Final de semana de decisão em São Miguel do Oeste

Emoção é o que não vai faltar na oitava e decisiva etapa do Riffel Motocross – Campeonato Catarinense, neste domingo, 15, em São Miguel do Oeste.

A cidade, que faz sua estréia no campeonato estadual, decidirá os campeões das cinco categorias que ainda estão indefinidas, entre elas, a MX1, que tem Marcello “Ratinho” Lima e Gabriel Gentil empatados na liderança.

Uma corrida com belas disputas do início ao fim. Assim deverá ser a bateria da principal categoria do campeonato, a MX1, que terá o paulista Marcello Ratinho e o catarinense Gabriel Gentil na briga pelo título da temporada 2009. Os dois pilotos somam 150 pontos na classificação, e quem chegar primeiro será o campeão.

Ratinho venceu três das seis etapas que participou e levou os 25 pontos em mais três por chegar em segundo lugar, atrás apenas de João Marronzinho Júnior, que este ano disputou apenas algumas etapas do catarinense e não pontuou porque está filiado pelo Paraná para disputar o estadual de lá. Ratinho não pontuou na etapa de Chapecó porque estava se recuperando de uma lesão.

Já Gabriel, terminou as três primeiras etapas em quarto, mas na classificação ganhou os 22 pontos do segundo lugar, já que terminou atrás de João Marronzinho e Pipo Castro, que este ano também não pontuou no Catarinense. Nas outras etapas, Gabriel também somou os 22 pontos porque terminou as provas na segunda colocação.

Para os dois pilotos, o título catarinense na MX1 é inédito, o que deve deixar a disputa ainda mais acirrada. “O campeonato catarinense é um título inédito para mim. Já participei de algumas etapas nas temporadas anteriores, mas este ano é a primeira vez que disputo pra valer e tenho chances de ganhar o título. É uma honra estar competindo em Santa Catarina e vou fazer de tudo para ser campeão”, disse Ratinho.

Além de disputar o título da MX1, Gabriel Gentil também está praticamente com as duas mãos no título da MX2. 24 pontos o separam do segundo colocado, Leandro Smakovicz, que precisa vencer a prova em São Miguel do Oeste e ainda torcer para Gabriel não pontuar na etapa para ficar com o título da temporada.

Na briga pelo vice-campeonato da categoria está o paulista Eduardo Lima, que soma 122 pontos, apenas dois a menos que Leandro. Para Dudu garantir a posição e conseqüentemente o vice-campeonato, só a vitória em São Miguel do Oeste interessa.

A MX3 já tem seu campeão 2009. Com o segundo lugar na etapa de Capinzal, Elton Becker garantiu o título antecipado da categoria ao abrir 35 pontos de vantagem para o vice-líder, Erivelto Nicoladelli. Agora, Elton que já confirmou sua participação em São Miguel do Oeste, vai com toda a tranqüilidade disputar a última prova do estadual 2009 na pista que leva o nome de seu irmão, Milton “Chumbinho” Becker, para tentar mais um resultado positivo e encerrar com vitória mais uma temporada de sucesso no estadual.

A disputa na MX3 fica para o vice-campeonato, com Erivelto Nicoladelli e Anísio Clasen. Erivelto tem 19 pontos de vantagem para Clasen que precisa vencer e torcer para que Nicoladelli some menos que seis pontos em São Miguel do Oeste.

A categoria Intermediária é outra que deverá ter disputas da largada até a bandeirada final, tudo por que é de apenas cinco pontos a diferença entre o líder do campeonato Victor Feltz, e o vice-líder Maicon Kraemer. Os dois disputaram desde o início do campeonato e apenas na etapa de Capinzal quando a diferença entre os líderes era de apenas dois pontos, é que Victor Feltz assumiu a liderança e abriu alguns pontinhos de vantagem em busca do título.

Ainda na Intermediária, a diferença entre Maicon Kraemer para o terceiro colocado, Maicon Frena, é de apenas 13 pontos, mostrando mais uma vez o equilíbrio das disputas nesta categoria.

As categorias Nacional e Nacional 230cc também já estão com os seus campeões definidos. Ramon França é o campeão antecipado da Nacional com 39 pontos de vantagem para Fábio Lana, segundo colocado. Na Nacional 230cc, campeão e vice já estão decididos. Osmar Mosimann Neto é o campeão e Carlos Machado o vice.

Pela 85cc, a briga pelo título está entre Tauan Brenner e Hallex Dalfovo. Tauan tem 15 pontos de vantagem para Hallex que precisa vencer e ainda torcer para que seu principal adversário some menos de 10 pontos na etapa final.

Na 65cc, Rodrigo Riffel foi absoluto e venceu as sete etapas já disputadas, conquistando 175 pontos. Agora, o piloto vai a São Miguel do Oeste para vencer a etapa final e ser campeão invicto da temporada 2009.

Com Rodrigo campeão com duas etapas de antecedência, a disputa na 65cc ficou pelo vice-campeonato entre Kaue Vieira, Leonardo de Souza e Luciano Oriano Júnior. Kaue é o atual dono da segunda colocação na categoria, mas tem apenas quatro pontos de vantagem para Leonardo e Luciano que estão empatados na terceira colocação com 106 pontos.

Entre os pequenos da 50cc, Pietro Pimentel está na frente na briga pelo título com 172 pontos, 17 a mais que Wagner Oliveira, vice-líder, que soma 155 pontos. Thiago Brenner vem logo em seguida, na terceira posição com 132 pontos.