Felipe Zanol é o atual campeão do Rally dos Sertões

Felipe Zanol é o campeão do Rally das Serras

Com 100% de rendimento, Felipe Zanol comemorou neste sábado o título da quarta edição do Rally das Serras, em São Joaquim (SC), de acordo com os resultados extra-oficiais. O piloto mineiro faturou os dois dias de prova, que totalizou 340 quilômetros de percurso, sendo 270 de especiais. “É sempre muito animador vencer uma prova como esta e também foi bom para a Honda, que está ganhando tudo na modalidade”, comentou o atual campeão do Rally dos Sertões. Ramon Sacilotti também ajudou a ditar o ritmo da corrida e conquistou o quarto lugar da Super Production, além do vice-campeonato nacional. Já a campeã antecipada Moara Sacilotti mostrou bom rendimento na Over 45.

Felipe Zanol é um dos principais pilotos off-road da atualidade

Felipe Zanol é um dos principais pilotos off-road da atualidade

O Rally das Serras passou ainda pelas cidades de Urubici, Urupema e Lages, servindo como treino de luxo para o Rally Dakar 2013, no início de janeiro. “Foi ótimo para a minha preparação. Os pilotos de fábrica chegam a esta altura da temporada com 50 mil quilômetros rodados em ralis. Eu corri o Rally da Amazônia, o Sertões, o Rally do Marrocos e agora aqui em Santa Catarina, portanto toda experiência é muito válida. Estou cada vez mais focado nas competições de rali”, explicou Zanol, que é forte nome ainda nas disputas de enduro e cross country, nas quais possui 13 títulos nacionais.

Zanol é o atual campeão do Rally dos Sertões

Zanol é o atual campeão do Rally dos Sertões

Zanol competiu com a mesma motocicleta campeã do Sertões, a Honda CRF 450X, sendo que o piloto participa do projeto da fábrica japonesa que está em fase final de desenvolvimento da nova CRF 450 Rally. “Irei aproveitar a passagem por aqui para realizar treinos nas areias catarinenses. A temporada inclui ainda a decisão do Brasileiro de Enduro (24 e 25 de novembro em Patrocínio-MG) e testes com a moto nova nos Estados Unidos (no início de dezembro)”, lembrou Zanol.

Ramon Sacilotti destacou o nível da disputa. “Gostei bastante, as especiais foram rápidas e com muitas pedras, como já era o esperado”, afirmou o vice-campeão brasileiro de rally cross country. Ele possui três títulos nacionais da modalidade (2011, 2010 e 2008). “Sempre corro para vencer, mas o segundo lugar foi um resultado muito bom, já que o campeonato foi extremamente disputado desde a primeira etapa”, lembrou.

A irmã dele, Moara Sacilotti, também foi destaque em Santa Catarina. Única mulher na competição, superou todas as adversidades do caminho, formado por 340 quilômetros no total (270 de especiais). “Ontem levei um tombo e perdi posições, mas hoje fiz uma prova bem mais rápida e consistente. O terreno com pedras exige muito e me senti bem fisicamente, mesmo sendo final de temporada”, concluiu a competidora.