Foto: A‡Æo Ambiental em a‡Æo

Grupo de ação ambiental limpa as trilhas do Rally dos Sertões

Foto: A‡Æo Ambiental em a‡Æo

Foto: A‡Æo Ambiental em a‡Æo

Mais uma vez o Rally dos Sertäes s¢ deixar  rastros nas trilhas do percurso de sua 14¦ edi‡Æo, que ter  1 986 quil“metros de trechos cronometrados.

Desde 2001, o grupo Canastras recolhe tudo o que ‚ deixado nas trilhas e conscientiza os participantes do maior rali da Am‚rica Latina e um dos maiores do mundo em n£mero de participantes. Al‚m disso, em todas as cidades-sede do rali, que sair  de Goiƒnia e passar  por Mina‡u (GO), Palmas (TO), Alto Parna¡ba (MA), Corrente (PI), Barra (BA), Seabra (BA), Brumado (BA), Cƒndido Sales (BA), com chegada em Porto Seguro (BA), haver  um grupo de trabalho nos acampamentos.

No primeiro ano de implanta‡Æo da a‡Æo ambiental, o grupo Canastras foi para as trilhas com trˆs pessoas e uma picape, e recolheu todo o lixo deixado nas largadas das especiais, al‚m de peda‡os de carro e outros detritos que encontraram nas trilhas.

“Quando a Simone Palladino foi para uma prova no exterior, ela viu a quantidade de sujeira deixada nos lugares por onde o rali passava. Chegando aqui no Brasil, percebeu que no Sertäes tamb‚m havia muito lixo nas largadas. Da¡ surgiu a id‚ia de fazermos esse trabalho de diminuir o impacto sobre o meio ambiente, que nosso grupo j  fazia na Serra da Canastra, em Minas Gerais”, explicou Fl vio Piassi, coordenador geral da A‡Æo Ambiental do Rally dos Sertäes.

Neste primeiro ano de trabalho foram recolhidos de 10 a 12 sacos de lixo de cem litros cheios nas largadas. No ano seguinte, o grupo percebeu que nÆo bastava limpar os locais, era preciso conscientizar os participantes a nÆo jogar coisas no chÆo. J  no terceiro ano, a quantidade de lixo caiu bastante, tanto que em 2005 foram recolhidos apenas 5% do que foi retirado na primeira vez.

Na edi‡Æo passada, a a‡Æo ambiental aumentou. Al‚m das trˆs pessoas que vÆo no carro limpando a trilha, foi criado um grupo para conversar com todos os chefes de equipe nos acampamentos do rali, al‚m de distribuir material de apoio, como cartilha ambiental, lixeiras, sacos de lixo grandes, sacolinhas para colocar no carro, cinzeiros ecol¢gico confeccionados em pl stico, f ceis de serem carregados no bolso, al‚m de tambores para dispensar o ¢leo retirado dos ve¡culos e coleta de pilhas.

“O trabalho de conscientiza‡Æo funciona bem. Agora as equipes j  nos procuram para pedir informa‡äes, para retirar mais sacos de lixo. Neste ano fizemos uma mudan‡a na log¡stica da a‡Æo nos acampamentos. Ao inv‚s de levar as pessoas, teremos um coordenador que trabalhar  com um grupo de seis moradores. Al‚m de deixar a cidade limpa, formaremos agentes locais, que poderÆo passar para a comunidade tudo o que aprenderam nesta a‡Æo”, contou Piassi.

A programa‡Æo da 14¦ edi‡Æo do Rally dos Sertäes come‡ar  nesta segunda-feira, com a vistoria t‚cnica dos ve¡culos, na arena montada em frente ao Shopping Flamboyant, em Goiƒnia (GO). Na quarta-feira (26), ser  realizado o pr¢logo, tomada de tempo que definir  a ordem de largada da prova. A partir das 19 horas, haver  a largada promocional e o show da banda mineira Skank.