Foto: A pista úmida do Velopark foi um desafio a mais para os pilotos

Em corrida sensacional, Colatreli vence e se isola na liderança do TNT SBK

Foto: A pista úmida do Velopark foi um desafio a mais para os pilotos

Foto: A pista úmida do Velopark foi um desafio a mais para os pilotos

O piloto Murilo Colatreli, da Dia-Frag Racing, foi o grande vencedor da sexta e antepenúltima etapa do TNT SuperBike, que aconteceu neste fim de semana (11 e 12 de setembro), no autódromo do Velopark, em Nova Santa Rita, RS. Com a conquista, Colatreli sagrou-se o primeiro piloto a vencer na motovelocidade no mais novo autódromo nacional.

As disputas foram intensas desde a largada e quatro pilotos disputaram a liderança da prova. Rodrigo de Benedictis, da Equipe Motonil, aproveitou a disputa entre José Luiz “Cachorrão” Teixeira (Cachorrão Racing Team) e Alecsandre “Doca” de Grandi, da De Grandi/Bardhal, e pulou para a ponta. Benedictis ficou em primeiro por cinco voltas, mas um problema na embreagem o retirou da briga pela vitória.

O abandono do rival beneficiou Doca, que assumiu a liderança, seguido por Colatreli, Cachorrão, Maycon Zandavalli, da Spiga Racing, e Bruno Silva. A partir daí, os três líderes da competição – Colatreli, Cachorrão e Doca – monopolizaram a briga pela vitória e alternaram-se na liderança da corrida por mais de quinze voltas.

A seis voltas do fim, Cachorrão buscou a liderança sobre Colatreli, mas caiu para a terceira colocação após pressionar demais e errar no fim da reta principal. Depois, foi a vez de Doca travar um duelo pela vitoria com Colatreli nas três voltas finais e por apenas três milésimos de segundo terminou na segunda posição.

Campeonato – Com a terceira vitória no TNT SBK, Colatreli assume a liderança isolada da competição, com 131 pontos, quatro a frente de Cachorrão, segundo colocado, e nove a frente de Doca, terceiro. “Foi uma chegada sensacional e até tive dúvidas se realmente tinha vencido. Foi um final de semana de muita sorte, mas também de muito trabalho e que vai me ajudar muito na disputa do campeonato, que venho administrando e estou bem”, disse após a prova.

Para Doca, que ficou muito próximo da segunda vitória no ano, a disputa com Colatreli o ajudou a manter-se na briga pelo título tanto do TNT SuperBike quanto do SuperBike Series. “Faltou um pouquinho, estava olhando para a linha de chegada e vi que o Murilo tinha passado em primeiro. Uma volta antes, se não fosse por causa dos retardatários, acho que daria certo. A prova foi emocionante, a pista não estava totalmente seca, mas ainda faltam duas provas e vamos ver o que acontece até lá”, destacou o piracicabano.

Já para o piloto da Suzuki Maxima, Bruno Corano, líder do Pirelli SuperBike, o tabu de não ter vencido no TNT SuperBike permanece. Largando na décima segunda colocação o piloto completou a prova na sétima colocação e sabia que o final de semana seria difícil para ele. “Tinha acerto para andar em pista seca, estava rendendo muito melhor nessas condições, mas hoje a pista ainda estava difícil para guiar, com muitos retardatários, enfim, não foi o melhor final de semana para nós”, ressaltou o competidor.

Na categoria SuperBike Pro-Amador, a vitória ficou com o líder do TNT, Diego Pretel, da Pretel Racing. O gaúcho de Ijuí, Rodrigo Schirmann, ficou em segundo, seguido por Ricardo Pelosini, da BPM Racing, em terceiro. Na Pro-Estreante, a vitória ficou com Bruno Silva, equipe The Garage/Colégio Alpha. O catarinense Giovani Mocelin, da Primus Racing, ficou na segunda colocação e Alan Douglas, da X-Riders Racing, terminou a prova em terceiro.

A sétima etapa do TNT SBK acontece em Curitiba, no dia 31 de outubro. Acesse o www.superbike.com.br e tenha acesso à notícias, fotos, vídeos e outras informações do SuperBike Series Brasil. O SuperBike Series tem o Patrocínio de Motoschool, Pirelli, Kawasaki, Alemão Pneus, Alpinestars, L´acqua di Fiori, Brembo, Maxima Racing Oils e Shark. Apoio: Prefeitura da Cidade de São Paulo, São Paulo Turismo, CPTM e ESPN Brasil.

Resultados 6ª etapa TNT SBK
1 #74 Murilo Colatreli – 24 voltas – 25.26:801
2 #90 Alecsandre “Doca” de Grandi +0.003s
3 #51 José Luiz “Cachorrão” Teixeira +2.874s
4 #62 Sarin Carlesso +13.996s
5 #18 Bruno Silva +26.514s
Melhor volta – 90 – Alecsandre “Doca” de Grandi – 59.947 (24ª)

Classificação do SuperBike Series
1 #74 Murilo Colatreli – 211 pontos
2 #90 Alecsandre “Doca” de Grandi – 199
3 #51 José Luiz “Cachorrão” Teixeira – 192
4 #34 Bruno Corano – 171
5 #28 Maycon Zandavalli – 128

Classificação TNT SBK
1 #74 Murilo Colatreli – 131 pontos
2 #90 Alecsandre “Doca” de Grandi – 127
3 #51 José Luiz “Cachorrão” Teixeira – 122
4 # 28 Maycon Zandavalli – 95
5 #34 Bruno Corano – 84