Belo material de divulgação elaborado pela FMG divulgando a quarta etapa do Goiano de Motocross

Goiano de Motocross chega à sua quarta etapa

Está tudo em ordem para o Campeonato Goiano de Motocross, o MXGO, realizar sua quarta etapa. As disputas acontecem já neste final de semana, dias 4 e 5, na cidadezinha de Corumbaíba, distante 220 km de Goiânia e 320 de Brasília. A pista montada na saída do município tem 1200 metros de extensão e promete ser palco de grandes pegas. A prova conta com realização da prefeitura municipal e supervisão da Federação de Motociclismo de Goiás (FMG), com organização do Moto Clube GP.

No sábado, os treinos livres começam às 12h, enquanto os os treinos cronometrados serão a partir das 14h e em seguida acontecerão as
baterias programadas das categorias Nacional, Estreantes e MX4. No domingo ocorrem diversas baterias. A partir das 11h será realizada a primeira bateria das seis previstas, a MX2, Junior, MX3, 65, Intermediaria, 50cc e, por últmo, a MX1.

A prova terá transmissão ao vivo pela Web, pelo site www.dm.com.br. O apoio desta prova do Goiano será de Pneus Rinaldi, Arruda Santos, IMS Racing, Borilli Pneus, Circuit, Medcomerce, Mobil, Rapozão Racing, Cleidmar Racing, Moto Livre Shop, Raça Motos Racing, Fink Sistemas Automotivos, Colchões Nippon Ken, Morais Troféus, Terraplan, Proesporte, SEDUCE e Governo de Goias.

Belo material elaborado pela FMG divulgando a quarta etapa do Goiano de Motocross

Belo material elaborado pela FMG divulgando a quarta etapa do Goiano de Motocross

PROGRAMAÇÃO
Sábado
10 às 12h – Inscrições / vistoria
12h Treinos livres (em ordem: MX1, MX2, MX3, MX4, Estrantes, Junior, Nacional B, 65cc, Intermediária, 50cc)
14h: Treinos cronometrados (em ordem: MX2, MX3, Estrantes, MX1, Junior, MX4, Nacional B, Intermediária, 65cc)
16h: Provas (em ordem: Nacional, MX4, Estreantes)

Domingo
11h Provas (em ordem: MX2, Junior, MX3, 65cc, Intermediária, 50cc, MX1)
Os pódios acontecem sempre após o encerramento de cada bateria

Cartaz 4ª MXGO 16 Corumbaiba final 2

 

Terceira etapa aconteceu em Chapadão do Céu

O município de Chapadão do Céu sediou a terceira etapa do Goiano de Motocross, realizada no final de semana passado. A prova recebeu pilotos de seis estados, como Goiás, São Paulo, Mato Grosso e Minas Gerais, que tiveram de enfrentar um forte calor no sábado e uma pista escorregadia no domingo, pois choveu entre os dias 28 e 29.

Na categoria MX1, a elite do MXGO, nova vitória de Welington Garcia (que já havia vencido na segunda etapa) seguido por Gustavo Pessoa e Luiz Filipe Farias de Souza, que concluíram a etapa em segundo e terceiro, respectivamente. Na MX 2, outra vitória de Welington Garcia, seguido novamente por Gustavo Pessoa e, desta vez, Kioman de Jesus Navarro.

A Junior viu a primeira vitória de João Ricardo Alves Rodrigues, com Marcello Leodorico Fernandes Silva em segundo e Luiz Filipe Vale da Rocha em terceiro. Wolney Ferreira de Lima chegou em primeiro na MX3, com Claudner Coelho da Rocha e Kurt Rudolf Feichtenberger logo atrás. Na Intermediária  Henrique Oliveira Vinhal subiu ao ponto mais alto do pódio, seguido por  Felipe Ricardo Cordeiro e Keven Willian Ikeda Ramos.

As 65cc viram primeira vitória de Ana Beatriz Fernandes Silva, seguida pelo seu irmão Marcelo Leodorico Fernandes Silva e por Felipe de Menezes Marques. Na categoria 50cc o vencedor foi Jose Arantes Bráulio, com João Mauricio Torres e Felipe de Menezes Marques cruzando em seguida.

No sábado foi disputada a categoria Nacional B, que viu Francisco Jhonathan Lucio Freitas Sampaio garantir a vitória, seguido de Abderman Ferreira da Silva e Luiz Fernando Amaral. Na MX4 Ellizeu dos Santos Ferreira saiu vencedor, enquanto João Batista Barbosa Filho conquistou o segundo lugar e  Weiner das Neves Assis o terceiro. Na Estreantes, que encerrou as atividades do dia, as melhores posições foram ocupadas por Kelvin Hiago Zanini, Matheus Filipe Martins de Lima e Rosimar Lemes de Oliveira.

Destinos curiosos do Goiano

Para quem acompanha o motocross nacional as cidades que recebem o MXGO são uma atração à parte. O campeonato, um dos maiores do país, tem suas etapas realizadas em municípios tão curiosos quanto pequenos. A temporada 2016, por exemplo, iniciou em Três Ranchos, na pista montada em frente ao Ranchão do Lago Azul. Em seguida, veio a etapa de Piranhas, cidadezinha de 12 mil habitantes. Achou pequena? Chapadão do Céu tem 8mil, enquanto Corumbaíba tem 7,5 mil (e 104 anos). Nesta temporada serão 11 etapas, com o campeonato se estendendo desde março até novembro.



Jornalista gaúcho convicto de que um passeio de moto em um dia de sol é a cura para praticamente todos os males da vida. Fã de motoaventurismo, competições de moto, café, praia e de rock n roll.