais do que acreditar ou venerar uma imagem. A religiÆo ‚ essencialmente iconogr fica, ou seja, ela precisa de imagens e s¡mbolos que representem aquilo que nÆo se pode explicar de forma material. Esta ‚ a maior diferen‡a entre religiÆo e ciˆncia. O conhecimento cient¡fico se alicer‡a em experiˆncias materiais. Desde o per¡odo antes de Cristo j  podemos observar imagens ligadas a deuses de v rias culturas diferentes, inclusive as milenares incaicas, orientais, ind¡genas, nos quatro cantos do mundo. Cristo foi o £ltimo paradigma universal que dividiu a Hist¢ria em antes e depois de Cristo. A partir da¡, a religiÆo cat¢lica cristÆ se municiou de milhares de imagens para dar vazÆo … dissemina‡Æo da sua filosofia. Por isso uma Igreja Cat¢lica tem tantos adere‡os com imagens de santos, anjos, inferno, cruzes etc. Eu estive no Vaticano e fiquei impressionado com tanta imagem. O que se est  discutindo no caso dessa misteriosa pe‡a da CG 150 ‚ UMA imagem: uma cruz, que ora dizem invertida, ora dizem presa por fita. Eu nÆo vi a pe‡a, mas conhe‡o suficientemente bem mecƒnica e eletr“nica de moto – e j  visitei a linha de montagem da CG mais de uma vez – para afirmar peremptoriamente que isso ‚ um componente que tem como finalidade organizar os fios do chicote el‚trico, se ‚ que tal pe‡a existe. NÆo ‚ poss¡vel que algu‚m instale uma “macumba” numa linha de montagem sem que os inspetores de qualidades percebam. A Honda ‚ empresa de origem japonesa, que tem uma tradi‡Æo religiosa bem menos iconogr fica do que as filosofias religiosas ocidentais. Portanto nÆo faz o menor sentido acreditar que seja uma manifesta‡Æo de car ter religioso, muito menos umband¡stico, macumb¡stico ou satan¡stico. Especialmente para o Alexandre devo afirmar que crer em Deus ou no Cristo que incorporou em um homem chamado Jesus ‚ muito mais do que colar um adesivo escrito “Deus ‚ fiel”, ou “100% Jesus” que, na minha concep‡Æo religiosa ‚ tÆo desrespeitoso quanto chamar um boneco de resina pregado em dois peda‡os de madeira de “MagrÆo”. NÆo confunda cren‡a religiosa com propaganda religiosa. Eu nÆo preciso explodir a mim mesmo para acreditar em Al . NÆo preciso explodir uma bomba na Irlanda para manifestar uma f‚ cat¢lica. Eu posso manter minhas cren‡as religiosas sem desprezar – ou ridicularizar – as outras. Um boneco de resina pendurado numa parede ou um adesivo colado no vidro do carro nÆo significa absolutamente nada para mim, porque na minha concep‡Æo religiosa Deus (ou qualquer outro nome que queira dar) nÆo est  na resina fundida aos milhares e vendida em camel“s, ou em mensagens nas camisetas de jogadores de futebol. Na minha filosofia de vida Deus est  apenas e tÆo somente dentro de mim e nÆo tem forma. Ou melhor, tem a MINHA forma. Afinal eu fui feito … imagem e semelhan‡a Dele. Eu acredito tamb‚m no mal, mas nÆo da forma manique¡sta que os filmes de Hollywood gostam de mostrar. Acredito na existˆncia do mal dentro das pessoas. O mal est  no cara que sai bˆbado dirigindo e atropela um motociclista. O mal est  no sujeito que corrompe o menor para se viciar e vender drogas. Est  na sexualiza‡Æo de programas infantis. Est  no pol¡tico que desvia verba destinada a melhorar a vida de gente miser vel para se locupletar em festas particulares. O mal est  em tÆo pequenos e despercebidos atos que passa at‚ batido. S¢ para encerrar, eu j  escrevi aqui mesmo no Motonline o meu entusiasmo em escrever para vocˆs, mesmo sem receber nada (ou quase) materialmente por isso, numa a‡Æo de car ter quase solid rio. A origem da palavra solid rio vem do latim Soledarem, que significa “dar de si” ou “dar si mesmo”. J  a origem da palavra entusiasmo ‚ mais interessante. Vem de in Theo siasmus, que significa “ter Deus dentro de si”. Por isso eu me sinto muito entusiasmado quando vocˆs reconhecem esse trabalho solid rio. E quer saber mais uma palavra curiosa? Humor vem de h£mus, que significa fertilizante, porque acreditava-se que o humor era a mat‚ria enriquecedora da criatividade humana. E ‚ bom parar por aqui antes que vocˆs proponham a beatifica‡Æo do SÆo Tite.

Teste
parabenizo a voces pela a materia publicada teste c/ a moto cbx200estrada gostaria que fise‡em o mesmo c/ a moto nx400falcon pois tenho uma 2006/2006 e gostaria saber o seu desempenho na cidade e estrada e consumo por litro
Arnaldo – Itaja¡ – SC
T  na lista!