Foto: Brasileiro e seu chefe de equipe, Julian Miralles, demonstram otimismo para a temporada 2009.

Granado garante presença no Mediterrâneo

Foto: Brasileiro e seu chefe de equipe, Julian Miralles, demonstram otimismo para a temporada 2009.

Foto: Brasileiro e seu chefe de equipe, Julian Miralles, demonstram otimismo para a temporada 2009.

Eric Granado confirmou recentemente a sua inscrição para a temporada 2009 do Campeonato Mediterrâneo de Motovelocidade, na Espanha, categoria que utilizou como “plataforma” de treinos para o Cuna de Campeones Bancaja no ano passado, no qual sagrou-se campeão.

Mesmo tendo encarado o torneio como um espaço para testes, o brasileiro obteve o terceiro lugar da classificação final e só não brigou pelo vice em função do cancelamento da última etapa.

Para 2009, a meta do pequeno de 12 anos é lutar pelo título. “A categoria passa a ser outra, para motos de 125 cilindradas, por isso as dificuldades prometem ser ainda maiores. Mas eu gostei muito de ser campeão em 2008 e quero colecionar novos prêmios”, declarou o piloto, atual detentor dos títulos do Bancaja e do Campeonato Valenciano.

Apesar de ainda não ter acelerado a nova moto da classe Pre125, Granado se diz confiante nos trabalhos que já vêm sendo feitos por seu chefe de equipe na Espanha, Julian Miralles, ex-piloto com longa passagem no Mundial de Motovelocidade.

“A experiência dele vai ser muito importante para o meu desenvolvimento, como nos anos anteriores. Será um desafio para todos os pilotos, mas estou confiante, pois não estou lá para ser mais um nome no grid. Quero vencer”, ressaltou.

De acordo com Miralles, a nova moto nasceu bem e o deixou empolgado após os primeiros testes. “Precisamos trabalhar para encontrar o melhor acerto, mas a base que temos é muito boa. Nossos pilotos são jovens e com total capacidade de brigar pelo título”, afirmou o chefe da MIR Racing, que aproveitou para elogiar seu corredor brasileiro.

“É um jovem com uma carreira muito promissora e longa pela frente. Foi um dos principais nomes do último campeonato e certamente vai estar no páreo em 2009″, apostou.

O Campeonato Mediterrâneo de Motovelocidade terá um total de seis etapas, a primeira delas prevista para o mês de março, em Castelloli.