Estrangeiros abrem vantagem na liderança do Rally dos Sertões 2008

Cyril Despres (motos) e Giniel de Villiers / Dirk von Zitzewitz (carros) levam a melhor na quarta etapa do maior rali das Américas, disputada entre Niquelândia (GO) e Paranã (TO) neste sábado; Competidores enfrentam Etapa Maratona e não contam com ajuda

Paranã (TO) – Os estrangeiros abriram vantagem na liderança da 16ª edição do Rally Internacional dos Sertões após a quarta etapa, disputada neste sábado entre Niquelândia (GO) e Paranã (TO). Foram 484 quilômetros, sendo 432 de especial. O francês Cyril Despres (KTM) venceu entre as motos e está 5min39seg mais rápido que o brasileiro José Hélio (Honda), o segundo colocado na classificação geral. Entre os carros, a briga continua entre as duplas da equipe Volkswagen. Giniel de Villiers (África do Sul) e Dirk von Zitzewitz (Alemanha) faturaram a quarta vitória seguida com apenas 28 segundos de vantagem sobre Mark Miller (Estados Unidos) e Ralph Pitchford (Á frica do Sul). Riamburgo Ximenes e Stanger Eler foram os melhores brasileiros com a terceira colocação.

Entre os quadris, o destaque do dia foi Robert Nahas (Honda), que manteve a liderança. Já nos caminhões, Amable Barrasa, José Papacena Neto e Raphael Bettoni (Ford) quebraram a seqüência de vitórias de Edu Piano, Sólon Mendes e Davi Fonseca (Ford), que estão na frente na classificação geral pela defesa do título da categoria. Todos os resultados da quarta etapa são extra-oficiais.

“Foi um verdadeiro dia de rali”, comentou Cyril Despres. “Saímos às 7h e chegamos às 13h, foi um percurso longo e difícil. Estou feliz com o desempenho de hoje”, completou. José Hélio largou em primeiro, mas teve problemas na travessia de um rio. “Quando faltavam 80 quilômetros para o final, entrou água pelo filtro da moto e demorei alguns minutos para fazer pegar” , contou, lembrando que ainda há muito pela frente. “O Sertões não está nem na metade.”

Giniel de Villiers comentou a etapa. “Foi um dia longo e nada fácil. Passamos por muita pedra e cenários lindos.” Robert Nahas conseguiu fechar a etapa sem erros. “Fiz uma prova redonda e comi muita poeira, pois larguei lá atrás. O trial foi de matar, tanto que estou com bolha na ponta do dedão da mão. Foi uma especial de superação, e a organização está de parabéns pelo levantamento do trecho”, elogiou o brasileiro.

Primeira Etapa Maratona – Todos os competidores do Rally dos Sertões estão enfrentando a primeira Etapa Maratona, que promete ser um divisor de águas na prova. Assim que chegaram em Paranã, os veículos foram direcionados ao parque fechado. Até a largada de amanhã, as equipes de apoio não podem fazer qualquer concerto nas máquinas, o que obrigou pilotos a pouparem seus equipamentos na especial deste sábado. Há uma outra Etapa Maratona prevista para o Sertões 2008, a qual está marcada para a próxima terça-feira, entre Balsas (MA) e Floriano (PI).

Rumo a Palmas – A quinta etapa do Rally dos Sertões larga de Paranã neste domingo com destino a Palmas, capital do Tocantins. Estão previstos 454 quilômetros, sendo 8 de deslocamento inicial, 144 de trecho cronometrado e mais 302 de deslocamento final.

Pela primeira vez, haverá ponto neutro no meio da especial (sem zona de radar). Trata-se de uma especial travada, com piso de cascalho e pouca areia – em alguns momentos, haverá terra amarelada batida. O trecho será típico de off-road, com pedras, valetas e muita navegação.

O Rally Internacional dos Sertões “estréia” nesta tempo rada como etapa do Campeonato Mundial para carros e caminhões – algo que já ocorre entre motos e quadriciclos desde 2005. Evento bateu recorde de estrangeiros com 36 competidores vindos de 13 países. A chegada da prova está marcada para o dia 27 de junho, em Natal (RN), após 4.734 quilômetros de disputas.

Confira abaixo a programação do Rally dos Sertões:
21/06 – 4ª etapa – Niquelândia (GO) – Paranã (TO) – Etapa Maratona
22/06 – 5ª etapa – Paranã (TO) – Palmas (TO)
23/06 – 6ª etapa – Palmas (TO) – Balsas (MA)
24/06 – 7ª etapa – Balsas (MA) – Floriano (PI) – Etapa Maratona
25/06 – 8ª etapa – Floriano (PI) – Crateús (CE)
26/06 – 9ª etapa – Crateús (CE) – Mossoró (RN)
27/06 – 10ª etapa – Mossoró (RN) – Natal (RN)
28/06 – Festa de premiação