Autódromo de Goiânia, reformado, reabre dia 9 de agosto

Goiás MotoGP reinaugura autódromo de Goiânia

Com uma das pistas mais charmosas do Brasil, confirmada para receber o Mundial de Motovelocidade em 2015, o Autódromo Internacional de Goiânia recebe nos dias 9 e 10 de agosto a etapa de abertura do Goiás MotoGP 2014. A prova será a inauguração da pista para competições de motovelocidade no mais moderno e seguro autódromo do país na atualidade. Com um investimento forte em sua reconstrução, o autódromo recebeu novo asfalto de padrão internacional, mais de 200 câmeras de monitoramento, 22 novos boxes, nova iluminação e torre de controle.

Autódromo de Goiânia, reformado, reabre dia 9 de agosto

Autódromo de Goiânia, reformado, reabre dia 9 de agosto

“O autódromo foi praticamente reconstruído, mas foi mantido o circuito original. Agora, a pista tem a mesma composição de asfalto dos autódromos europeus, o que garante muito mais aderência e durabilidade. Ficou, como se costuma dizer, ‘top’. Os pilotos terão as condições mais do que perfeitas para competir. Goiânia entrou para um seleto rol de autódromos internacionais”, diz Roberto Boettcher, presidente da Federação de Motociclismo do Estado de Goiás e vice-presidente da Confederação Brasileira de Motociclismo.

Inaugurado originalmente em julho de 1974, o Autódromo Internacional de Goiânia tem três opções de circuito: externo (2.670m), misto (3.835m) e club (1.909m). A capacidade de público é de 100 mil pessoas, e, se dentro da pista o padrão é de excelência, fora dela o nível também é alto. Foram construídos seis novos portões de entrada, instalação de 3 mil vagas de estacionamento, reforma da arquibancada coberta, além da construção de restaurante, bares e novos camarotes.

“Tudo é novo e muito moderno. Pilotos e equipes terão mais espaço nos boxes e o público terá ainda mais conforto para assistir ao espetáculo dentro da pista. São nada menos do que 200 câmeras de monitoramento, permitindo visão completa de todos os pontos do autódromo, o que se reflete diretamente em segurança. Como se tudo isso ainda não fosse suficiente, temos uma nova sala de briefing, cronometragem, administração, transmissão, centro médico e imprensa”, completou Boettcher.

O Goiás MotoGP 2014 terá cinco etapas, sendo duas válidas pelo Campeonato Brasileiro Moto 1000 GP. Os competidores serão divididos em nove categorias: 125cc, 135cc2T, 150cc, 250cc, 300cc, 500c, SBK, SBK Light e SBK Master.