Finais da Copa Serras Brasil de MX e do 1º Praia Grande Open de MX

Marcam final de um ciclo de competições em Praia Grande, nesta temporada.

A cidade de Praia Grande, no litoral paulista, recebeu neste ano o motocross de braços abertos, foram realizados sete provas e dentre elas uma competição regional de quatro etapas, totalizando onze eventos, tornando a cidade no maior pólo de motocross do Estado de São Paulo em 2008, neste final de semana dias 01 e 02 de novembro, aconteceram duas finais a da Copa Serras Brasil de Motocross e do 1º Praia Grande Open de Motocross, as provas iniciaram-se no sábado com duas baterias validas pelo Praia Grande Open, as categorias Nacional Open e Importada Open, as duas livres a pilotos de qualquer região, mas quem se deu bem foi o pessoal do litoral mesmo, vitória na Nacional para Nivaldo Viana e na Importada para Chiquinho Velasco, mas os títulos ficaram para Warrison Costa o “Fião” na Nacional e Eduardo Tanimoto o “Canguru” na importada.

No Domingo com todo o apoio dos Céus, um dia lindo se iniciou para as competições finais em Praia Grande, na Copa Serras Brasil os vencedores foram, Caio Lopes na 85cc, Nivaldo Viana nas categorias Nacionais com um verdadeiro show vencendo, Nacional, 230F e MXN, Giovani Penecchi na MX Amador, Ranulfo Barriga na dois tempos, Willian “Pirapora” Freitas na 250 4 tempos, Canguru voltando a vencer na MX3 e Chiquinho Velasco dominando as categorias MX2 e MX Open.

Com estes resultados os Campeões do ano na Copa Serras Brasil de MX foram: 85cc Caio Lopes, Nacional Valdemyr Silva, 230 F e MXN Luis Rosa o “Mekita”, Motos 2 tempos Bruno Lima, 250 4 tempos e MX Amador Luiz Mazzochi, MX3 Paulinho Cruz, MX2 e MX Open Marcelinho Souza.
Nas Categorias do Praia Grande Open regionais vitória para José Carlos “Paraguaio” na Nacional e para Anderson Melo na importada. Os campões do Praia Grande Open foram Warrison Costa mais uma vez na Nacional Regional e Mario Brown na Importada Regional.
Final de evento e temos a certeza que a cidade de Praia Grande fez o seu melhor pela modalidade, esperamos que mais cidades sigam este exemplo e invistam no esporte como meio de cidadania aos seus habitantes e visitantes.