superbike-brasil-1

Eric Granado vence a abertura do SuperBike Brasil 2018

O SuperBike Brasil iniciou 2018 do mesmo modo que encerrou sua temporada passada, com Eric Granado (51, Honda Racing) no ponto mais alto do pódio. Atrás dele, cruzaram a linha de chegada o experiente Alex Barros (4, Alex Barros Racing, BMW) e o estreante uruguaio Max Gerardo (41, Kawasaki Racing Team), que correu a etapa final do ano passado como convidado especial, fechando o top 3. A prova de abertura do maior campeonato de motovelocidade do continente aconteceu neste domingo, 29, no Autódromo Internacional de Interlagos.

Eric Granado conquista mais uma vitória para a Honda Racing, desta vez com a nova CBR 1000RR, defendendo o cinturão na competição

Eric Granado conquista mais uma vitória para a Honda Racing, desta vez com a nova CBR 1000RR, defendendo o cinturão na competição

Granado largou da pole mas caiu para o quarto lugar após a largada. Ainda na primeira volta, ultrapassou o Barros para assumir a terceira colocação e, na sequência, já na segunda volta, fez uma grande ultrapassagem sobre o argentino Diego Pierluigi e assumiu o segundo lugar. Em seguida, ultrapassou também o uruguaio Maximiliano Gerardo e assumiu a liderança, na sétima volta. A partir de então abriu distância dos demais pilotos e administrou a vantagem com calma e cautela, mostrando domínio da nova CBR 1000RR. Cruzou a linha de chegada com 6s460 de vantagem para Barros e 10s061 à frente de Gerardo.

Os mesmos nomes do último pódio de 2017: Barros, Granado e Gerardo. No top3, Honda CBR 1000RR, BMW S 1000RR e Kawasaki ZX-10R - Foto: Ricardo Santos

Os mesmos nomes do último pódio de 2017: Barros, Granado e Gerardo. No top3, Honda CBR 1000RR, BMW S 1000RR e Kawasaki ZX-10R – Foto: Ricardo Santos

“Após dois dias de trabalho percebemos que a moto tem um potencial muito grande e é muito competitiva. Confesso que não foi uma prova fácil, com as condições de pista muito difíceis com alta temperatura do asfalto. Estudei bastante os meus adversários e pude ultrapassá-los na hora certa, abri uma boa vantagem e consegui a vitória. Estou muito feliz, gostaria de agradecer a equipe Honda e os meus patrocinadores. Isso só me motiva a seguir em frente e me preparar para o Mundial na semana que vem e voltar para Curitiba (segunda etapa do SBK) ainda mais forte”, destacou Eric, cujo equipe conta com os patrocínios da Mobil, Alpinestars e Did.

Granado acelera no SuperBike Brasil e no Mundial ao mesmo tempo

Eric Granado no Mundial de Moto2. Além de se adaptar à nova moto, precisa lidar com o altíssimo grau de competitividade

Eric Granado no Mundial de Moto2. Além de se adaptar à nova moto, precisa lidar com o altíssimo grau de competitividade

Este ano, Granado está correndo simultaneamente no SuperBike e no Mundial de Moto2, categoria de acesso à MotoGP, com apoio da Honda Brasil. Na Moto2, representa a equipe Forward Racing (junto do italiano Stefano Manzi), competindo com um protótipo com motor Honda de 600 cilindradas (como o que ele usou no título do Europeu da categoria) e chassi Suter (bem diferente dos Kalex e KTM que dominam as primeiras 11 colocações do campeonato). Ainda em período de adaptação a nova moto, calendário e equipe, bem como diante do altíssimo nível de competição do Mundial, o brasileiro ainda não obteve bons resultados em pista. Nas três etapas já realizadas, concluir a prova em 30º no Catar, 24º na Argentina e 28º nos Estados Unidos, assim, ainda não somou pontos. A próxima etapa acontece neste final de semana, em Jerez, na Espanha.

A 2ª etapa do SuperBike Brasil será realizada nos dias 25, 26 e 27 de maio, em Curitiba.

SuperBike Brasil – resultados da primeira etapa – Interlagos, 29/04

SuperBike PRO

Pedro Sampaio obteve o quarto lugar em sua estreia pela Honda Racing. Piloto foi destaque nas 600cc no ano passado - Foto: Ricardo Santos

Pedro Sampaio obteve o quarto lugar em sua estreia pela Honda Racing. Piloto foi destaque nas 600cc no ano passado – Foto: Ricardo Santos

1- #51 Eric Granado
2- #4 Alex Barros
3- #41 Maximiliano Gerardo
4- #28 Pedro Sampaio
5- #17 Danilo Lewis

Honda Junior Cup
1 – Pedro Balla
2 – João Arratia
3 – Caique Lanna
4 – Eduardo Burr
5 – Lucas Ponce

Copa Honda CBR 500R
1- Enzo Valentim
2 – Arthur Costa de Araújo
3 – João Carneiro
4 –  Marcelo Moreno “MM”
5 – Luiz Felipe

Extreme
1 – Rodrigo Dazzi
2 – Jeferson Friche
3 – Davi Costa

Evo1000
1 – Felipe Comerlatto
2 – Pablo Flores Nunes
3 – Fabricio de Freitas

Evolution
1 – Bruno Corano
2 – Mauricio “Linguiça”
3 – James Michael

SuperBike Light
1 – Marcio Ferreira Bortolini
2 – André Veríssimo
3 – Carlos Sakurai “Kaka”
4 – Raphael “Fletado”
5 – Henrique Poli Junior

Master
1 – Guilherme Neto
2 – Rogerio Gentil
3 – Cristiano Nogueira
4 – Nelson Gonçalves “Mágico”
5 – Célio Campagnolo “WR”

SuperSport
1 – Ton Kawakami
2 – Leo Tamburro
3 – Fausto “Granton Gallay”

Pro Amador
1 – Breno Barbosa
2 – Felipe Bazolli
3 – Júlio Cesar Neto Parra

Pro Extreme
1 – Luis Ferraz
2 – Juninho Garcia
3 – Henrique Daniel

Yamalube R3 Cup
1 – Enzo Valentim
2 – Lincoln Melo
3 – Matheus Barbosa
4 – Bruno Cesar Borges
5 – Kevin Fontainha

SuperBike Escola
1 – Arthur Gontijo
2 – Cleber Miranda
3 – Rafael Ferreira
4 – Marcos Antonio Pereira Junior
5 – Murilo Tom

SuperSport Escola
1 – Antonio David “Toninho”
2 – Claudio
3 – Marco Ferreira
4 – Walyson Trautenmuller
5 – Franco Lopes “Mineiro”

 

separador_motovelocidade



Jornalista gaúcho convicto de que um passeio de moto em um dia de sol é a cura para praticamente todos os males da vida. Fã de motoaventurismo, competições de moto, café, praia e de rock n roll.