Foto: PRÓ MOTO

Honda com “B” de Brasil

Foto: PRÓ MOTO

Foto: PRÓ MOTO

Recentemente tive a oportunidade de realizar um sonho antigo, conhecer a Fábrica de motocicletas da Honda, em Manaus. Em primeiro lugar veio a satisfação de receber um convite da própria fabricante, o que mostra que nosso trabalho tem sido reconhecido e valorizado. E o mais importante, a chance de ver de perto um processo complexo de fabricação, que envolve um “Mix” de produtos interessante, que atende à grande maioria do mercado nacional.
Eu esperava visitar uma fábrica enorme, e visitei! Esperava conhecer profissionais do mais alto nível, e conheci também! Já imaginava os projetos sociais e ecológicos desenvolvidos pela fábrica, e me surpreendi, pois eles são maiores e mais numerosos que o esperado.
Mas o que eu não esperava mesmo era conhecer funcionários (carinhosamente denominados como colaboradores) tão apaixonados pelo motociclismo, e pelas suas funções exercidas. Com o passar dos dias que fiquei em Manaus, ao lado da minha esposa e companheira de trabalho, Michelle Jeca Girl, pude acompanhar um pouco da rotina dos funcionários da fábrica.
É facilmente perceptível que a grande maioria dos funcionários da Honda tem enorme orgulho por trabalhar lá. Minha primeira “suspeita” sobre isso veio quando um deles comentou comigo que um dos empregos mais desejados de Manaus é justamente ser trabalhador da Honda. Aos poucos fui analisando vários sinais claros desta opção. Todos os funcionários são devidamente transportados até a empresa, que se situa muito perto do centro da cidade. Plano de saúde é direito de todos, bem como projetos de capacitação profissional.
Aliás, destaque também para o projeto da Honda que capacita jovens estudantes, para que, no futuro, se desejarem, tornem-se funcionários da fábrica. Demais vantagens, como creche e alimentação, estão incluídas. Cada turno de trabalhadores é “recebido” diariamente com lanche, seguido de almoço (ou jantar) e outro lanche, mais tarde.
Imagine uma fábrica que produz mais de 1 milhão de motos/ano. Provavelmente deve passar a imagem de sujeira, confusão, barulhos insuportáveis… Pois então, eu também tinha este “pré” conceito, de forma totalmente errada. Por lá, o que mais se vê é chão limpo, organizado, com faixas delimitando o caminho que se deve seguir, e também o caminho que a linha de produção segue.
Conversei com um funcionário cujo sobrenome era “Brasil”. Ele se orgulhava do fato de ter sido iniciado na Honda como funcionário da linha de montagem, e de atualmente ter sido treinado para trabalhar no setor de sinterização. A Honda é uma empresa Japonesa que conseguiu agregar conceitos do país do sol nascente aos seus colaboradores, que a deixam com um “perfil brasileiro” dos mais desejados no mundo inteiro.
E para nós, consumidores dos produtos (acabo de adquirir minha 5ª moto Honda), fica a certeza que vale a pena acreditar numa empresa como esta, que produz com qualidade, respeito ao meio ambiente, respeito às pessoas, a todos. Na edição 92 da Revista Pró Moto, que já está nas Bancas (www.revistapro.com.br) explico melhor cada um destes fatores, para que você entenda porque a Honda é uma potência, e porque ela certamente continuará sendo, por muito tempo, a líder de vendas no país.

Foto: PRÓ MOTO

Foto: PRÓ MOTO

Um abraço