Foto: Garupa ‚ bÆo!

Garupa, taxa, absurdado, genéricos, DPVAT pro inferno

Foto: Garupa ‚ bÆo!

Foto: Garupa ‚ bÆo!

Oi tite! Faz tempo que procuro informa‡äes sobre como conduzir a moto levando garupa e, o mais importante, como se comportar na garupa de maneira correta, por‚m nÆo tenho tido ˆxito. Parece um assunto simples, mas acho que merece aten‡Æo. Vocˆ poderia montar um guia sobre os cuidados do condutor e do garupa? Muito obrigado pela aten‡Æo e parab‚ns pelo site!
Eduardo – Caxias do Sul – RS

R: Edu, v  na ferramenta de busca e digite “Garupa tamb‚m ‚ gente”. Bingo!

Taxa
Tite, àtimo editorial sobre o trƒnsito, principalmente sobre a altura dos muros instalados em pontes e viadutos. Espero que algum engenheiro vi rio leia. Agora minha pergunta: como vou fazer a ret¡fica do motor da minha Sahara, o que vocˆ acha de aumentar a taxa de compressÆo de 8,9:1 para algo em torno de 10,0:1 ou algo pr¢ximo a isso. Adianto que pretendo usar somente gasolina podium.
Rog‚rio – SÆo Paulo – SP

R: Sinceramente, acho desnecess rio e o risco de furar o pistÆo ‚ muito grande!

Absurdado
Tite, estive fazendo algumas pesquisas na internet para comprar um capacete no exterior. Fiquei mais absurdado ainda com o Lisarb. No JapÆo um Arai fabricado l  custa em torno de U$500. Nos EUA, que importam este mesmo capacete dos japas, ele custa U$530. J , n¢s Lisarbianos, que temos uma renda muitoooo maior que Japas e Ianques, pagamos a bagatela de U$1250 neste mesmo capacete. Vocˆ sabe me dizer quanto destes U$1250 ‚ referente … impostos ? Outra duvida, vocˆ j  andou de FZ6 ? Se sim, o que achou ?
Rog‚rio – SP – SP

R: Roger, meu amigo, visitar sites gringo faz mal … sa£de! seja um lisarbiano leg¡timo, um autˆntico filantropo sulamericano e pague esse overprice de 1.000% aos coitadinhos dos comerciantes, pois eles tˆm fam¡lia e filhos pra criar. Nem vou comentar sobre impostos de produtos importados porque existe um tal sistema Dasl£dico de importa‡Æo que me parece um bom neg¢cio para quem vende.

Gen‚ricos
Tite, fico impressionado com a criatividade (ou falta de) do nosso vizinho PY, eles conseguem falsificar tudo! Outro dia eu estava chegando na faculdade e vi uma moto cross laranja, logo pensei: nossa uma KTM aqui em foz, e vi as inscri‡äes da marca em preto, grande no tanque. Quando me aproximei percebi que era uma KTN, isso mesmo, KTN, e a marca era Kenton. NÆo tirei uma foto pq nÆo tinha m quina. E pior que existem motos iguaizinhas as yes 125, as cg 150 e 150 sport e ainda a biz, mas sÆo identicas mesmo, porem, sÆo das marcas kenton e leopard. Impressionante.
Tiago – Foz do Igua‡u, PR

R: Poxa, Tiaguito, nÆo seja assim mal‚ovolo com nossos hermanos. NÆo se trata de imita‡äes, sÆo “gen‚ricos”. Por exemplo, eu acho realmente a Inglaterra um pa¡s atrasado, pois precisa 12 anos pra fazer um u¡sque que no PY ‚ feito em um mˆs! Isso ‚ “just in time”, meu caro!

DPVAT que pariu!
Tite, fui ver agora quanto vou vou enfiar nas burras do Governo do Estado em 2008 de IPVA e, qual nÆo foi minha surpresa em ver que o valor do Seguro Obrigat¢rio foi para mais de 250 paus ! PQP, esses vagabundos aumentam para um valor absurdo. NÆo querem que ningu‚m tenha mais motos. Bando de ladräes e outros adjetivos que nÆo posso dizer aqui. Vamos convocar uma desobediˆncia civl por parte dos propriet rios de motos. Ningu‚m mais paga esse roubo do Seguro Obrigat¢rio ! Vamos fazer uma revolu‡Æo em lisarb!
Marco – Botucatu, SP
Pelo amor de Deus! A cada ano a mordida do DPVAT ‚ maior. Tite, prepara um editorial f**** para nos defender!
Fernando – Francisco BeltrÆo – PR
Mais uma vez os motociclistas brasileiros sÆo esbulhados e mais uma vez os respons veis sÆo as seguradoras: Recebi o boleto para pagto.antecipado e o seguro passou de R$184,21 (2007) para R$254,67 (2008) isto ‚, 39%. Pobre das pessoas que dependem da moto p/trabalhar. Al‚m de sermos saqueados pelos impostos do governo, explorados pelas taxas banc rias, agora vem as seguradorasnos extorquir. Onde vamos parar?
Gilberto – Os¢rio-RS

R: Eu pensei em escrever um dos meus editoriais  cidos, azedos, mais purulento que baba de dragÆo de Komodo. Mas cansei. Fiquei imaginando um burocratazinho da Fenaseg me enviando uma mensagem cheia de termos corporativos e advogadensis me amea‡ando de prender, arrebentar, capar etc se eu nÆo publicasse um direito de resposta. Por isso deixo … vocˆs a tarefa de vociferarem …s turras com esse estado de coisa. Quem teve aumento de 39% de remunera‡Æo em 2007? Uma empresa que apresentasse um crescimento de 39% tornar-se-ia um case de marketing internacional. Mas basta uma canetada para as associadas da Fenaseg aumentarem a arrecada‡Æo em 39%. A alega‡Æo de excesso de acidentes com v¡timas d  vontade de pular na jugular de um desses burocratas engomadinhos. Em todo mundo seguro ‚ uma atividade de risco. Menos em Lisarb, pa¡s no qual as seguradores apresentaram o segundo maior faturamento do mercado financeiro, perdendo apenas para os bancos – dos quais sÆo parceiras. No Lisarb a seguradora quer ter 100% de certeza de nÆo correr riscos. Sabiam que eu nÆo acho uma seguradora que fa‡a meu seguro de vida? S¢ porque sou escalador, uma atividade esportiva milescentas vezes mais segura do que atravessar uma rua em SÆo Paulo. Seguradoras tˆm alergia … palavra risco. Deveriam mudar de nome para “tomadoras de dinheiro em troca de muita burocracia para proteger seu patrim“nio, desde que nÆo haja riscos”. Se existe excesso de acidente com motociclistas ‚ porque as autoridades de trƒnsito estÆo pouco se lixando pra isso. E que culpa tenho eu se um motoqueiro assassino morre num acidente por ser um imbecil sem amor … vida? Eu que pago por isso? Quando foi a £ltima vez que a Fenaseg patrocinou um curso de pilotagem preventiva para motociclistas? Quando a Fenaseg promoveu um lobby para que o Denatran seja mais rigoroso na concessÆo de licen‡a para moto-escolas picaretas? As seguradoras nÆo movem um dedo para melhorar a seguran‡a dos motociclistas, mas sÆo muito  geis na hora de manipular as agrava‡äes e aumentar seus lucros. DPVAT pro inferno todas elas! (P“, nÆo era pra ser um editorial!).

Livro
tite, quero agradecer por ter me enviado (em tempo record, 2 dias) meu presente de natal. e veio com b“nus ainda, um aut¢grafo em cada!!! agrade‡o mesmo e com certeza ser  uma ¢tima leitura e um ¢timo acompanhamento para horas no banheiro (s¢ consigo ler no banheiro!!!) valeu mesmo.
Hiranzinho – curitiba – PR

R: HiranzÆo, a segunda metade do livro tem cr“nicas bem curtas, especialmente feitas para o correto timmimg de uma obrada. NÆo me ofendo em ser lido no banheiro, pelo contr rio, v  fundo mas cuidado para a risada nÆo atrapalhar a obra.