cross country diego collet

Diego Colett fatura mais um título no Cross Country

Diego Colett sagrou-se pentacampeão Gaúcho de Cross Country no último domingo, ao vencer as duas baterias da classe XC1 a bordo de sua KTM 250 EXC-F. Antes do gate abrir, Collet tinha apenas um ponto de vantagem sobre o segundo colocado, o que adicionou uma dose extra de adrenalina à corrida. A prova fora a quinta e última etapa do Campeonato Gaúcho de Cross Country, realizada na pista Ascave, em Caxias do Sul.

Em prova realizada em Caxias do Sul, Diego Collet obteve o pentacampeonato Gaúcho de Cross Country

Em prova realizada em Caxias do Sul, Diego Collet obteve o pentacampeonato Gaúcho de Cross Country

No início da temporada do Gaúcho de Cross Country, Diego sofreu uma fratura no pé, o que comprometeu seu desempenho nas primeiras provas do campeonato. “Eu participei da abertura do campeonato apenas para pontuar, 24 dias após a cirurgia, e fiz um quarto lugar. Estava sem ritmo nas etapas seguintes, mas fui melhorando aos poucos, até chegar ao quinto título consecutivo do Gaúcho. Pela situação e por todas as dificuldades, ser campeão foi como um título mundial”, comparou Diego, com bom humor e alegria de um campeão.

Com sua KTM 250 EXC-F, Collet venceu as duas provas finais do Gaúcho de Cross Country

Com sua KTM 250 EXC-F, Collet venceu as duas provas finais do Gaúcho de Cross Country

Sobre a etapa final, na pista de Caxias do Sul, o piloto Diego Collet comentou que gostou “muito da prova, que teve chão seco e muita poeira. O circuito foi um misto de vários tipos de terreno, como pedras, raízes e trechos acidentados, além de uma parte de motocross. Na primeira bateria, larguei na terceira colocação, mas assumi a ponta na primeira volta. Já na segunda, larguei e segui na frente até o fim, em um ritmo forte e sem erros”, avaliou o pentacampeão.

No Gaúcho de Cross Country, Diego Collet representou a equipe Sacramento Racing. Na etapa final, o time ainda foi ao pódio na final com Maurício Rizzon (2º da XC2) e Anderson Vieira (3º colocado da XC1). Assim, a dupla encerra o Gaúcho de Cross Country 2016 com o vice-campeonato da XC2 e o terceiro lugar da XC1, respectivamente.

Separador_motosFonte: Mundo Press

 



Jornalista gaúcho convicto de que um passeio de moto em um dia de sol é a cura para praticamente todos os males da vida. Fã de motoaventurismo, competições de moto, café, praia e de rock n roll.