Foto: Anderson busca seu terceiro título em 2010 pela 2B Duracell Racing

Em casa, 2B Duracell Racing busca de mais dois títulos nacionais

Foto: Anderson busca seu terceiro título em 2010 pela 2B Duracell Racing

Foto: Anderson busca seu terceiro título em 2010 pela 2B Duracell Racing

A temporada 2011 serviu para consolidar a 2B Duracell Racing entre as maiores do país. E, neste fim de semana (20 e 21 de novembro), a equipe chega para a final da Superliga de Motocross disposta a conquistar mais dois títulos e aumentar ainda mais o seu domínio sobre as rivais neste ano.

Correndo uma etapa da Superliga em casa pela primeira vez no ano, a equipe desembarca em Poços de Caldas com Nivaldo Viana e Anderson Amaral brigando pelos títulos da categoria CRF 230cc e MXJr, respectivamente.

Na CRF 230cc, Nivaldo Viana está muito perto do título. Com quatro vitórias nas seis primeiras etapas, o paulista chega como grande favorito a ser campeão e precisa de apenas um sexto lugar para levar o troféu pra casa.

A tranqüilidade na tabela, porém, não faz com que o piloto perca o foco na competição. “De nada vai adiantar todo o trabalho da temporada se eu vacilar nesta última etapa. Estou muito concentrado, preparado e pronto para conquistar o título”, declarou o piloto.

Para Anderson Amaral, a missão é bem mais difícil. Mas nada parece impossível para o piloto que já foi campeão brasileiro de Motocross e do Arenacross em 2010. Para ficar com o título, ele precisa vencer a prova e torcer para que Endrews Armstrong, seu principal rival chegue, no máximo, na terceira colocação.

“Não adianta nada eu me preocupar com o Endrews. Eu tenho que fazer minha parte, que é ganhar a corrida e, depois, ver o que aconteceu com ele. Vou para Poços disposto a conquistar a vitória e, se com ela vier o título, ficarei mais feliz ainda”, explicou o piloto.

Caso consiga mais estes títulos, a 2B Duracell coroa uma temporada de muito sucesso em 2010. A equipe venceu dois títulos nacionais (Brasileiro e Arenacross na categoria 85cc), foi a que mais enviou representantes para o Motocross das Nações (Balbi e Pipo Castro) e teve os melhores representantes no Mundial de Motocross (Adam Chatfield e Jorge Balbi).

Além disso, é a equipe com mais vitórias em competições nacionais nas categorias principais (MX1 e MX2). Somadas as duas principais competições do país (Brasileiro e Superliga), a 2B Duracell Racing tem dez vitórias, contra sete da Equipe Honda e seis da Equipe Pro Tork.

“Poderíamos ter conseguido ainda mais títulos se não fosse a contusão do Balbi, nosso principal piloto, que ficou afastado das pistas durante uma boa parte da temporada”, explicou Jorge Balbi, o Jorjão, chefe da equipe 2B Duracell Racing.
Fora das pistas, a 2B Duracell também teve uma temporada excelente. Com estrutura totalmente independente e patrocinadores de dentro e de fora do meio motociclístico, a equipe apresentou uma estrutura de padrão internacional e retorno de mídia recorde na modalidade.

“Passei muitos anos no exterior e posso afirmar que a 2B Duracell não deixa a desejar para nenhuma equipe do mundo. Pela 2B, temos independência de organizar nosso calendário e apoio integral de todos da equipe”, explica Jorge Balbi, capitão do time e principal piloto de motocross do país.

Depois desta etapa da Superliga, a equipe tem ainda mais dois compromissos em 2010. Nos dias 27 e 28 de novembro, a 2B Duracell participa da última etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross e, depois disso, compete na Final do Mineiro, que deve ocorrer nos dias 4 e 5 de dezembro.

A 2B Duracell Racing tem o patrocínio de Gilette, Monster Energy, Ariel, Mobil, i9/Coca-Cola, Mormaii, Café Fino Grão e Mart Plus. Os patrocinadores/fornecedores são NFS, NEYFA, Pirelli, Laquila e MRPRO.