EI_2016_1_05_09

Enduro da Independência 2016: Grecco vence novamente

End_Ind_2016_cabeca

O segundo dia do Enduro da Independência 2016 (5/9) teve 145 km de percurso em um misto de trilhas de cascalho, pedras e travessia de rios. O destaque ficou por conta de um trecho de 30 km de trilhas ininterruptas e ainda virgens, que testaram a técnica e a resistência dos pilotos, com destaque para as trilhas dentro da cidade, com enormes pedras que complicaram a vida dos competidores.

Mas as pedras não foram suficientes para parar a tocada do piloto capixaba Jomar Grecco, que repetiu o bom desempenho do primeiro dia e se mantém na liderança da categoria Máster. Na sequência vêm Lucas Nunes em segundo e Allan Almeida Amaral em terceiro.

Trilhas com grandes pedras complicaram a vida dos competidores - foto: Leo Tavares

Trilhas com grandes pedras complicaram a vida dos competidores – foto: Leo Tavares

Resumo do segundo dia – 5/9

Para poupar os pilotos do deslocamento por estradão, a largada aconteceu em uma cidade vizinha de Monjolos, passando por uma seleção de trilhas no relevo da Serra do Espinhaço, que também faz parte do prolongamento da Estrada Real de Ouro Preto a Diamantina.

Foram 145 quilômetros de percurso em um misto de cascalho e muitas pedras, com altitudes mais elevadas. O destaque ficou por conta de um trecho de 30 quilômetros de trilhas ininterruptas e ainda virgens, que testaram a técnica e resistência dos pilotos. Para que o público pudesse acompanhar de perto o desempenho dos competidores, foram incluidas trilhas dentro das cidades que fazem parte do roteiro. A etapa começou e terminou em Monjolos.

Roteiro do segundo dia

EI_2016_Mapa_ Dia02

Para ver os resultados completos do segundo dia,  clique aqui

Como será o terceiro dia do Enduro da Independência – 6/9

Com metade da prova concluída, os pilotos seguem para a cidade de Presidente Juscelino, também conhecida como Paraúna. Serão 110 quilômetros de muitas trilhas com elevado grau de dificuldade. Vai ser um dia decisivo, ainda mais com o clima quente e seco da região, e também haverá alguns balaios no roteiro de pedras e cascalho.

Roteiro do segundo dia

EI_2016_Mapa_ Dia 03

Separador_motos

Fonte: Corrosivo Filmes



Mário Sérgio Figueredo

Motociclista apaixonado por motos há 42 anos, começou a escrever sobre motos como hobby em um blog para tentar transmitir à nova geração a experiência acumulada durante esses tantos anos. Sua primeira moto foi a primeira fabricada no Brasil, a Yamaha RD 50.