Exportações ultrapassam 14 mil unidades mês

O setor de motociclos registrou no per¡odo de janeiro a abril de 2004, um crescimento da ordem de 9,1%, com 81 639 unidades comercializadas, contra 74 803 motociclos na mesma temporada de 2003.

Em abril, comparado ao mˆs anterior, o mercado interno apresentou uma pequena retra‡Æo nas vendas, ou seja, 0,6% a menos que em mar‡o deste ano.  o que revelam os dados da Associa‡Æo Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares.

As exporta‡äes confirmam um quadro bastante otimista. Em abril, foram contabilizadas 14.906 unidades, um crescimento de 86,5% perante o mˆs anterior. Quando analisados os n£meros no acumulado do ano, o aumento foi da ordem de 217,6% nas vendas para o mercado externo.

O mˆs de abril tamb‚m marcou a posse do novo presidente da ABRACICLO, Paulo Shuiti Takeuchi, 47 anos, engenheiro mecƒnico de produ‡Æo por forma‡Æo, que desde 1.978 atua no setor das duas rodas. Atualmente exercendo a fun‡Æo de diretor de Rela‡äes Institucionais da Moto Honda da Amaz“nia, Takeuchi assume o cargo em substitui‡Æo ao entÆo presidente Yuji Horie.

Takeuchi destaca a manuten‡Æo da expectativa de crescimento de acordo com as previsäes da associa‡Æo. “SerÆo 1.050.000 unidades comercializadas no mercado interno e externo este ano”, declara Takeuchi. E explica: “a diferen‡a no acumulado de 2.003 e 2.004 passou de -5,5% em mar‡o para -1,8% em abril o que demonstra uma retomada no crescimento nos n£meros do mercado interno.”

“As exporta‡äes apresentaram o melhor desempenho de todos os tempos e as 14.906 unidades negociadas em abril representam 18,2% do total comercializado no mercado interno, o que ‚ fruto da amplia‡Æo dos neg¢cios na Am‚rica Latina e de esfor‡os para a abertura de novos mercados, principalmente na Europa. Tamb‚m o aumento nas exporta‡äes mais que compensaram a pequena retra‡Æo do mercado interno”, concluiu Takeuchi.