Equipe ALE: mudança de hábito

Equipe ALE: mudança de hábito

Equipe ALE: mudança de hábito

Fantozzi continua na prova, mas apenas para completar e disputar segundo lugar no mundial. Márcio Oliveira completa terceiro dia e ainda sonha com resultado positivo entre os quadris. Sábado será o dia mais longo

Minaçu/GO – Depois de uma disputa sensacional, no primeiro e segundo dias de prova, no Rally Internacional dos Sertões 2009, o piloto de moto da equipe ALE, Tiago Fantozzi, não tem mais condições de disputar o título por causa do acidente de quinta-feira (25/06) e agora luta para chegar rodando em Natal e quem sabe garantir o segundo lugar na classificação do Mundial de Rally. “Vamos mudar os planos, infelizmente. Tentei andar nesta sexta-feira (26/06), mas as dores no tornozelo incomodaram muito. Parei várias vezes, pensando em desistir, mas consegui chegar até o fim da especial”, disse Fantozzi.

Já o piloto de quadriciclo da ALE, Márcio Oliveira, conseguiu terminar a sua primeira especial do Sertões 2009 e segue em frente rumo aos primeiros lugares. “A etapa estava bem pesada e difícil. Parei na prova quando vi o Tiago (Fantozzi) e o Carlinhos (Ambrósio) parados. Depois segui com Tiago até o abastecimento”, explicou Oliveira. Até o momento, o piloto potiguar está em quarto no geral e em terceiro na categoria Extreme no Mundial de Rally.

Tiago aproveitou para agradecer ao apoio e incentivo dos internautas que acompanham o blog da equipe e segue o time ALE pelo twitter. “Estou muito feliz com esse apoio de todos e gostaria de agradecer e retribuir, chegando em Natal em cima da moto. Espero que consiga e vou lutar até a última força que tiver”, comentou um emocionado Fantozzi. Com o resultado desta sexta-feira (26/06), Fantozzi está no 13º lugar no geral; e segundo lugar no mundial da Federação Internacional de Motociclismo. Já Márcio Oliveira ocupa a terceira posição na etapa do Mundial e a sexta no geral.

O terceiro dia de prova será o último no estado de Goiás. Os competidores partem para 645 quilômetros, com 317 de especial de velocidade cronometrados até Minaçu – cidade dormitório do rally em 2007 também. Será um dia ainda mais difícil do que o segundo, com estradas precárias e sinuosas, além de pontes estreitas. A prova passará em áreas montanhosas, com várias áreas de radares, nas quais a velocidade máxima permitida é de 30Km/h. De acordo com a Dunas Race, organizadora do Sertões 2009, a estimativa é de que o rally movimente cerca de R$1 milhão de reais na cidade de Minaçu.

Para chegar até Palmas/TO, neste sábado (27/06) e continuar na luta por boas colocações no Rally Internacional dos Sertões de 2009 vai ser preciso enfrentar 764 Km com muitas dificuldades, condições adversas e principalmente estar bem fisicamente e contar com um bom equipamento para suportar o calor e os obstáculos. No fim da noite de sexta (26/06), Alessandra Caetano e o filho Lucas visitaram o motorhome de Tiago Fantozzi para conhecer o ídolo e pedir para que ele autografasse o capacete do seu marido. “Somos todos fãs do Fantozzi e torcemos muito por ele. Pena que ele sofreu esse acidente, porque ele iria ganhar com certeza”, disse Alessandra.

Mais informações da equipe no site: www.equipeale.com.br, no Ourkut, Flickr ou seguindo os pilotos pelo twitter: www.twitter.com/equipeale.