Equipe brasileira está completa após duas semanas de Dakar

A equipe brasileira que disputa o Rally Paris-Dakar, formada por Andr‚ Azevedo, Jean Azevedo, Lourival Roldan e Klever Kolberg, conseguiu superar duas semanas de competi‡Æo, chegando inteira ao dia de descanso da prova, em Siwa, no Egito e em ¢timas coloca‡äes.

At‚ aqui j  foram percorridos 5.783 quil“metros, dos 8.552 no total entre Marselha na Fran‡a e Sharm El Sheikh, no Egito. Al‚m de estar completa, o time vem conseguindo se superar. Numa an lise antes da prova, quando os pilotos da equipe Petrobras Lubrax identificaram os concorrentes, avaliando as possibilidades em cada categoria, chegaram …s seguintes conclusäes: nas motos largaram 12 oficiais de f brica, quatro KTM bicil¡ndricas 950cm3 e oito 700cm3, consideradas as favoritas para ocuparem as 12 primeiras coloca‡äes.

Jean Azevedo est  pilotando uma KTM 660, idˆntica a de outros 50 concorrentes e apesar da menor potˆncia e menor infra-estrutura de apoio, ocupa a 5a coloca‡Æo na classifica‡Æo geral e ‚ l¡der das categorias Marathon e Production (para motos iguais a dele). O resultado ‚ muito superior que qualquer previsÆo otimista.

Nos carros, acontece a mesma coisa. Largaram 18 ve¡culos oficiais de f brica, mais 15 “semi-oficiais”, todos muito mais preparados que o Mitsubishi Pajero Full de Klever Kolberg e Lourival Roldan. Mesmo assim, o carro da equipe Petrobras Lubrax conseguiu “furar a artilharia” e ocupar a 3a coloca‡Æo na categoria Super Production Diesel e 14o na geral. Andr‚ Azevedo nÆo deixou por menos; sÆo cinco os caminhäes de f brica no Paris-Dakar. O Tatra do brasileiro seria o 6o com mais chances, mas at‚ aqui o 3o lugar do p¢dio est  sendo ocupado pelas cores do Brasil.

O Paris-Dakar nÆo tem dado tr‚gua para os competidores. Das 162 motos que largaram em Marselha, 53 j  deixaram a prova. Nos carros, 56 dos 130, quase a metade, ficaram pelo caminho. E os caminhäes tiveram a menor baixa: apenas 17 dos 51 pararam, ou por quebra nos ve¡culos, acidentes ou desistˆncia.

Ap¢s 11 etapas o l¡der nas motos ‚ o francˆs Richard Sainct, seguido por outro francˆs, Cyril Despres e pelo italiano Fabrizio Meoni. Nos carros, Stephane Peterhansel, com o novo Mitsubishi Pajero Evolution, est  na ponta e o japonˆs Hiroshi Masuoka aparece em 2o tamb‚m de Pajero. Gregoire De Mevius da B‚lgica, l¡der da categoria Super Production Diesel a mesma de Kolberg e Roldan, segue em 3o na lista com BMW. Nos caminhäes o holandˆs Gerardus De Rooy de DAF, ‚ o lider. O russo Vladimir Tchaguine da equipe de f brica Kamaz ‚ o 2o.