Extra Caloi tem problemas na etapa Volta do Rio

Cabo Frio (RJ) – A estr‚ia da Extra Caloi na Volta do Rio 2004 nÆo foi como o t‚cnico Mauro Ribeiro queria.

Nesta quarta-feira, a equipe de Suzano nÆo se deu bem no sprint e ficou longe do p¢dio da primeira etapa da mais importante prova do ciclismo brasileiro, que conta pontos para o ranking da UniÆo Cicl¡stica Internacional (UCI). No percurso de 132,8 km entre Niter¢i e Cabo Frio, o ciclista mais bem colocado da Extra Caloi foi Andr‚ Grizante, na 19a coloca‡Æo. A vit¢ria da primeira etapa ficou com o argentino Jorge Giacinti (Jos‚ Palma), com 3h37min52seg. Segundo colocado na etapa, Elivelton Pedro (Sap/SÆo Lucas/Americana) assumiu a lideran‡a da Volta do Rio porque terminou na frente do argentino no pr¢logo de ter‡a-feira.

“Foi uma prova at¡pica e a equipe sabe que precisa se ajustar”, afirmou Mauro Ribeiro. Segundo ele, o forte vento cruzado atrapalhou os ciclistas na RegiÆo dos Lagos. “Criou-se o efeito el stico, ou seja, o atleta fazia um esfor‡o tremendo e o vento o anulava. Podemos olhar nossa atua‡Æo nesta primeira etapa sob dois pontos de vista. Por um lado, o resultado nÆo foi ruim, j  que a diferen‡a pode ser revertida. Por outro, os ciclistas j  perceberam que tudo pode mudar de uma prova para outra”, completou, referindo-se ao dom¡nio da equipe de Suzano na Volta de Porto Alegre, vencida de forma invicta pelo l¡der do ranking Andr‚ Grizante.

Al‚m do vento, o azar tamb‚m foi outro advers rio da Extra Caloi. Rodrigo de Mello Brito, o MorcegÆo, estava no pelotÆo principal quando, a menos de 2 km da linha de chegada, dois aros da roda dianteira arrebentaram. “Foi muito azar. E o pior ‚ que j  me dei mal no Torneio de VerÆo, quando estava na frente e ca¡. Espero que essa fase negra passe logo”, disse.

Para Grizante, faltou explosÆo na parte final da prova. “Faltando aproximadamente 5 km percebi que nÆo estava no meu dia. Faltou aquele g s extra, aquela for‡a tirada do nada. Eu at‚ iniciei um arranque, mas acabei ultrapassado e nÆo consegui me recuperar”, contou.

O pensamento da equipe j  est  na segunda etapa, que ser  disputada nesta quinta-feira, numa prova contra-rel¢gio de 30 km com largada e chegada em Cabo Frio. “ o come‡o da decisÆo.  nessa prova que um especialista pode abrir at‚ dois minutos de diferen‡a sobre um nÆo-especialista. E uma vantagem desse porte dificilmente ser  tirada na sexta-feira, quando acontece a etapa de montanha”, disse Mauro Ribeiro.

Os cinco primeiros colocados da 1a etapa da Volta do Rio:

1o) Jorge Giacinti (Jos‚ Palma/Argentina): 3h37min52seg
2o) Elivelton Pedro (SAP/SÆo Lucas/Americana): mesmo tempo
3o) Jean Coloca (Scott/Marcondes C‚sar/SÆo Jos‚ dos Campos): 3h37min57seg
4o) Gil Cordoves (Toshiba/Aerospace Enginiering/EUA): mesmo tempo
5o) Cl udio Flores (Jos‚ Palma/Argentina): mesmo tempo