Foto: Claudinei Cordiolli

Disputas emocionantes em Interlagos

Foto: Claudinei Cordiolli

Foto: Claudinei Cordiolli

Quem não viu a 1ª etapa do Pirelli Superbike Series deve se preparar para a próxima etapa em 21 de março, porque aqueles que compareceram neste ensolarado domingo em Interlagos (SP) presenciaram provas muito disputadas de um campeonato que promete emoção do começo ao fim.

Na categoria Superbike, cuja largada foi às 11 da manhã com transmissão ao vivo pela ESPN, teve muitas ultrapassagens com disputas emocionantes em várias posições. Bruno Corano largou em 8º e cruzou a linha de chegada em 1º lugar.

A disputa pela 2ª posição Murilo Colatreli e Alecsandre “Doca” Brieda foi ombro a ombro, com Murilo levando a melhor com uma diferença de 0,400 centésimos de segundo. Na 4ª posição chegou Rodrigo de Benedictis, que largara na pole-position, e o 5º foi José Luiz Teixeira “Cachorrão”. No final, “Doca” foi punido por ultrapassar um retardatário sob bandeira amarela e caiu para 7º colocado.

Bruno Corano demonstrou sua felicidade pela vitória e prevê um campeonato muito disputado e deixou claro que sabe da superioridade de seu equipamento frente aos demais concorrentes, dando um recado aos fabricantes que podem investir na categoria. Corano correu com a SRAD 1000 K9 zero km que ainda não é vendida no mercado brasileiro, enquanto Murilo Colatreli correu com a SRAD 1000 K5 ano/modelo 2006.

Foto: Claudinei Cordiolli

Foto: Claudinei Cordiolli

Na categoria 600cc Supersport Pró um acidente na reta dos boxes terminou com a prova na 3ª volta. A direção da prova não permitiu a relargada alegando falta de tempo, pois a previsão do tempo era de chuva em algumas horas. Naturalmente, os pilotos da categoria protestaram, mas terão que aguardar a próxima etapa. O ponto negativo foi para o narrador da corrida que, com certa ironia, pediu para o público aplaudir o piloto pelo feito extraordinário, ridicularizando o piloto acidentado.

Por fim, a Copa Ninja 250R da Kawasaki, cujo grid teve 22 competidores. O piloto Douglas Figueiredo liderou de ponta a ponta, abrindo mais de 18s de diferença para o segundo colocado. O destaque da corrida foi a constante disputa pela 5ª colocação entre os pilotos Murilo Júnior e Eduardo Zampieri, mais conhecido como “Minhoca”. No final, Murilo ficou com a 5ª posição.

A organização conseguiu atrair um bom público para esta prova de abertura e fica evidente que o evento tende a crescer em cada etapa em todos os aspectos. Uma receita que tem tudo para atrair outros fabricantes, manter arquibancadas cheias, mostrar grandes disputas e revelar novos talentos.